Montando um servidor de pacotes pré-compilados do Gentoo

Esse artigo fala sobre como montar um servidor de pacotes pré-compilados do Gentoo. Essa é uma continuação do outro que postei, porém preferi separá-los em dois, pois o assunto é um pouco diferente.

[ Hits: 15.441 ]

Por: Lucas Teske em 20/10/2006


Finalizando a instalação e disponibilizando os pacotes



Bom, agora vem a parte mais fácil (nossa, mais fácil do que a anterior? É, é sim hehe).

Por incrível que pareça não é um bicho de sete cabeças, são coisas que podem parecer difíceis, mas na realidade não são e eu vou mostrar isso:

No Gentoo o Apache2 já vem configurado para rodar na pasta /var/www/localhost/htdocs, agora basta adicioná-lo como processo para iniciar no boot:

# rc-update add apache2 default
* apache2 added to runlevel default
* rc-update complete.

Executado o comando, o Apache2 iniciará automaticamente com o boot, porém precisamos inicia-lo agora:

# /etc/init.d/apache2 start
* Starting apache2 ...
[Fri Sep 22 21:36:28 2006] [warn] module headers_module is already loaded, skipping
[Fri Sep 22 21:36:28 2006] [warn] module deflate_module is already loaded, skipping
apache2: Could not determine the server's fully qualified domain name, using 10.15.5.66 for ServerName [ ok ]

Pronto, o Apache está iniciado, faça um teste para ver se tudo ocorreu bem, tente acessar a página local:

$ firefox "http://localhost"

Se ele abrir uma página, é sinal de que tudo ocorreu bem, caso não, revise os passos anteriores, se preciso consulte aqui mesmo no VOL como configurar o Apache, no caso a maioria dos aplicativos no Gentoo, inclusive o Apache, já vem configurado para rodar em localhost, sendo assim desnecessária a configuração dele.

Bom, voltando ao servidor, caso esteja rodando perfeitamente o Apache2 e se você já tem os pacotes pré-compilados e criados com o quickpkg, agora basta linká-los com o Apache2.

Por padrão os pacotes vão parar no diretório /usr/portage/packages/All, então faremos um link desse diretório até outro dentro da raiz do Apache www:

# ln -s /usr/portage/packages/All/ /var/www/localhost/htdocs/pacotes

Okay, tudo linkado, vamos conferir?

$ firefox "http://localhost/pacotes"

Caso apareçam os pacotes certinhos aí, parabéns, o servidor está criado! O método é bem simples, mas é funcional. Agora vamos a próxima parte do artigo, configurando os clientes.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalação
   2. Finalizando a instalação e disponibilizando os pacotes
   3. Configurando as máquinas cliente para buscar pacotes de um servidor
Outros artigos deste autor

Criando pacotes pré-compilados no Gentoo

Leitura recomendada

A Vida no Shell

Escreva para o VOL - Contribua você também!

Metisse (3D Desktop): Um novo conceito de interface gráfica!

Criação de um repositório (mrepo) - Red Hat e CentOS 5 (com atualização na RHN para RedHat)

Utilizando o X-Deep32 para rodar programas Linux em máquina Windows

  
Comentários
[1] Comentário enviado por david.kwast em 29/11/2007 - 19:58h

Meus parabens cara, nao sabia como fazer isso com o Gentoo e seu artigo me abriu varias possibilidades.

Obrigado e Abraços

[2] Comentário enviado por xerxeslins em 16/04/2009 - 13:05h

Excelente artigo. Esse e o primeiro. Favoritados!

Estou instalando o Gentoo hoje... adorei saber que ele é um sistema que pode ser usado profissionalmente (de forma prática).

[3] Comentário enviado por redy em 09/10/2019 - 16:36h

Obrigado isso vai me ajudar no meu projeto, estou para desenvolver um servidor caseiro com gentoo


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts