Linux e jogos, um mercado em expansão

O mercado de jogos tem crescido muito ao longo dos anos e com isto as empresas estão agora começando a se focar em jogos para Linux. Qual a perspectiva de mercado com jogos em Linux nos próximos 10 anos? O que pode ser melhorado?

[ Hits: 37.326 ]

Por: Diogo G. Zanetti em 06/10/2005 | Blog: http://exadmax.googlepages.com


Problemas da demanda



Quando uma empresa cria um Game for Linux, é normalmente porque já criou um Game for Windows, então porta-o para Linux, é a regra, salvo raras excessões. Um Game for Linux only raramente emplaca também, então qual a solução?

Portabilidade - Já pode ser visto algumas empresas criando jogos utilizando tecnologia que garante a portabilidade, como Java, que garante (pelo menos boa parte) que o código não precise ser refeito de um para outro (o que é tarefa tortuosa algumas vezes).

Feito pra Windows pero no mucho - Algumas empresas internamente já adotaram a estratégia de continuar com Games for Windows only, mas souberam aproveitar suas bibliotecas e podem ser totalmente portadas para o Wine, o que garante que o jogo rode em Linux, mas não é a melhor solução, é um "garrancho que diz que está escrito".

E além disso, temos o que chamamos de jogos livres que a comunidade cria. Tem casos que o jogo livre é tão bom que chegou a ser portado para outras linguagens para que rode em outros sistemas operacionais.

Mas isto é uma solução para um problema de demanda? Definitivamente não, existem diversos problemas devido a crescente demanda de jogos e isto realmente não tem deixado o sistema operacional do Pinguim emplacar de vez.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Problemas da demanda
   3. Como atender os problemas de demanda
Outros artigos deste autor

Transformando seu Windows em um quase Linux

Ubuntu Linux - Visão Geral

SuSE Linux 9.1 - O poderoso e versátil Linux da Novell

Tranformando Ubuntu Breezy em Ubuntu Dapper

Jakarta JMeter - Testando o desempenho de seus sites

Leitura recomendada

Alien Arena, um jogo FPS para GNU/Linux

Emulando o saudoso jogo ELITE em seu Linux

Instalação do Cedega

Criando um servidor de Ultima Online

Jogue DOOM clássico completo no Linux com Prboom

  
Comentários
[1] Comentário enviado por sergiotucano em 06/10/2005 - 01:39h

Muita gente diz e eu digo desde que conheci o Linux...

Ele vai se popularizar e vão começar a usar bem ele quando tiver jogos bons para Linjux...

Digo jogos do estilo "simuladores" por exemplo...

É isso ai ! isso já esta acontecendo ! :)

OPS ! Mas e ai , como fica com a MS querendo acabar com o OpenGL ?
O OpenGL é uma forma de se rodar 3D no Linux seria muito bom os desenvolvedores usarem bem esta tecnologia que o Linux também trabalha.

FALOW !

[2] Comentário enviado por birilo em 06/10/2005 - 08:49h

Se eu não me engane, a faculdade UNICEMP - Curitiba PR, tem um curso de pos graduação em desenvolvimento do jogos.

[3] Comentário enviado por _simmons_ em 06/10/2005 - 09:52h

Uma empresa de games que admiro é a Id Software. Em seus últimos grandes lançamentos ela tem se preocupado em lançar instaladores nativos para o Linux, e isso facilita muito. E sem contar que em 99% dos casos(pelo menos comigo) os jogos que são portados para o Linux rodam bem melhor do que no Windows.

Aqui vai uma lista de alguns jogos que tem binários nativos para o Linux(nem todos são da Id):

Doom3
Enemy Territory
Glest
Medal Of Honor
Unreal Tournament 2000,2003,2004
Cube
Neverwinter Nights
Quake 2,3

E a Id já garantiu o port do Quake 4. Ele deverá ser lançado alguns dias/semanas depois da versão for Windows.

Agora é só aguardar. =)

[]'s

André Michi

[4] Comentário enviado por neriberto em 06/10/2005 - 13:00h

Muito bom o artigo e não posso deixar de dizer isto, recentemente na medida do possível tenho estudo SDL e OpenGL, porém os dois trabalhos tem tomando conta, umas das coisas que eu acho que dificulta a criação de jogos são "ferramentas de suporte" ou seja se eu quero criar um jogo 3D para Linux eu vou ter que criar a engine e vou ter que criar programas como editor de fases/mapas e modeladores 3D, sei alguns vão discordar mas em ambientes Linux estamos fracos de modeladores/renderizadores 3D, sei que existe o Maya, Blender, porém não é o suficente e não vou entrar em detalhes sobre cada um.

Um dos modeladores mais utilizados para games ainda é o 3D Studio e é o software que a maioria conhece, só para citar Doom 3 teve alguns personagens modelados em Ligtwave 3D...

Enfim para se criar um jogo é preciso ter algumas ferramentas de apoio, do que adianta escrever um código no Linux se os personagens são feitos em sistemas que rodam sobre o Windows. Bom não me levem a mal pois também acredito em nosso sistema e é por isto que estou estudando SDL e OpenGL. Quanto ao OpenGL acabar hmm duvido e se isto acontecer acredito que vai demorar, já que ajudou muito no crescimento/desenvolvimento desta tecnologia foi a SGI

[5] Comentário enviado por andretyn em 06/10/2005 - 13:05h

Como eu já escrevi aqui, antes do problema do site do VOL, tem uma porrada de jogos para o linux no site do pessoal do loki instalador, veja bem, não é da Loki, mas um pessoal que usa a ideia do Instalador da Loki, tem varios jogos, só para citar:
Cube
Glest
Quake 1,2 e 3
no_gravity
ETF
True Combat: Elite
Nexuiz
Warzone 2100
racer
ufo:alien invasion
etc

O legal é que ele coloca até um atalho para você no seu menu, eu testei um monte de jogos, e todos funcionaram legal, o instalador é um binario,
é só dar um chmod +x binario e rodar-lo, muito facíl:)
AH! o endereço é http://liflg.org/
Bom divertimento, 8-))
ps: alguém se habilita a escrever um artigo ou dica sobre os jogos deste site!!!
ps1: Dá uma entrada no site e clica no dowloands (é assim que se escreve???:)) e você verá o tamanho dos arquivos, alguns são pequenos, outros não

[6] Comentário enviado por marcosomelhor em 06/10/2005 - 15:06h

Qual é o tamanho desses instaladores pra linux pra doom 3, quake e similares????
(sabe internet discada)

[7] Comentário enviado por agk em 06/10/2005 - 15:14h

O mercado de jogos para Linux está crescendo, cada vez mais saem jogos bons para Linux, o que o pessoal não vai encontrar com tanta facilidade são a quantidade de jogos para Windows (pagos $$$) para GNU/Linux (Opensource), pois jogos demandam tempo e dedicação no desenvolvimento e as empresas gastam muito para produzir seus games.

[8] Comentário enviado por Marco Carvalho em 06/10/2005 - 16:26h

O que posso dizer é que sempre gostei de Counter Strike, mas depois que experimentei o Enemy Territory não volto mais à jogar CS.
O Enemy Territory mostra que é perfeitamente possível ter jogos de alta qualidade rodando nativamente em Linux

[9] Comentário enviado por hellnux em 06/10/2005 - 17:20h

Olá

Minha faculdade vai abrir abrir o curso de pós graduação em Games!!! Universo - GO =)

HeLLnux Linuxzando...
Até.

[10] Comentário enviado por thyaguvinny em 06/10/2005 - 20:41h

Convenhamos amigo... não é simplesmente abrindo um curso de pós-graduação em criação de jogos que vai resolver esse problema... temos que pensar também na instituição aonde ele um projeto desses vai ser desenvolvido... e quem estuda nas Universidades públicas vai concordar perfeitamente comigo...

>>>> ThYaGu ViNnY
Tecnologia em ReDeS de CoMuNiCaÇãO - CEFET-GO

[11] Comentário enviado por vitor.jjb em 06/10/2005 - 21:56h

Acho que a nenhuma empresa, como EA, iram gastar anos e mil's para desenvolver jogos com tecnologia, pagar programadores, etc... para distribuir para Linux de graça.... Pois esse é um problema de alguns Linuxers, acham que tudo tem que ser de graça... mas acho que o futuro pode ser assim... O Jogo pago com um binário para ser instalado em Linux, como Doom, Quake, UT,...

Mas artigo legal...

[12] Comentário enviado por M4gNv5 em 06/10/2005 - 23:47h

A questão das ferramentas de desenvolvimento é crucial. Concordo com o colega. Mas também acredito que todos os outros que comentaram tem razão. Trata-se da falta de um pouco de tudo. Ferramentas, mercado, etc.

Mas, como sou usuário Linux há muito tempo faço uma comparação com o Gimp, que, no começo, era fraco, ruim (eu não tinha necessidade de usá-lo profissionalmente, então não achava ruim...), e hoje tenho amigos que trabalham em publicidade que se surpreendem com a qualidade do software.

Acredito que com os games vai ser assim. Quando alguém iniciar o desenvolvimento de um software livre tipo o 3D Studio, outros vão aderir e logo teremos algo utilizável.

Eu também estou estudando a OpenGL e o que posso dizer é que, quando ela não era software livre, a solução era a Mesa3D, uma implementação livre que está disponível na net.

Era isso! Saludos!

[13] Comentário enviado por jeolmir em 07/10/2005 - 22:13h

olla pessoal artigo interessante ... estou com o linux instalado ...
bom sei que vai ser difícil mas estou aih pra lutar ...
queria saber como faço pra pegar o o medal of honor allied assault
nativo :D bom com relação ao opengl estou estudando ainda
precisarei saber como funciona ... e com relação a jogar on line
ai fica mais facil ... bom se puderem me ajudar ficarei grato :D

[14] Comentário enviado por PCMasterPB em 08/10/2005 - 16:54h

Seria muito interessante se as empresas de jogos investissem em binários executáveis nativos para o linux, pq emular nem sempre é uma boa opção se comparada a uma versão nativa rodando.

[15] Comentário enviado por Century_Child em 09/10/2005 - 12:15h

Um dos problemas do Linux é que todo mundo acha que tudo tem que ser de graça.

Também faltam ferramentas para gráficos; eu ainda sinto falta de alguns plug-ins do Photoshop (KPT, Eye Candy, e outros) que provavelmente nunca serão portados para o GIMP...

[16] Comentário enviado por sergiotucano em 09/10/2005 - 12:41h

Uma solução para a industria capitalista de jogos seria disponibilizar um binário do jogo junto com o CD para o Windows.

Como se fosse um brinde...

Compre o simulador FALCON 4 e ganhe sua versão para Linux...
Seria legal hein !

FALOW !

[17] Comentário enviado por juliaojunior em 06/11/2006 - 18:38h

isso ainda tá longe, amigo!
mas vamos chegar lá, se insistirmos.

[18] Comentário enviado por abeljnr em 14/02/2007 - 12:47h

Espero que a demanda de profissionais do linux nao cresca,,,, pq assim teremos mais mercado de trabalho... rsrsrrs


mais e sempre assim.... se alguem nao vai com a cara do programa, ja fala q ele e um lixo ou algo do tipo.....

foi o q aconteceu com o linux.... mais agora que esta melhor pra se trabalhar... todo mundo ta kerendo usa-lo...

abraco..

[19] Comentário enviado por abeljnr em 14/02/2007 - 12:50h

(...Quando uma empresa cria um Game for Linux, é normalmente porque já criou um Game for Windows, então porta-o para Linux, é a regra, salvo raras excessões. Um Game for Linux only raramente emplaca também, então qual a solução? ...)

a solucao, na minha opiniao e criarem jogos apenas para o linux.... so que sem aplicacao p/ win....

so que esses jogos tem que ser de boa qualidade, nao pode ser qualquer joguinho...

flw

[20] Comentário enviado por removido em 05/05/2008 - 09:24h

muito bom seu artigo, esperamos que o mercado *GNU* cresça, mas que cresça primeiramente a ideologia de liberdade e conhecimento.

Um forte abraço a todos.


Contribuir com comentário