GoboLinux? Que distro é essa? (Parte 3 - Instalando programas)

Agora que testei a distribuição e a instalei no HD, estou pronto para usá-la. Mas espera um pouco... esta distro não tem os programas que gosto de usar. O que fazer?

[ Hits: 22.737 ]

Por: Bruno de Jesus Barreira Pereira em 09/07/2008


Não gostei do programa. Como eu o desinstalo?



Você em um dado momento pode ter percebido que alguns programas não lhe são úteis ou aquela versão que você instalou recentemente não atende aos seus propósitos. Você quer removê-lo, mas o GoboLinux não tem um desinstalador. Os criadores optaram por uma maneira muito simples de fazer isso.

Você simplesmente remove todo o diretório do programa que não quer mais.

Digite na linha de comando:

$ rm -fr /Programs/<Nome>/<Versão>

No caso de um mesmo programa conter duas versões diferentes, você pode habilitar a versão antiga do mesmo programa digitando:

$ SymlinkProgram <NomePrograma> <Versão>

Para manter seu sistema livre de links quebrados, você pode digitar:

$ find /System/Links | RemoveBroken

Se preferir, pode fazer os dois trabalhos de remoção de programas e remoção de links quebrados utilizando o script RemoveProgram:

$ RemoveProgram <programa> <versão>

Por exemplo, resolvi baixar e instalar a nova versão do aMSN que saiu, a 0.97.1. Após ter instalado e testado, me convenci que não precisaria mais da versão antiga.

$ RemoveProgram aMSN 0.97;SymlinkProgram aMSN 0.97.1

com esta linha de comando desinstalei a versão antiga (0.97) e fiz com que a versão mais nova (0.97.1) ficasse disponível para o sistema.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Falta programa nesta distro...
   2. Usando o Compile - Compilação automática dos fontes
   3. InstallPackage para os fãs de pacotes binários
   4. Compilando manualmente seus programas
   5. Não gostei do programa. Como eu o desinstalo?
   6. Programas instalados: Aproveite ainda mais a distro
Outros artigos deste autor

GoboLinux? Que distro é essa? (Parte 2 - Instalação)

GoboLinux? Que distribuição é essa? (Parte 1- Primeiros contatos)

Leitura recomendada

hpfall - Acelerômetro em notebooks HP para evitar perda de dados

Instalando o maravilhoso Arch Linux

Nagios - Instalando uma nova interface

Slackware com HD SCSI

Instalando e configurando um servidor FTP

  
Comentários
[1] Comentário enviado por SithX em 09/07/2008 - 19:11h

opa, bacana os artigos. só um detalhe:

na compilação manual, o procedimento correto é executar o "PrepareProgram" (equivalente ao "./configure"), depois executar o bom e velho "make", depois executar o "SandboxInstall" (equivalente ao "make install"), e por fim, o SymlinkProgram, que é um passo adicional comparado à instalação tradicional.

[2] Comentário enviado por albfneto em 09/07/2008 - 20:05h

Os seus artigos sobre o Gobo são massa.tb estou testando GobolInux.

[3] Comentário enviado por brunojbpereira em 09/07/2008 - 21:46h

hum... valeu pelo toque, SithX... não tinha analisado este detalhe antes pelo fato de quando eu digitava o comando "SandboxInstall" ele fazia de tabela o "make" e o "make install"

[4] Comentário enviado por juliaojunior em 10/07/2008 - 00:27h

Muito bom!!!

Simples, fácil de entender, e o melhor: eficiente!!1

Parabéns.

[5] Comentário enviado por sithx em 10/07/2008 - 08:34h

humm, o SandboxInstall roda o make também? falha minha então!

é que se nao me engano, na documentação deles (wiki), o procedimento que eles mandam fazer é rodar o "make" antes do SandboxInstall, então na verdade nunca testei rodá-lo sem fazer isso =D

[6] Comentário enviado por duca.luz em 03/01/2009 - 20:40h

Tentei instalar o firefox 3.0.5 em português e não consigo???

[7] Comentário enviado por brunojbpereira em 07/01/2009 - 13:00h

Fala, duca.luz... beleza?
Também tive dificuldade para usar o firefox em português no gobolinux.
O único meio que consegui é utilizando o pacote binário que está disponível no site do firefox, eu o descopactei na minha pasta de usuário e usava desta forma.
Infelizmente não tive como estudar a respeito para poder instalar o firefox pt-BR na distribuição obedecendo os scripts de instalação, pois voltei a instalar o slackware no meu computador. Voltarei a usar a distro para estudar mais coisas, pois é uma distro muito interessante. :)


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts