Instalando uma Nvidia no Debian

Aqui vou demonstrar três métodos diferentes de instalação de uma placa de vídeo Nvidia no Debian, assim você pode escolher o que for mais fácil para você.

[ Hits: 34.043 ]

Por: Fabio Maran em 30/01/2008 | Blog: http://movimentolivre.zip.net


Introdução



Quando iniciei em Linux (não faz muito tempo) escolhi usar o Debian, ainda não sei tal motivo, mas a escolhi.

Talvez por possuir um excelente gerenciador de pacotes, o que me proporciona um conforto na administração de meu sistema.

Então instalei esse sistema e logo de cara um desafio que tive foi instalar minha placa de vídeo, uma Nvidia.

Talvez por não saber nada, ter acabado de vir do mundo NNF (Next , Next , Finish), esse realmente foi um grande desafio. Mas não desisti, fui atrás e depois de muita luta e pesquisa, consegui configurá-la.

Venho aqui neste modesto artigo demonstrar minha experiência, pois sei que existem grandes artigos aqui no VOL sobre o mesmo assunto.

Bom, vamos lá....

Primeiro método

Este primeiro método é o que dizem ser o "tradicional", mas não foi o que melhor me adaptei, com você pode ser diferente. Ele consiste em duas partes, baixarmos o driver do site do fabricante:
Ai você, escolhe o driver que melhor se adapta ao seu caso. Depois vamos para instalação.

Para instalar o driver precisaremos estar em modo texto (sem a interface gráfica), para isso editaremos o arquivo /etc/inittab.

Vamos mudar a seguinte linha:

id:2:initdefault:

Para:

id:1:initdefault:

Aqui vamos mudar o runlevel, mudamos para 1, pois nesse usaremos o single mode, onde só há o root, e sem interface gráfica, que é o que precisamos.

Feito isso reiniciamos nosso sistema para poder entrar em vigor as alterações. Depois de ter reiniciado o computador e se logado no sistema, vamos instalar o driver.

Navegue até o diretório onde se encontra o driver. Ex:

$ cd ~/driver
$ ls

NVIDIA-Linux-x86-96.43.01-pkg1.run

Minha placa é antiga, então baixei o driver legacy, aí só mudará o nome do pacote. Dentro do diretório onde se encontra o driver, vamos instalá-lo.

Para instalar:

# sh drivernvidia

Para a minha placa ficaria assim:

# sh NVIDIA-Linux-x86-96.43.01-pkg1.run

Aí só mudará o nome do driver.

Bom, aí é só seguir os passos, ele irá configurar a placa e configurar o xorg para a nossa configuração, é só ir seguindo as perguntas...

OBS: Lembre-se de depois de ter concluído a instalação voltar o arquivo /etc/inittab para o que estava antes:

id:2:initdefault:

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Segundo método
   3. Terceiro método
Outros artigos deste autor

SquidGuard: Bloqueando o acesso a Web

Samba: Integração com ClamAV e outras coisas úteis

Instalando o KDE 4 no Debian

Debian/APT- Alguns cuidados com os repósitorios

GNOME Slacky 2.20.3

Leitura recomendada

LoadBalance e Failover com OpenBSD e PF

Cable modem no Mandrake 10

Xubuntu Retrô (ao estilo Space Invaders)

Deixando a Área de Trabalho animada com slides no GNOME

Configurando seu Openbox para reconhecer teclas multimídia

  
Comentários
[1] Comentário enviado por dbahiaz em 30/01/2008 - 18:45h

Olá maran, tudo bem? Realmente o Debian oferece muitas opções de administrar o sistema... e só pra acrescentar eu sempre instalo os drives da nvidia usando o metodo 1 "compilando" ,mais de maneira um pouco diferente, e o como o debian etch não vem mais com os kit compiladores C na instalação default, se for o caso, tera que instalar o build-essetial e o linux-headers referente à versão do kernel usado,antes de usar esse metodo, pelo menos aqui eu nunca conseguir sem antes instalar esses pacotes, sempre a instalação é abortada, intão, se ocorrer erro basta instala-los.

para saber a versão:

$uname -r
#aptitude install build-essential linux-headers-2.6.versao-do-kernel


Outra dica é parar o X sem precisar editar init é, Cntrl+Alt+F1 e executar o comando:

#/etc/init.d/gdm stop (parar o x)

#sh NVIDIA-Linux-x86-xxx.xxxx-pkg1.run

#/etc/init.d/gdm start (reiniciar o x)

Abraço, e parabéns!

[2] Comentário enviado por maran em 31/01/2008 - 22:25h

opa fala ae meu velho
eu nao abordei a instalação destes pacotes, pois os mesmos são basicos para realizar tarefas, então não os abordedi, mais valeu pela dica

eu optei por editar o inittab pois muitos users novos tem certas dificuldades para para o processo por este comando ou por um kill,

Mais valeu em meu velho

Te Mais...

[3] Comentário enviado por percival em 01/02/2008 - 08:57h

A iniciativa foi muito boa, e é sempre válida, mas o artigo foi muito mal elaborado.

O usuário iniciante que chegar aqui vai ficar perdidaço... uma porque vai faltar os sources no primeiro método... e nos outros você supôs que todos têm repositórios não-oficiais no sources.list, ou que usem Testing/Unstable, e não o ETCH.

[4] Comentário enviado por maran em 02/02/2008 - 12:16h

nao os testes feitos aqui foram tudo na versão estavel, os paotes da nvidia ja vem, por default em uma instalação ondee voce usa espelho...
Nao usei nenhum epositorio de releases deiferentes pois o mesmo infectaria meu sistema...
Acho que voce se equivocou um pouco neste comentario...
Os 3 metodos de instalação foram testados, e todos funcionaram, em um debian etch recem instalado com apenas 1 cd... entao pode ser reproduzido tranquilamente...

Te Mais...

[5] Comentário enviado por hideoux em 12/05/2008 - 00:27h

Grande Maran!!!
muito obrigado pelo artigo!!

[6] Comentário enviado por maran em 12/05/2008 - 01:36h

orra que isso !!!!!

Valeu meu velho, abraço

[7] Comentário enviado por chimico em 10/12/2008 - 07:42h

Eu faço de outro modo. Como o sistema multi-usuário no Debian vai do runlevel 2 ao 5, eu deixo meu inittab assim:

id:5:initdefault:

e através do programa sysv-rc-conf faço com que o kdm só inicie no runlevel 5 :

chicao@debian:~$ sudo sysv-rc-conf --list

kdm 0:off 1:off 2:off 3:off 4:off 5:on 6:off

Aqui já estão configurados os runlevels, para configurar como eu fiz é só chamar sudo sysv-rc-conf e alterar, não vou entrar em detalhes pois é fácil e intuitivo.
Quando quero (re)instalar o driver da Nvidia através do instalador do site, simplesmente dou um sudo init 3, aí o kdm e o X são fechados e caio na interface de texto. Aí é só logar e iniciar a instalação. Para voltar ao X dÊ um sudo init 5.
Pronto!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts