Ignorância atrelada ao comodismo

Nascemos e crescemos em um mundo dominado pela Microsoft. Desde pequenos aprendemos a mexer em computadores com sistemas operacionais Windows. Todo e qualquer ser humano possui uma lógica e um senso de percepção único, e é isso que nos faz tão interessantes...

[ Hits: 6.854 ]

Por: Luis Eduardo Boiko Ferreira em 07/03/2010 | Blog: https://www.facebook.com/luiseduardo.boiko


Ignorância atrelada ao comodismo



Parece piada, mas não é. Leiam o trecho abaixo.

"Existe uma piada no meio informático que diz que o ano do Linux é o atual + 1, ou seja, jamais chegará. Mesmo com todos os esforços dos desenvolvedores em tornar o sistema do pinguim mais aceito em ambientes domésticos, em especial os da Canonical, o Linux simplesmente não pega entre o usuário padrão de Windows, já acostumado às facilidades e compatibilidades do sistema da Microsoft"

Trecho retirado do blog www.meiobit.com. Qualquer comentário relacionado ao trecho acima, favor postar no blog, pois não é de minha autoria e eu achei extremamente mal fundamentado.

Nascemos e crescemos em um mundo dominado pela Microsoft. Desde pequenos aprendemos a mexer em computadores com sistemas operacionais Windows. Todo e qualquer ser humano possui uma lógica e um senso de percepção único, e é isso que nos faz tão interessantes.

A lógica fuzzy nos dá uma ideia de como a mente humana trabalha, pois, para cada ação, pessoas diferentes teriam reações distintas, e tudo isso baseado em como os dados são tratados em suas cabeças. Um exemplo disso é a pergunta clássica:

- Um homem com 1,80 de altura, é alto?

Depende... Para um jogador da NBA ele seria baixinho, para um pigmeu ele seria gigante e já para nossa sociedade atual, possui uma estatura média. Para a mesma pergunta possuímos pelo menos três respostas válidas, tornando assim, impossível padronizar uma única resposta válida.

Seguindo esta linha, seria possível responder qual sistema operacional é "melhor"? No sentido mais amplo da palavra, seria impossível criar uma regra que nos desse um único e melhor sistema operacional, pois como vimos, pessoas são animais bem esquisitos, estúpidos e com lógicas distintas.

Nossa lógica é baseada em situações que vivenciamos, o meio em que vivemos e numa sociedade materialista como a atual, baseamos principalmente nas coisas que conhecemos. Se eu sempre usei Windows, e alguém aparece tentando me dizer que o Mac OS é melhor, a menos que eu possua conhecimento sobre o sistema eu irei acreditar no contrário, pois, se fosse tão bom assim, por que diabos o Windows é mais usado?

Transportando essa realidade para o Linux, o qual o foco inicial não era o usuário final, vemos muita gente por aí estuprando o sistema pelo fato de não saber fazer isso ou aquilo no Linux. Já vi muita gente dizer que é impossível aprender Linux sozinho.

Linus Torvalds disponibilizou o código fonte do seu programa para que cada um pudesse ver, entender, modificar e distribuir as modificações. A informação sempre foi a chave deste projeto criando laços inimagináveis até então na comunidade.

Acompanhem meu raciocínio: o cidadão X possui todas as certificações LPI. Possui um conhecimento avançado em termos de engenharia do sistema Linux e é capaz de explicar com detalhes como aquele monte de códigos fazem tudo funcionar. Já o cidadão Y, possui todas as certificações Microsoft. Qual o nível de compreensão que o certificado Windows te dá sobre o sistema se você sequer possui o conhecimento de como ele funciona? Por ser um código fonte trancado a sete chaves, acho absurdo alguém dizer que entende realmente de Windows. Você pode saber sobre os programas e aplicativos, mas sobre o sistema, eu duvido.

Certamente por isso o sistema ganhou a preferência absoluta dos aficionados por informática, dos curiosos e até mesmo de quem queria fugir da mesmice. Partindo da premissa que Linus disse uma vez: "Software é igual a sexo, é melhor quando é de graça", o mundo Linux vem ganhando adeptos, aos poucos.

Apesar do foco inicial não ser para usuários finais, temos distribuições como o Ubuntu, que eu não admito que nenhum Wintard fale o contrário, é extremamente fácil de mexer, na sua versão atual (9.10) possui o melhor reconhecimento de hardware que eu já vi (caindo por terra a afirmação de que Windows possui melhor compatibilidade) até mais fácil do que o próprio Windows, segundo pesquisas realizadas com crianças e ponto.

Cada sistema tem seu foco: Linux serve para tudo acima já citado, Mac OS para quem trabalha com qualquer ramificação da arte, e Windows... para jogos e ponto.

   

Páginas do artigo
   1. Ignorância atrelada ao comodismo
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

GNU/Linux + Dogmas

Projeto Xen - Visão Geral

Sociedade, Software Livre e Linux

Tecnologia a seu favor: 3 motivos para ter um sistema financeiro e ganhar tempo no trabalho

Linux e Software Livre na libertação de presos: "viva a liberdade!"

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Ed_slacker em 07/03/2010 - 23:51h

O aprendizado da minha mãe mostra que o autor do artigo tem toda a razão!
Ela teve história parecida com a de muitos paulistanos da capital: é nordestina, passou apuros no nordeste e veio jovem para a capital tentar sorte melhor.
Não teve oportunidade de vivenciar a tecnologia na juventude. Realizou o sonho de comprar seu primeiro computador há apenas 8 meses! Ele veio com Windows Vista, claro.
O curioso é que, apesar de fazer cursos com produtos Windows, jamais de acomodou em uma única tecnologia. Sai do Windows e passeia pelo Linux e vice-versa com uma facilidade incomum entre usuários. Ainda mais recentes como ela. Porque mamãe jamais foi acomodada.
O que ocorre é que muitos usuários fazem exatamente o oposto! Ficam acomodados em usar um sistema que não lhes traz nenhuma vantagem e - pior - sustenta uma milionária indústria de anti-vírus!
Como no decorrer de sua história, mamãe nunca se deu ao luxo de acomodar-se. Sempre estava ávida e ativa para aprender coisas novas. Por mais dificuldades que isso pudesse causar. Sua sobrevivênvia dependia disso! Tomou decisões baseadas no que vivenciou, onde vivenciou e o que teve disponível.
Modéstia a parte, isso é raro no mercado doméstico. Mas os tempos estão mudando. Quem se manter nesta preguiça vai virar passado.

[2] Comentário enviado por ---Anonymous--- em 08/03/2010 - 00:01h

Uma coisa é certa, UM CARA CHEIO DE CERTIFICADOS LIXOSOFT NÃO CONHECE O "JEITINHO" DE COMO FUNCIONA A COISA, SABE APENAS COMO INSTALAR PROGRAMAS E COMO INSTALAR O ACTIVE DIRECTORY E ADICIONAR OS USUÁRIOS. AGORA, QUANDO DÁ TELA AZUL, O CARA JÁ GELA NA HORA HAHAHA.
Bom, to nem ai, sabe, eu acho até bom o pessoal ficar no Windows porque ai sobra mais emprego bom na área de Linux. Linux é uma maravilha, é divertido até de instalar as coisas nele, ver aquele codigo fonte ser compilado e etc....
Deixem a TELA AZUL tomar conta, que se dane, é bom porque nossa área fica mais valorizada, o da hora é entrar em uma empresa com TUDO em TELA AZUL e aos poucos ir emplantando o magnifico PENGUIN para no final, olharmos a nossa obra prima, sem contar que o patrão começa a puxar o saco, ai entra o famoso "CHEFE, QUERO AUMENTO". HAHAHAHA
Fuiii, me desculpem, mas eu sou caipira e ainda não sei falar e digitar direito.
---Não é o que somos, é o que podemos fazer---
The lost book of king Arthur

[3] Comentário enviado por doradu em 08/03/2010 - 08:07h

me responda o seguinte,

se eu pegar um CD do Windows 7, e um CD do SliTaz 2, por exemplo (podia ser tb do Ubuntu 9.10 ou do BigLinux 4 ou do Kurumin 7...),

e tentar instalá-los em 10 computadores diferentes (5 antigos e 5 novíssimos),

qual dos dois CDs terá o maior número de instalações concluídas com sucesso?


abraço

[4] Comentário enviado por Ed_slacker em 08/03/2010 - 10:26h

Doradu, claro que o SliTaz 2. Windows Vista não vem com drives nativos para todos os hardwares. Linux também não. A diferença é que no Linux o componente de hardware simplesmente não funciona, ao passo que no Windows o sistema tenta instalar o mesmo a qualquer custo. Muitas vezes comprometendo a estabilidade do sistema...

[5] Comentário enviado por nicolo em 08/03/2010 - 11:01h

É........Só há uma Canonical... Os outros não estão na mesma linha.... Não há o enfoque de massa nas distros.

[6] Comentário enviado por jfjunior86 em 08/03/2010 - 11:51h

Parabéns pela matéria concordo com vc!!
sou do interior de Pernambuco, na minha cidade foi instalado um centro digital onde toda as 50 maquinas usam o Ubuntu, o objetivo é formar 3 mil pessoas só este ano. Espero que no final do ano a maioria dos usuários utilizem Ubuntu.

[7] Comentário enviado por bergcc em 08/03/2010 - 15:02h

Como o colega citou acima, as crianças que demonstram como será o futuro. Quer saber o futuro, olhe as crianças! Logo o trabalho de mudança deve ser feito sobre elas, de nada adianta criar ótimos e mais fáceis sistemas (ubuntu, mandriva, etc) e focar nos já bitolados pela Microsoft. Se pensarmos em SO apenas, sem se prender aos fabricantes de software e hardware que não se adaptam ao linux por causa da grana, na minha opinião o Linux já está bem a frente do Windows. Só não posso opinar quanto ao sistema da Apple, pois não tive grandes experiências.

VOL

[8] Comentário enviado por dbahiaz em 08/03/2010 - 17:53h

"Todo e qualquer ser humano possui uma lógica e um senso de percepção único, e é isso que nos faz tão interessantes..."

Para essa afirmação eu tenho um exemplo aqui em casa, minha querida "mãezinha" de 61 anos, acabou de nascer para o mundo da informatica e está crescendo usando o openSUSE, no mesmo computador existe o Windows , neste quem usa é a minha irmã, nascida e crescida MS, as duas usa "somente" aquilo que aprendeu a usar, minha mãe entrou por engano no Windows, e NÃO conseguiu usa-lo, nem localizou o seu jogo preferido: "paciência".

Parabéns, belo artigo!


[9] Comentário enviado por rndrama em 09/03/2010 - 10:29h

Parabéns cara, muito bom!!!!!!

[10] Comentário enviado por lestatwa em 09/03/2010 - 11:34h

Obrigado pelos elogios!
Apesar das criticas positivas algum Troll baixou as notas de avaliação hehe..
Mas é isso ai!
Boa semana pra vocês

[11] Comentário enviado por valterrezendeeng em 09/03/2010 - 21:30h

Muito bom o Artigo, Parabens!!!!

Meus Filhos (6, 2 e 1), já são usuários Ubuntu, apesar de conhecer windows.

Mostro a eles as duas linhas de SO, mas sempre informo que o Linux e extavel e melhor.

Minhas Crianças usam o Linux para tudo e eu pago minhas contas tranquilo sem me preocupar com Virus...

É no dia a dia, que mostramos que o Linux é a melho opção.

Mais uma vez Parabens !!!!

Valter

[12] Comentário enviado por syler em 10/03/2010 - 09:27h

Se a maioria dos usuarios master do linux não fossem uns malas o linux hj estaria em todas as casas dos brasileiros. Mais vejo exemplo, pra mexer em qualquer configuração ja começa a ter que digitar e o usuario nao quer saber de digitar, digitar instrução e para tecnicos e nao para usuarios. Nao estou defendendo o Windows mais qualquer coisa que vc espeta nele funciona, dai vao falar tem erro mais e dai funciona.

E so parar de ser otario que o sistema vai a todo vapor.

falou e quem não gostou da minha opiniao paciencia.

[13] Comentário enviado por lestatwa em 10/03/2010 - 10:29h

como eu disse.... O foco inicial do Linux não era o usuário final, era o cara com pelo menos um pouquinho de conhecimento...
Sua lógica esta comprometida Syler... E você deve ter começado a mexer em computador depois do Windows 95 né?! Certamente não pegou a faze DOS... ouve um tempo... muito distante onde quem mexia em computador era obrigado a saber o mínimo de comandos.... Mas com a chegada da maldita inclusão digital... Qualquer um que saiba HTML se intitula programador....né?
Se eu espetar uma impressora HP multifuncional no Windows xp vai funcionar???? Estranho que no Ubuntu ( por exemplo ) vai funcionar numa boa...Porém como eu disse no artigo, cada sistema operacional vai ser melhor baseado no que o usuário busca....
Se você quer total alienação e comodismo com seu S.O, vai de Windows!

[14] Comentário enviado por syler em 10/03/2010 - 10:57h

Eu não usei DOS. Isso foi no começo da informatica pra que anda pra tras se estamos envoluindo, eu nao to falando mal do linux e nem indeusando o Windows. Os clientes pra quem presto serviços são 98% windows e 2% linux.

Eu não estou no comodismo, eu uso linux na minha casa até programo em java. E vc depois fala que não é um mala só por que começou na epoca do DOS, pasado e pasado, pra que andar pra tras? Se tivesse um pouco de Hulmidade por parte de alguns "Deuses do Linux " o negocio ia pra frente.

Eu conheci o "Mad Dog" na latinoware, minha caravana se hospedou no mesmo Hotel que o Grande Mad Dog e ele foi super gente boa e na conversa alguns de meus colegas perguntou pq o linux e muito bom e tem poucos usuarios. Ele respondeu da seguinte maneira:

- Falta um pouco de Hulmidade por uns poucos usuarios que ja tem uma otima experiencia em linux.

E depois vc vem falar em comodismo caro lestatwa, vc so pode esta de brincadeira.

Vc ja participou da Latinoware alguma vez??????

[15] Comentário enviado por lestatwa em 10/03/2010 - 11:17h

Mas que Troll você.... Se ofendeu com meu comentário!

"E vc depois fala que não é um mala só por que começou na epoca do DOS"

Não teria porque eu "me achar" por saber DOS... Seria ignorância...

Latinoware?
Não não... muito obrigado.. heheh
Latinoware tem tecnólogo palestrante, não acho que iria me acrescentar algo relevante...

Mas pretendo ir a DEFCON.


[16] Comentário enviado por syler em 10/03/2010 - 11:35h

Eu não me ofendi cara eu so acho q tem uns usurios linux que se acham muito so isso. Mais latinoware nao e so palestra de tecnologo, tem os criadores do KDE, Gnome e varias versões de linux.

Falou te mais

[17] Comentário enviado por lestatwa em 10/03/2010 - 12:07h

É é verdade... uma palestra boa para 10 ruins... Vale a pena? you do the math...

[18] Comentário enviado por luiztomaz28 em 10/03/2010 - 15:44h

Galera, desculpe o comentário, mas vcs tem que parar com isto, linux é melhor que windows, windows é melhor que linux, cada sistema operacional tem seus pos e contra, sou administrador de redes, tenho linux e windows. O que manda é atender tuas necessidades, outra coisa " tempo ", hoje é dinheiro. Já tive problema com windows, e consegui fazer o sistema voltar e pouco tempo, não foi o mesmo com linux. Mas linux tem uma vantagem é free, seguro sim. mas configura teu windows certinho, e saber usar, não vai ter problema. Hoje administro 18 servidores, trabalho com virtualização, trabalho com firewall iptables, sou usuário nato do slackware, mas em termo de controlador de dominio não dispenso o AD. Outra coisa, mercado sempre teve e sempre vai ter tanto para windows quanto para Linux. Então galera para com esta frescura. Tem coisas mais importantes para profissionais competentes discutir. T +

[19] Comentário enviado por syler em 10/03/2010 - 16:01h

Isso ai luiztomaz28 vc falou certo todos tem o lado bom e o lado ruim, agora uns manes ai que se acha acho que nem e formado e ta ai se achando mais fazer oq né.

Ter humildade e para poucos mesmo, aceitar criticas e bom para o aprendizado Humano.

Sempre vai ter criticas de ambos os lados.

Chega em um cliente que tem uma grande expedição e produção e fala pra ele trocar windows para linux por que e free e seguro pra ver a reação dele. Tempo e dinheiro hahahah


[20] Comentário enviado por lestatwa em 10/03/2010 - 18:24h

Sobre humildade:"Se a maioria dos usuarios master do linux não fossem uns malas..." "E so parar de ser otario que o sistema vai a todo vapor."
Acredito que você não tenha moral para falar sobre........

Syler, é facil se esconder atraz de um nick.
Com relação a não ser formado, sou licensiado em Matematica e curso bacharelado em fisica atualmente.
Posso não ser humilde, mas não sou burro....
Sem mais blah blah blah, tenho minha opinião formada sobre você, e sinceramente... você tá longe de ser alguem com quem eu perderia mais tempo. Aprende a escrever antes rapaz...

luiztomaz28 - Quem leu meu artigo entendeu que meu foco não é dizer qual é melhor, né? Parece que o unico que não entendeu é o Syler.

mas... paciência.

[21] Comentário enviado por lestatwa em 10/03/2010 - 18:26h

Qualquer SO vai ser facil ou dificil dependendo do seu nivel de conhecimento, interesse e entendimento sobre ele.

[22] Comentário enviado por izaias em 10/03/2010 - 21:09h

Pessoal, o espaço VOL é para contribuir!!! EU SOU novato em LINUX (o nome merece letra maiúscula), minha distro é Ubuntu 9.10. Pessoal, não sei mais o que é windows.
Há relatos que o ubuntu está avançando cada vez mais e isso é resultado do trabalho de organizações, como a Canonical.
Realmente, a maioria só teve inicial contato com a informática com os sistemas do nosso "querido" Bill, mas e daí?!
O Brasil é o terceiro mercado do Ubuntu e caminhará para o primeiro, podemos aguardar isso e só não o é, por que muita gente ainda tem MEDO DO NOVO, de conhecer, de aprender. Linux, nossa! É coisa pra programador, pra nerds, ou seja lá que analogias ou termos as pessoas justifiquem seus medos. É de gente assim que tio Bill gosta.

Seja qual for a distro, a liberdade taí para quem quiser usufruí-la.
Parabéns pelo artigo, Lestatwa!!!

[23] Comentário enviado por lestatwa em 11/03/2010 - 09:05h

Muito obrigado IzaiasCF!
De fato o Ubuntu esta cada vez melhor e trazendo facilidades que nem o tio Bill traz, como a Central de Programas, que é uma mão na roda.
Mas é isso ai!
Abraço!

[24] Comentário enviado por Gilmar_GNU/slack em 26/03/2010 - 14:13h

Maldito erro do tela azul.
hahahahahahahahahahaa

Concordo plenamente com o autor do artigo.

Usei windows até o XP.
Mesmo assim na época eu sabia que o linux existia, mais não tinha acesso a informação.

Comodismo é sinonimo de ginorância.

XD

Isso aeh.
:P


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts