Modem no Notebook Toshiba 1135-S1553

io

Tutorial básico ensinando como configurar o modem no notebook Toshiba 1135-S1553, mas pode funcionar em hadwares semelhantes. O texto também descreve, brevemente, como instalar um outro OS, pois os CDs Toshiba só permitem uma partição no disco rígido, limitando o usuário ao Windows XP.

[ Hits: 28.763 ]

Por: David em 02/06/2004


Instalação do Fedora Core 1



Embora não seja tópico de discussão deste tutorial, deixo descrita brevemente a instalação da distribuição que escolhi. Ao contrário do que li na internet, o Fedora me agradou (e muito). Já utilizo o Slackware 9 (ótima distro, mas peca por não disponibilizar as fontes do kernel - não na minha versão 9) e testei os Mandrakes 9.1 e 9.2, que não me agradaram muito, além de ter tido muitos erros durante a instalação de ambos. Mesmo em diferentes computadores, o erro foi o mesmo: o programa de instalação nunca conseguia copiar todos os pacotes. Alguns simplesmente não existiam. Minha experiência com o Mandrake foi muito "Windows"... :-)

Meu hda foi particionado semelhante a isso:

    hda1 (ntfs)
    hda2 <EXTENDED>
        hda5 (fat32)
        hda6 (ext3)      /boot        96mb
        hda7 (ext3)      /            8192 gb
        hda8 (swap)                   928mb


Como sempre, faço a instalação "Custom". Mesmo demorando mais para selecionar os pacotes, prefiro assim. Acredito que o item mais importante para este tutorial seja a instalação do "Kernel Development", especialmente a do pacote "kernel-sources". Você precisará desse pacote, acredite. É sempre um bom conselho: em qualquer distro, sempre instale as fontes do kernel, sempre.

A instalação foi perfeita, tanto em modo texto quanto em modo gráfico (recomendo esta última, pois permite uma melhor liberdade e compreensão na escolha dos pacotes, embora o modo texto seja um pouco mais rápido durante a instalação em si).

Instalei o Grub na MBR, já que também testei alguns kernels personalizados (retirei suporte: muitos discos SCSI, por exemplo, o que diminuiu em 1/3 o espaço ocupado pelos módulos).

Resumindo, gostei muito do Fedora Core 1. As deficiências de MP3 e DVD não demoram nem 30 minutos para serem resolvidas (numa conexão de 56K). Não vou me ater a este assunto aqui, mas é suficiente instalar o "apt" e utilizar os comandos "apt-get install xmms-mp3" (para adicionar MP3 no XMMS) e "apt-get install ogle_gui" (para adicionar a versão gráfica do player de DVD ogle). O apt é muito prático, ele verifica todas as dependências dos módulos, de forma que você não precisa se preocupar com outras bibliotecas, como a libdvdcss e outras que são instaladas automaticamente, em um processo limpo, pseudo-visual e lógico.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Início - particionando
   2. Instalação do Fedora Core 1
   3. Configurando o hardware
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Mudando a cara do Lilo

Como configurar o MySQL no Slackware

Modo texto no Ubuntu 10.10 definitivo rápido e prático!

Instalação do Asterisk no Debian Lenny

Dominando o apt-get no Conectiva

  
Comentários
[1] Comentário enviado por jeffestanislau em 02/06/2004 - 07:51h

Fiquei intrigado com uma coisa... qual é a marca e modelo deste modem? Pois você não disse isso no texto!

[2] Comentário enviado por io em 02/06/2004 - 11:55h

E' um Intel AC97, que vem em placas com chipset I8x0, provavelmente fabricado pela Agere. Eu digo "provavelmente" pq na internet ainda existe uma confusao muito grande sobre isso e, para voce^ ter uma ide'ia, nem no manual do meu notebook toshiba ele especifica. Diz apenas "V.92 56kbps onboard fax/modem"

At'e mais, David.

[3] Comentário enviado por jeffestanislau em 02/06/2004 - 20:55h

Ok!
Perguntei porque tenho um notebook da HP, com modem ESS ES2838/2839 Super Link... o primeiro módulo que peguei para ele era pra kernel 2.2, depois consegui um pra kernel 2.4 mais deu pau, como me conecto mais pela placa de rede relaxei e não dei mais tanta importância, mais sabe como é, pra notebook é sempre bom estar com o modem configurado para eventualidades...

E seu artigo veio a me estigar novamente... por isso o interesse!!!

Blz!!!
[]'s

[4] Comentário enviado por io em 02/06/2004 - 23:03h

Como toda promessa tem que ser cumprida, aqui estou eu, postando todo o conteúdo do lspci -vv (somente a parte do modem, mas é uma placa típica intel 855GM - video - com SouthBridge ICH4, suportando DDR alguma coisa):

00:1f.6 Modem: Intel Corp. 82801DB (ICH4) AC'97 Modem Controller (rev 03) (prog-if 00 [Generic])
Subsystem: Toshiba America Info Systems: Unknown device 0001
Control: I/O+ Mem- BusMaster+ SpecCycle- MemWINV- VGASnoop- ParErr- Stepping- SERR- FastB2B-
Status: Cap+ 66Mhz- UDF- FastB2B+ ParErr- DEVSEL=medium >TAbort- <TAbort- <MAbort- >SERR- <PERR-
Latency: 0
Interrupt: pin B routed to IRQ 10
Region 0: I/O ports at 2400 [size=256]
Region 1: I/O ports at 2000 [size=128]
Capabilities: <available only to root>

[5] Comentário enviado por ryu em 03/06/2004 - 23:27h

to pensando em comprar um laptop nesse mes, mais ai vem a duvida qual modelo comprar... nao conheco nada de laptop mais eu sei que a maioria da um certo trabalho de configurar com linux

qual as melhores marcas pra rodar linux ?

[6] Comentário enviado por io em 04/06/2004 - 15:54h

Olha, na marca vc leva a qualidade, suporte e tal.

Mas se vc quiser saber qual vai dar menos trabalho pra rodar o linux (a distribuição é escolha sua!), você vai ter que ver o hardware de cada computador. Vou dar logo uma dica: acho que o primeiro a ser olhado é o modem, pra ver se funciona no linux, se tem driver etc., porque normalmente os outros componentes nunca dão tanto (muitas vezes nenhum) problema não!! Diz aí quais laptops vc está em dúvida!!

A propósito, o melhor lugar para verificar se um notebook funciona perfeito e/ou quais problemas esperar é em: http://www.linux-laptop.net/ Esse site tem uma coleção gigante de reviews de próprios usuários de notebooks que tentam instalar o linux. Eles dizem o que funcionou 100%, o que foi automático, o que não funcionou, o que funcionou mas precisou de hack, config etc. Tem muita coisa mesmo, tem muita marca e modelo de laptop. Os da IBM, por exemplo, tem TODOS os ThinkPad recentes e uns antigos tb. E quase sempre vc encontra mais de um review por modelo de laptop. Ou seja, mais informação ainda. Esse site é 10.

Até mais, David.

[7] Comentário enviado por removido em 14/02/2006 - 01:25h

Olá. sei que esse artigo tem muito tempo, mas recentemente um amigo comprou um laptop desses e está com um problema, a placa de rede. Pode me dizer qual foi o "comportamento" da placa de rede? Ela foi reconhecida ? Foi usada ?
Obrigado

[8] Comentário enviado por io em 15/02/2006 - 23:04h

a placa é uma realtek 8139, que, por sinal, é a mesma do meu notebook mais recente (comprado após esse aí).

a placa foi reconhecida normalmente sim, e os drivers foram carregados automaticamente. eu usava direto, sem nenhuma configuração adicional, tudo funcionava de imediato. tlvz n possa ajuda-lo muito pq n uso mais o slackware (tlvz seja algo da distribuicao), uso o ubuntu, que é ainda mais facil.

vc tem certeza que a placa de rede é a mesma? quando eu digito "lspci | grep Ethernet" no meu novo notebook é isso que eu obtenho:

02:02.0 Ethernet controller: Realtek Semiconductor Co., Ltd. RTL-8139/8139C/8139C+ (rev 10)

no toshiba era exatamente a mesma coisa (exceto o 02.02.0, eu acho). A sua placa é a mesma? caso não seja, tem certeza que o driver correspondente nao está desativado no kernel? vale a pena verificar.

[9] Comentário enviado por io em 15/02/2006 - 23:06h

ah... e aviso a todos que o tutorial é muuuuito antigo, nem ao menos se aplica em relação à sua principal informação (modem). esse tutorial e as dificuldades de config. devem ser repassados (ainda bem) para um museu... =P

[10] Comentário enviado por schaf em 17/09/2008 - 21:06h

Muito bem, David !
Que artigo bem escrito!
Parabéns. Oxalá todos tivessem sua paciência, capacidade de detalhamento e boa vontade!
Muito obrigado!

[11] Comentário enviado por io em 24/09/2008 - 11:53h

Muito obrigado. É engraçado voltar no tempo e ver as coisas que escrevi há alguns anos!

Aliás, muito bom que o VOL avisa os comentários por e-mail... eu tinha esquecido completamente desse guia.

PARA TODOS QUE LEIAM ESSE GUIA: essas instruções estão bastante ultrapassadas, obviamente, até por ser de 2004. Hoje em dia esse modem é suportado por padrão pelo kernel, então ninguém mais precisa seguir essas configurações espartanas, ok?

Abraços a todos!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts