Instalando fontes TTF de forma fácil com rpm-buid

Instalar fontes TrueType no Xfree86 é muito fácil, não precisamos daquele monte de comandos que lemos em tutoriais na internet. Mostrarei como executar essa tarefa de forma "automatizada" com o rpm-build e de forma manual, para aqueles que não possuem rpm.

[ Hits: 46.716 ]

Por: Lincoln Lordello em 16/06/2004


Introdução



Existem várias páginas ensinando métodos muito antigos para instalar fontes TrueType no Linux, mas hoje o servidor Xfree86 e as interfaces estão muito evoluídos, precisando apenas possuir o utilitário ttmkfdir instalado na sua máquina.

Para quem não sabe, o rpm-build é uma extensão do rpm que se utiliza de arquivos .spec para criar pacotes rpm. São scripts que dizem ao rpm-build o que, como, quando e onde executar tarefas.

O rpm-build é uma exclusividade dos sistemas RedHat e os que se baseiam na tecnologia RPM, no Slackware você deve usar um método manual. No Debian existe uma forma de usar o dpkg, mas eu não conheço :-)

Você vai precisar de:

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Instalação com o rpm-build
   3. Instalação manual
   4. Conclusão
Outros artigos deste autor

Nautilus Scripts

Instale já o Audacity na sua máquina!

Criando pacotes no Slackware

Mandrake x LG

Mantendo seu Slackware atualizado

Leitura recomendada

antiX: uma distro versátil

Instalando o aMSN com suporte a webcam

Como se comunicar com outros usuários da rede

fprint: Biometria livre, completa e total!

Implementando Wake Up on Lan (WoL) no Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por agk em 17/06/2004 - 21:58h

Gostei do artigo, mas tenho uma dúvida, existe algum problema legal quanto a usar essas fontes ou posso usá-las sem problemas?

[2] Comentário enviado por lordello em 17/06/2004 - 22:14h

As fontes são gratuitamente fornecidas pela Micro$oft, a única que não é gratuita é a Tahoma, pois a licença dela está ligada ao IE, que por sua vez está ligado com o Window$. Ou seja, para instalar a Tahoma você precisa possuir um Window$ original comprado por você :-P
Falow!

[3] Comentário enviado por agk em 17/06/2004 - 22:22h

Valeu, agora os usuários aqui não vão mais poder reclamar que não tem fonte arial, times new roman, verdana, courier.
Parabéns mesmo pelo artigo, pra mim foi uma mão na roda, bem agora na fase de implantação do OpenOffice ;) .

Abraços.

[4] Comentário enviado por davidsonpaulo em 02/09/2004 - 13:28h

Esse artigo foi uma mão na roda, mais especificamente o script, que sempre uso pra instalar as fontes TT em qualquer PC com Linux que não as tenha. Ter essas fontes instaladas é primordial, pois garante uma compatibilidade maior com documentos feito no Office, o que é muito útil no lab Linux que cuido.
Abraços Lordello!

[5] Comentário enviado por eduff em 01/07/2006 - 20:02h

Artigo perfeito!!sou usuario do slackware e seu script manual foi uma puta mao na roda!!agora ja da pra roda meu cs via wine =)!so queria fazer uma observaçao..no script manual a linha:
if ( lic = "yes" ); then
wget http://download.microsoft.com/download/ \
ie6sp1/finrel/6_sp1/W98NT42KMeXP/EN-US/IELPKTH.CAB
fi
deveria ser :
if [ $lic = "yes" ]; then
wget http://download.microsoft.com/download/ie6sp1/finrel/6_sp1/W98NT42KMeXP/EN-US/IELPKTH.CAB
fi
mudando estas linhas eh possivel baixar a fonte tahoma!
vlw ai e espero te contribuido!

[6] Comentário enviado por lordello em 02/07/2006 - 13:17h

Fala Eduardo, obrigado pela correção.
Só um detalhe, não fui eu quem criou o script, eu apenas "converti" o arquivo .spec para bash. Mesmo assim passaram alguns erros.

linha 29: devem ser usados colchetes no lugar de parênteses.
linha 29: onde lê-se "lic" trocar por "$lic".
linha 30: apagar o espaço antes da barra invertida no final da linha.
linha 49: onde lê-se "%{ttmkfdir}" deve ser trocado pelo comando nativo da sua distribuição, aqui no Gentoo o comando é "mkfontdir".

Segue o script corrigido e com algumas melhorias:

#!/bin/bash

#Licença da Microsoft (http://www.microsoft.com/misc/info/cpyright.htm)
lic="yes"

# Pasta onde serão baixadas as fontes
pasta="msttcorefonts"

#Pasta onde serão descomprimidas as fontes
fontes="TrueType"

#servidor="http://belnet.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
#servidor="http://flow.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
servidor="http://easynews.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
#servidor="http://unc.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
#servidor="http://umn.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
#servidor="http://twtelecom.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
#servidor="http://aleron.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
#servidor="http://cesnet.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"
#servidor="http://switch.dl.sourceforge.net/sourceforge/corefonts"

mkdir -p $pasta
cd $pasta

for i in andale32.exe webdin32.exe trebuc32.exe georgi32.exe verdan32.exe comic32.exe arialb32.exe impact32.exe arial32.exe times32.exe courie32.exe
do
if [ -e "$i" ]; then
echo "Arquivo já foi obtido, continuando..."
else
echo "Obtendo o arquivo $i..."
wget -q $servidor/$i
fi
done
if [ "$lic" = "yes" ]; then
if [ -e "IELPKTH.CAB" ]; then
echo "Arquivo já foi obtido, continuando..."
else
echo "Obtendo o arquivo IELPKTH.CAB..."
wget -q http://download.microsoft.com/download/ie6sp1/finrel/6_sp1/W98NT42KMeXP/EN-US/IELPKTH.CAB
fi
fi

if [ -e tmp ]; then
echo -e "\n\e[31;1mRemovendo a pasta tmp antiga...\e[0m\n"
rm -rf tmp
fi

mkdir tmp

for i in *.exe *.CAB
do
if [ -f "$i" ]; then
echo "Extraindo $i..."
cabextract --quiet --lowercase --directory=tmp $i
fi
done

if [ -e $fontes ]; then
echo -e "\n\e[31;1mRemovendo a pasta $fontes antiga...\e[0m\n"
rm -rf $fontes
fi

mkdir $fontes
cd $fontes
cp ../tmp/*.ttf .
chmod 0644 *.ttf
mkfontdir
rm -fr ../tmp

echo "As fontes então em: $pasta/$fontes"
echo "Mova essa pasta para /usr/share/fonts"
echo "E adicione o caminho dela no XF86Config ou xorg.conf"
echo "No Fedora C2 não foi preciso adicionar nada"
echo "Nem foi preciso reiniciar nada nem deslogar"
echo "o usuário, foi reconhecido automaticamente."

[7] Comentário enviado por agk em 03/07/2006 - 15:08h

Olá pessoal.
Encontrei uma coisa que talvez vá ajudar muitos dos usuários aqui.
Existe um pacote no Debian chamado msttcorefonts que baixa e instala todas essas fontes.
Muito simples e prático como todas a instalação de pacotes do Debian:
apt-get install msttcorefonts

OBS: Precisa ter no source-list as linhas referentes aos pacotes NON-US e non-free.
deb http://ftp.br.debian.org/debian/ stable main non-free contrib
deb http://non-us.debian.org/debian-non-US stable/non-US main contrib non-free

[ ]'s a todos.

[8] Comentário enviado por lucianoct em 24/12/2006 - 15:03h

Estou tentando instalar o FireFox 2.0 BR no meu Ubuntu 6.10, sou novo no linux. Não estou conseguindo exibe o seguinte erro no TERMINAL.:

luciano@luciano-desktop:~$ cd /home/luciano/Desktop/firefox
luciano@luciano-desktop:~/Desktop/firefox$ ./configure
bash: ./configure: Arquivo ou diretório inexistente
luciano@luciano-desktop:~/Desktop/firefox$ make
make: *** Nenhum alvo indicado e nenhum arquivo make encontrado. Pare.
luciano@luciano-desktop:~/Desktop/firefox$

O que fazer ????Por favor mandem e-mail para que eu rosolva para locaçltech@terra.com.br


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts