Experimento: Transformando openSUSE 12.3 Tumbleweed em 13.2 Factory Milestone 0

Este artigo descreve a atualização e conversão do openSUSE 12.3 Tumbleweed (já Rolling Release) na versão do futuro, 13.2. Esta versão é chamada openSUSE Factory Milestone 0, é experimental e com pacotes Bleeding Edge.

[ Hits: 12.543 ]

Por: Alberto Federman Neto. em 19/05/2014 | Blog: https://ciencialivre.blog/


Introdução



* Observação: os procedimentos descritos neste artigo devem ser encarados como experimento, porque existem riscos de quebra do sistema. Não faça isso usando sua instalação principal ou de trabalho, de openSUSE.

A versão nova padrão, estável do openSUSE (13.1) foi oficializada há pouco tempo, como demonstrou nosso colega do VOL, Fábio Farias, um dos nossos especialistas no openSUSE:
Porém, versões para testes já existiam em Outubro e Novembro de 2013. Por exemplo:
Essa é versão oficial, porém, eu gosto de testar distribuições Rolling Release e Bleeding Edge, mesmo que não estáveis.

Eu tinha uma instalação de openSUSE Tumbleweed, que já é Rolling Release, que estava atualizada à 12.3:
O openSUSE também tem uma versão de desenvolvimento (será o futuro openSUSE, 13.2), chamada Factory, que dá origem, após várias verificações, aos openSUSE pré-lançamentos, os Milestones:
Ao invés de baixar essa versão e reinstalar: software opensuse.org

Resolvi converter minha instalação antiga de openSUSE Tumbleweed no Factory, de caráter experimental, Bleeding Edge, versão 13.2 Milestone 0:
Os resultados desse experimento são o foco principal deste artigo.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Repositórios
   3. Atualização da distro
Outros artigos deste autor

Resolvendo problemas de rede em Linux

Usando Linux - Vida nova para um velho Itautec Infoway

As características de personalidade dos usuários de Linux

Experimento: SWAP diretamente na memória RAM - Testes para RAM e SWAP

Editores e processadores de texto para GNU/Linux

Leitura recomendada

Projeto OLPC - O famoso laptop de $100

Minha experiência com o Cacic de jun2005/fev2005 e jan2006

Mandrake 10.1 Official - Análise de instalação e uso

Emacs - Poderoso ambiente de trabalho

Um tour pelos programas de gravação de CD/DVD no Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por izaias em 19/05/2014 - 17:42h

Queria saber porque versões de testes, apesar de alguns bugs, são mais rápidas que as estáveis. rs

Tenho uma partição de testes (50 Gb) e quero fazer esses experimentos também.
Quero testar os limites do camaleão.


* Favoritado!

[2] Comentário enviado por Fabio_Farias em 19/05/2014 - 19:58h

O trabalho do Alberto no VOL é excelente. Sempre trazendo novidades. Essa de transformar o Tumbleweed (Rolling Release estável) em Factory (um "Rolling Release" instável) serve como uma boa experiência para testar a distro e aprender como funciona seu processo de atualização. Mas foi bom deixar claro que essa tarefa envolve riscos de se ter o sistema quebrado.

Também dá para fazer o mesmo a partir de uma versão estável do openSUSE que não esteja no "modo Tumbleweed". Só seguir os mesmos procedimentos.

Parabéns pelo artigo amigo!

Abraços!

[3] Comentário enviado por albfneto em 19/05/2014 - 21:30h

INFORMAÇÃO:
ESTE ARTIGO É OBSOLETO!

Em 30 de Novembro de 2014.

Se você seguir meu Artigo, vai misturar os Repositórios.

A equipe do OpenSUSE modificou seu Desenvolvimento.

Agora,Tumbleweed e Factory são a mesma versão Rolling Release:

http://www.muylinux.com/2014/10/24/opensuse-factory-tumbleweed-rolling-release

Siga como neste Post do Colega Izaías:

http://www.vivaolinux.com.br/topico/openSUSE-Linux-Brasil/opensuse-132-para-tumbleweed/

ou faça instalação limpa do OpenSUSE Factory


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts