Dez coisas que me fazem usar Linux ao invés de Windows

Neste artigo não estou dizendo que Linux é melhor que Windows, nem o contrário, apenas especificando elementos que me dão preferência ao sistema que uso.

[ Hits: 28.785 ]

Por: em 09/08/2007


Introdução



Neste artigo não estou dizendo que Linux é melhor que Windows, nem o contrário, mas apenas especificando elementos que me dão preferência ao sistema que uso. Não estou explanando a mostrar o que acredito que em minha opinião seja elementar em tal questão, já que tudo isso posso resumir em apenas uma frase: "gosto não se discute", mas levantando de forma mais técnica o que me resulta essa preferência.

Parece contraditório mas não é, pense na idéia de Matrix, onde temos a escolha de ver o que sempre vemos, não sabemos de nada e a pilula vermelha, que é somente a verdade, nua e crua. Considero estes 10 pontos a idéia de quem quer conhecer informática e não apenas fingir que é hacker pegando programas prontos para usar.

Meus motivos:

1: O Linux é personalizável

Não que o Windows não seja, mas vamos levantar uma hipótese: no Linux você tem a liberdade de escolher por exemplo o seu gerenciador de janelas de uma forma realmente radical, quer dizer, caso eu queira deixar de usar o Gnome e passar a usar o Fluxbox (o que é realmente radical, já que estou substituindo um Desktop por um Windows Managed), eu posso fazê-lo apenas removendo o pacote do sistema sem sobrecarregá-lo, entretanto no Windows isso não é bem assim, pois por exemplo, se eu quiser usar uma interface igual a do Mac OS X, tenho que instalar um programa a mais que será uma camada acima da interface do Desktop do Windows, o que trará talvez prejuízos futuros, como no caso maior consumo de memória RAM e que ocupará mais espaço do HD.

Uma coisa mais interessante ainda seria querer substituir o bash (aquele famoso console que usamos) pelo digamos True3D* Shell, o que é perfeitamente possível, desta forma adeus aquela tela preta, mas no Windows isso não é possível, pois é gráfico e ponto final (a não ser que alguém consiga fazer uma monstruosa gambiarra).

Aqui abaixo está uma amostra de meu Desktop um pouco alterado na época, pois estava testando o Compiz Fusion.



Como podem ver, isso não é base do Linux, já que nada é base do Linux, mas que no Linux se quiser posso tirar tudo e resolver usar o shelFish no lugar do shell ou me livrar do bash e deixar somente o X11, o que deixaria totalmente gráfico igual ao Windows (contudo se tivesse alguma bronca na parte gráfica teria o mesmo problema do Windows, que é reinstale o sistema - ou se quiser use um live cd e resolva na munheca a bronca).

2: É difícil

Isso mesmo, parece até uma crítica (pode até ser), mas quem aqui está livre dos famosos "HOWTOs", nem eu estou livre disso, mesmo usando o Ubuntu (já sempre procuro pegar uma coisa nova ^_^), pois quero sempre testar novos softwares que muitas vezes não estão disponíveis nos repositórios (mesmo que tenha tornado o Linux mais fácil, ele ainda conserva as raízes do Unix), mas isso depende muito, pois se por acaso você só use apenas um editor de texto, um jogo aqui ou ali e ou apenas seja viciado em internet, então o sistema é simples e fácil.

Mas o que quero mesmo é novidade e sempre estar resolvendo problemas (já que isso sempre me estimula a querer pesquisar e resolver os problemas que tenho), e se por acaso o jeito for mesmo compilar o fonte ou alterar alguma coisa que esteja com problemas, isso é possível, já que fica bastante técnico para buscar soluções, além de que com o tempo você consegue domar mais a fera e aos poucos deixá-lo mais Desktop, assim repassar para as outras pessoas e com isso o sistema vai ficando mais simples e fácil, mas depois de um bom trabalho árduo (apesar de que agora o sistema está ficando muito fácil, graças aos esforços de muitos de vários projetos).

3: Você tem que programar

Um outro fator interessante, pode até está errado, mas tenho que admitir, sempre tem algum script que você tem que mexer, quer dizer, aqueles .conf, .sh, entre outros não deixam de ser uma forma de programação e o shell que o diga, pois sempre que quiser agilizar alguma coisa ou corrigir alguma bronca, você vai direto aos scripts e se não sabe programar vais para a pesquisa de todo jeito.

Saber como fazer ou até mesmo pedir ajuda com alguém e ficar curioso com aquilo o que vais estimulá-lo a aprender a programar e até brincar um pouco de ser hacker (eu tenho um vídeo que um cara fez um script em perl e conseguia ter controle do Windows com IIS, vê se pode oO; e olha que o cara estava usando o SuSE para fazer isso), o que pode ser bem interessante, pois quem sabe que você seja que nem aquele médico que resolveu mudar alguma coisa do kernel do Linux para torná-lo mais desktop oO (não vou citar detalhes sobre isso, para quem quiser saber vá lá no Br-Linux para saber sobre esse cara ou então se lembre dos famosos .ck).

O que é perfeitamente normal para quem quer ter controle sobre o sistema e depois quem sabe em menos de algumas semanas já saiba programar em C (o que significa que já consegue entender qualquer linguagem de programação - tirando Haskell por favor - assim já pode-se considerar um programador - olha que legal e nem precisaria fazer curso).

E melhor ainda é que caso seja um modelador com o conhecimento de script que tem pode acrescentar uma funcionalidade interessante para o programa (os usuários de Blender que o diga), além de conhecer algumas linguagens simples e práticas para suas soluções (aprendam Lua por favor, pois é a única linguagem brasileira que é top do mundo).

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Mais motivos
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

As brigas dos linuxers

Se o Linux é tão melhor que o Windows e é de graça, por que a maioria dos usuários ainda usa Windows?

"HELP" - Como solicitar auxílio em comunidades (como o VOL) e fóruns

Bom dia, é compatível com Linux?

Slackware x Debian

  
Comentários
[1] Comentário enviado por eldermarco em 09/08/2007 - 08:02h

Você disse que eram 10 motivos mas citou apenas 7....

Eu também gosto de programar e fuçar em algumas coisas, mas devo admitir que para o usuário que não tem muito interesse em informática e tenta migrar para o Linux terá problemas. Esse talvez seja o principal motivo pelo qual o Linux não seja bem visto pelos usuários do Windows. Ele não querem saber editar arquivos e resolver problemas que o sistema operacional deveria dar conta. Apenas querem que as coisas funcionem!


[]'s

Elder Marco

[2] Comentário enviado por juliocbm em 09/08/2007 - 08:59h

Só para constar, minha mãe e meu irmão de 11 anos usam Linux e nunca colocaram o dedo em programação ou linha de comando. E eu, faz tempo também que não mexo.

No Linux, só mexe em scripts quem realmente quer (sim, a solução em fóruns normalmente é comando, pela praticidade na explicação, mas em 99% dos casos há soluções gráficas). Eu sou "véio" já no Linux, antigamente mexia muito com linha de comando e programação sim. Porém, desde que instalei o Fedora 7, por exemplo, não relei a ponta dos dedos em programação.

Não sejam desatualizados, rapazes. O Linux evolui a cada dia.

Abraços

[3] Comentário enviado por lucianomarques1 em 09/08/2007 - 09:05h

Tambem não tenho muita sorte com Window$ não ....... Sorte minha né.

[ ]'s

Luciano.

[4] Comentário enviado por albertguedes em 09/08/2007 - 09:37h

Se o Windows fosse de graca, quantos artigos deste tipo existiriam ?

[5] Comentário enviado por Xandy em 09/08/2007 - 09:42h

Otimo Artigo, eu achei muito bom

[6] Comentário enviado por fabriciocscte em 09/08/2007 - 10:01h

POr isso que o linux não se tornou mais popular ainda entre os leigos , essa mania de dificultar as coisas.Eu uso linux porque ele me dar mais possibilidades de aprender coisas novas , sendo difícil ou fácil.

Citado acima ...
" Só para constar, minha mãe e meu irmão de 11 anos usam Linux e nunca colocaram o dedo em programação ou linha de comando. " instala o linux do zero e com todo respeito manda ela assistir um video na globo.com .Simplesmente não vai conseguir enquanto um técnico não foi instalar pra ela.
O que quero dizer que não precisamos complicas as coisas se desejarmos atinguir o verdadeiro mercado de SO , que são os usuarios leigos.

[7] Comentário enviado por juliocbm em 09/08/2007 - 10:05h

"instala o linux do zero e com todo respeito manda ela assistir um video na globo.com .Simplesmente não vai conseguir enquanto um técnico não foi instalar pra ela.
O que quero dizer que não precisamos complicas as coisas se desejarmos atinguir o verdadeiro mercado de SO , que são os usuarios leigos."

Manda um leigo instalar o Windows do zero e configurar anti-spyware, anti-vírus e etc. Ou melhor, mande o leigo se livrar de um malware. Duvido se vai ser fácil.

[8] Comentário enviado por diogok em 09/08/2007 - 10:34h

O Linux é extremamente facil de usar... mas nem tanto assim de instalar e configurar, pois como vc disse vc tem tanta liberdade de escolha que dificulta as coisas. E também para poder tirar o maximo do sistema vc acava tendo q lidar com assunstos mais complexos.
Mas depois de instalado e configurado, qualquer um mexe avontade. Semelhante ao que ja disseram acima, minha mãe e irma de 10 mexem no debian aqui do desktop. Tanto quanto no windows, mas nao instalariam nenhum dos dois.
E eu duvido que alquem que saiba instalar e configurar o windows mais anti*, office e uma cacetade de software que nao vem incluso, fora os drivers, depois atualizar tudo... bom instalar e configurar o windows tenha alguma dificuldade instalando, digamos, o kurumin ou o mandriva.
Até instalar o Debian é uma questão de "next, next, next, finnish" .

Voltando ao assunto do post, eu prefiro os programas do Linux, acho que ele me ajudam a ter mais produtividade no serviço e me parece que tudo se integra melhor, são programas bem práticos! Resumindo é isso, produtividade!

[9] Comentário enviado por spikey em 09/08/2007 - 11:31h

Bom, eu prefiro o Linux porque ele me mostra de uma forma mais clara como as coisas funcionam, editar arquivos de configuração, mudar várias coisas no sistema dentre outros, em questão ao usuário doméstico que está migrando de sistema, tudo pode ser feito pelo modo gráfico, o que falta ainda é documentação e cursos.

[10] Comentário enviado por fabriciocscte em 09/08/2007 - 13:23h

Caro Juliocbm ,
Então faz o seguinte , estou com uns cds de jogos aqui , louco para jogar , vc instala eles pra mim no linux??? tem uns 10 jogos preciso dele pra hoje a tarde , e ai o que me diz....isso é so um exemplo.

As pessoa pensam que sou contra o linux , não sou , sou apenas realista e não deixo o fanatismo tomar conta de mim.


[11] Comentário enviado por juliocbm em 09/08/2007 - 13:30h

"Então faz o seguinte , estou com uns cds de jogos aqui , louco para jogar , vc instala eles pra mim no linux??? tem uns 10 jogos preciso dele pra hoje a tarde , e ai o que me diz....isso é so um exemplo."

Se o jogo for pra Linux, com todo o prazer. Acontece que o jogo é para Windows, o Linux não tem obrigatoriedade nenhuma de rodá-los.
Ou o Windows emula jogo de Linux?

[12] Comentário enviado por andersontm em 09/08/2007 - 13:30h

Ótimo artigo, faço das suas, minhas palavras!
Abs

[13] Comentário enviado por fabriciocscte em 09/08/2007 - 13:31h

Caro Diogok

"Mas depois de instalado e configurado, qualquer um mexe avontade." isso é uma utopia , estamos sempre configurando algumas coisas. Sua mãe usa porque vc está la pra configurar e ensinar varias coisas para ela. Existe poucos profissonais de suporte em linux , principalmente em cidades pequenas.

[14] Comentário enviado por juliocbm em 09/08/2007 - 13:34h

"Mas depois de instalado e configurado, qualquer um mexe avontade." isso é uma utopia , estamos sempre configurando algumas coisas. Sua mãe usa porque vc está la pra configurar e ensinar varias coisas para ela. Existe poucos profissonais de suporte em linux , principalmente em cidades pequenas."

No meu caso, não. Minha mãe e meu irmão fuçam e aprendem na maior facilidade. No Windows, não é preciso configurar nada?
Por exemplo, eu viajei e fiquei duas semanas fora. Minha mãe configurou sozinha uma conexão ADSL no Fedora 7. Nem curso de informátrica básica ela tem.

Abram os olhos e atualizem-se, experimentem MUITO antes de opinar rapazes ;-)

[15] Comentário enviado por fabriciocscte em 09/08/2007 - 13:40h

"Se o jogo for pra Linux, com todo o prazer. Acontece que o jogo é para Windows, o Linux não tem obrigatoriedade nenhuma de rodá-los.
Ou o Windows emula jogo de Linux? "

O problema é exatamente esse os melhores jogo não tem no linux.E se vc manda um usuario domestico mudar para linux como vejo muitos fazendo ,ele tem sim que rodar os jogos que o usuario quizer , então se eu compro um pc pra jogar.
Pra que emular jogo de linux , se todos os jogos para windows são muito melhores que os pra linux???????????????

[16] Comentário enviado por fabriciocscte em 09/08/2007 - 13:42h

"No meu caso, não. Minha mãe e meu irmão fuçam e aprendem na maior facilidade. No Windows, não é preciso configurar nada?
Por exemplo, eu viajei e fiquei duas semanas fora. Minha mãe configurou sozinha uma conexão ADSL no Fedora 7. Nem curso de informátrica básica ela tem."

Moss parabéns para sua mãe , muito inteligente ela.Manda ele instalar agora uns plugins de audio e video , para assistir video na globo.com e todos os formatos de video.

[17] Comentário enviado por juliocbm em 09/08/2007 - 13:46h

Fabrício,

1 - Se você usa o computador só para jogos, com um Windows pirata ou tirando 500 do bolso com um original, parabéns. Aí meu caro, já é outra história.

2 - Você não conhece 1% dos jogos para Linux

3 - Mande um usuário leigo que só usou Linux instalar, atualizar e usar um anti-spyware e anti-vírus, e remover um malware. No Windows, claro.

4 - Depois eu que sou fanático.

5 - É por usuários fechados e pré-conceituosos como você que muitas coisas não vão para frente, e

6 - Por causa de usuários como você me retiro dessa discussão.

(Você usa Slackware, tá explicado. Acha que todos os Linux são como o Slack?)

[18] Comentário enviado por fabriciocscte em 09/08/2007 - 13:48h

"Assuma que usuários de softwares proprietários (SP) podem estar satisfeitos com a solução que usam e realmente não desejam migrar para SL; se preza sua liberdade de escolha, respeite a dos outros."

acvsilva


Vcs estão muito alienados , leia isso para o seu próprio bem.

http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=2089

[19] Comentário enviado por shirglei em 09/08/2007 - 14:32h

O Windows veio resolver problemas que antes não existiam! hehehehehehehehehehe

[20] Comentário enviado por diogok em 09/08/2007 - 15:37h

Todo sistema tem suas vantagens e desvantagens, o Linux nao é perfeito. Este artigo era exatamente para discutir sobre porque usamos o Linux ao invés de outro SO, que vantagens ele nos tras.

E ainda sobre a nossa mãe (?), ou outro usuario comum, ela não precisa configurar mais nada e nem eu. Eu configuro para testar novos recursos, outros usuarios nao tem essa necessidade como nós.

[21] Comentário enviado por srf em 09/08/2007 - 15:51h

Muito bom seu artigo....
Parabens...

[22] Comentário enviado por E5150 em 09/08/2007 - 17:42h

Todos tem direito de escolha, seja para Windows, seja para o Linux. Eu gosto explorar novos "caminhos", descobrir novos "mundos" e esta é uma escolha minha. Tenho em casa 3 computadores para poder aprimorar mais meus conhecimentos e trabalho com diferentes SOs neles (Ubuntu, 2003 server, Mac OS, XP e Vista).

Há fãboys que defendem seus pontos de vista cegamente sem ao menos pensar nos motivos ou na situação que leva outras pessoas a usarem sistemas ou softwares diferentes e sempre arrumam um meio de menosprezar as mesmas.

Não estou querendo criticar, mas tem inúmeros usuários de linux espalhados por aí que diz usar software livre e que preservam os direitos autorais mas que não deixam de baixar MP3 ou filmes por aí. Há também usuários de Windows que quando pegam pra falar, vomitam inúmeras baboseiras sem falar nos vários usuáriso de Mac, que são os mais arrogantes, pois pra eles, a Apple é uma empresa perfeita que só produz produtos perfeitos.

Eu não concordo com muitas coisas, mas prefiro olhar para o que estou fazendo, pois só assim eu posso evoluir, tanto na vida pessoal quanto na vida profissional e recomendo isso a todos.



A matéria está excelente, os motivos do autor também poderá ser o motívo de inúmeras outras pessoas... Parabéns!

[23] Comentário enviado por isaac em 09/08/2007 - 19:05h

Sou um ex-viciado....err.....ex-usuário de Ruindow$ e que agora só usa Linux (Mandriva 2007 Spring e Ubuntu em dual-boot).
Era até freqüentador assíduo do fórum Baboo.
Eeeeccca!!!
Comecei a mexer com Linux em 2004 e não parei mais.
Com o tempo, passei a usar cada vez menos o Ruindow$ XPeido, até que chegou o momento em que não precisava mais dele.
Ruindow$ para mim, não faz a menor falta. Se ele desaparecesse hoje do mercado, eu ficaria indiferente.

[24] Comentário enviado por removido em 09/08/2007 - 23:42h

mais polemica, windows vs linux, não creio que seus motivos iram inspirar win users a migrar para o pinguim, cada um tem seus motivos, alguns para aparecer,ego, e por ai vai

[25] Comentário enviado por sombriks em 09/08/2007 - 23:49h

Heheh, legal. Bastante pessoal, mas conseguiu abranger bastante gente.

Hoje tow brigando com o XP no trabalho, tem coisas que simplesmente não funcionam lá.

Pra desktop ele já é uma roleta russa (eee, dessa vez não perdi minhas fotos!!!!), mas pra aplicações corporativas (O Super-Power servidor DCOM, por exemplo) ele é um tiro direto na cabeça, sem nada de chance ou coisa parecida. E vá ver os tutos da página da Redmond, mais parece propaganda (e issso tudo você faz uando a nova versão do VB studio, que...)

Pelo menos tem horas pra escapar e testar o Slackware 12 + Dropline 2.18 (sexy...)

[26] Comentário enviado por razgriz em 10/08/2007 - 01:18h

Eu gostaria de saber por onde andam os moderadores do VOL.... volta e meia tem aparecido cada pérola... ops "artigo" TÃO COMPETENTES que....

[27] Comentário enviado por tuxSoares em 10/08/2007 - 01:27h

Concordo razgriz, mas tem muitos moderadores ai que custam ver se um artigo é googlado ou não, muitos com conteúdo "duplicado". ta virando bagunça

[28] Comentário enviado por devil_jaguar em 10/08/2007 - 08:40h

é, meus senhores. pra ver como as coisas andam. além dos artigos, ainda temos as discussões do tipo "minha mãe usa Linux", ou "instala isso aqui na minha máquina então"... é usar o espaço pra baderna mesmo.

[29] Comentário enviado por cruzeirense em 10/08/2007 - 08:41h

Acho que uma das grandes dificuldades do linux é exatamente a grande capacidade de personalização. O cara faz um curso de linux usando o ubuntu. Vai fazer um teste numa empresa e lá tem o slackware. Fica complicado... Não é necessário só aprender linux, é necessário aprimorar em várias distribuições diferentes, vários ambientes gráficos, e assim por diante... Hoje eu uso o ubuntu, que na minha opinão é o melhor so para desktop depois do windows xp (que tambem uso), pode ser que amanhã o ubuntu saia de moda e eu tenha que migrar pra outra distro e ter que reaprender algumas coisas... Acho que o que falta pra gente dominar o mercado de so é essa padronização.

[30] Comentário enviado por tiagoalam em 10/08/2007 - 10:42h

O problema é que a maioria das pessoas aprenderam a usar o pc com o windows, com aquelas famosas cores e o botao "iniciar" ali nolugar de sempre, se colocar o iniciar la pra cima, ja irao se confundir e "achar" que nao sabem mexer no pc. Claro que me refiro a usuários leigos, que acredito ser a maioria dos usuarios no mundo inteiro. A microsoft nunca estimulou em sentido algum a personalização dos seus sistemas, na minha opiniao com o objetivo justamente de robotizar o usuario.
Quanto ao que o colega citou acima , um curso de linux deveria ser "de linux", nao de ubuntu ou fedora, pois o que ta rolando por traz é linux , entao aprendendo o sistema verdadeiramente , nunca se terá dificuldades em uma ou outra distro.
Em relaçao a popularização do linux , existe tambem uma questao cultural, tipo aquela coisa de se enquadrar na sociedade, isso é fortalecido pela midia, que nunca mostra tudo que está acontecendo, somente o que lhe gera lucros. Se o povo tivesse uma cabeça mais aberta e se questionasse mais em relaçao a tudo , o windows nao teria essa popularidade toda.
Na minha opiniao , deve se avaliar a necessidade de cada usuario, no caso do colega que falou dos games, realmente o windows é mais indicado, mas para todos ( ou quase todos ) os fins , o linux atropela o windows em todos os sentidos.
A muito tempo ja nao uso mais windows para nada e consegui migrar todos os 50 pcs aqui do meu trabalho para linux , exceto o pessoal do design que mexe com programas graficos como flash e photoshop, e me sinto muito safisfeito com essa conquista.

[31] Comentário enviado por kram3r em 10/08/2007 - 11:31h

Hehehhe

sempre rola uma de jogos né?
mas seguinte:
ta querendo jogar mesmo ou é só pilha???
ta mesmo né!!??
caso esteja com ubuntu ou fedora, instala um emulador de PS2/3 soca o dvd no leitor joga!
jogo pra windows??? aff ps muito mais r0x!
*** necessário ter uma placa de video boa no min 128mb.
ja joguei no meu lap que tem um i810 com 64 compartilhada
e alguns jogos como nfs1 do ps2 rodou de forma tosca mas deu pra jogar bem por algumas horas sem problemas.
ta querendo o que globo.com, com qq distro linux apos instalados os plugins corretos seja por aptitude/apt ou yum não tive problemas algum.
tem problema quando vc usa distro como slack que tem de baixar o pacote na mao e instalar (installpkg pacote.tgz) que tb nao eh muito problema mas demora um pouco mais.
ja vi muitas pessoas quebrarem cabeca com windows por simplismente tentar assistir a um dvd e ter que instalar milhoes de coisas e ficar naquele reboot umas 10x até funcionar.

vai da vontade de cada um. eh melhor o so A ou B? vai la e usa e nem precisa me dizer! continue usando o que achou melhor.
ta bom. vou sair pra beber que jao sao 11:30 de uma sexta feira e nao to afim de ficar no computador.

[32] Comentário enviado por the.lion em 10/08/2007 - 11:52h

Olá! Primeiramente gostaria de parabenizar a todos que contribuem no fórm (e aquelas que tentam e não coneguem, mas pelomenos tentam, né?!) e nos ajudam a prender mais sobre este maravilhoso sistema.
Gostaria de citar as palavras do "cruzeirense": Falta pra gente dominar o mercado é a padronização. Interessante isso. O próprio Bill Gates disse em entrevista à uma revista brasileira, a qual infelizmente não lembro o nome. Ele falou que o Linux não da certo porque o cada usuário pode fazer seu próprio S.O. Com isto, um programa de computador que serve para um tipo de Linux não servirá para outro. Falta uma padronização". Foi mais ou menos isso. Em outras palavras, a liberdade tão defendida no Linux é o que o impede de dar certo, na opinião dele. Irônico, né?!
Eu li um artigo tb que dizia quase a mesma coisa: "o que um usuário (comum, popular, a grande massa!) quer de um sistema operacional? Que ele rode seus programas, certo?! O linux não faz isso. Um programa que roda na distribuição do seu amigo não rodará no seu.
Não importa se o windows trava, perde seus arquivos, etc. O usuário reinicia sua máquina e começa tudo de novo!"
Com relação a programas. Sei que o espírito do Linux é a liberdade! Por isto a cada dia fico mais fã deste sistema, mesmo mexendo nele só a dois. Navegando pela net, enquanto procurava um Linux que fosse melhor pra mim, vi que algumas distribuições não rodavam arquivos mp3 (acho q pq o cara q criou do mp3 agora gostaria de receber por isso e isso vai de encontro com o princípio do Linux, q é grátis). Mas gente, convenhamos: não é assim que resolvemos as coisas. Ta certo que se pode pegar um programa q roda o mp3, mas peraí! Mp3 é fundamental para o usuário. E para um sistema crescer tem que conquistar a maioria!
O Steve Jobs, criador da Apple (empresa em que anos o demitido!). O cara é um marketeiro, na minha opnião: ele cria produtos bonitos mas "ordinários". O ipod é um exemplo: não tem conexão sem fio, bateria não dura muito, o itunes (programa para transferir músicas e vídeos é uma nojeira e você não pode copiar as musicas do seu ipod para o computador!!! Além de custar uma furtuna! Ma o cara fez aquilo se tornar um objeto de desejo! E vende igual água! O Steve Jobs foi chamado de volta para a Apple, quando a empresa estava bem arrebentada! E hoje todo mundo sabe onde ele tá. Ele cresceu pq viu a necessidade das pessoas e deu o que elas precisavam (e se não precisavam fez as pensarem q precisavam)! Já vi gente que tem um ipod e não tira da gaveta, mas todo mundo sabe q ele tem!
A Microsoft tb tem um pouco disso. A cada novo lançamento de S.O ela o deixa bem mais bonito q a versão anterior, porém com os mesmo defeitos. Mas as pessoas (usuários comuns, a grande massa) sente confiança na empresa e vai lá e compra. O Bill Gates na minha opnião é um político: Sempre promete que desta vez o negócio vai para frente e o troço só anda para trás! Sempe promete coisas. Um exemplo foi o Win Vista (que em um prazo "X" já vendeu mais do que o XP no mesmo prazo). E olha que a mudança mesmo aconteceu do win98 pro XP. Enfim, o que eu to querendo dizer é o usuário quer facilidade de uso, estabilidade do sistema e compatibilidade!
Antes de qualquer julgamento, gostaria de dizer que não estou defendendo que um é melhor ou pior que o outro! Só estamos discutindo sobre o crescimento do linux.
E, na minha opnião, e seria bastante interessante se fizessemos igual a Microsoft. Ex: Windows XP (Home, Professional), Windows Server, etc. Um Linux para cada público alvo, mas todos com a mesma base. Que rodem os mesmos programas e que sejam de fácil manuseio para um usuário leigo. Tipo, clicou instalou, fácil como o windows. E se o usuário avançado quizer fuçar no coração do sistema, que S.O não seja mão de vaca como o windows. Deve ser difícil para um usuário avançado, que paga furtunas por este S.O não poder alterar aquilo que ele necessita no sistema. Deve ser igual a um bom funcionário de uma empresa, que vê o chefe fazendo uma kgda atrás da outra e estar de mãos atadas!

Novamente quero dizer que não estou defendendo nenhum S.O. Só queria dar minha contribuição ao tema. Espero que não seja mal interpretado e quem achar que falei algo errado por favor se manifese! Pois o direito de nos expressármos é uma das coisas que faz de nós pessoas livres.

[33] Comentário enviado por fabriciocscte em 10/08/2007 - 11:55h

"a querendo o que globo.com, com qq distro linux apos instalados os plugins corretos seja por aptitude/apt ou yum não tive problemas algum.
tem problema quando vc usa distro como slack que tem de baixar o pacote na mao e instalar (installpkg pacote.tgz) que tb nao eh muito problema mas demora um pouco mais."

É verdade ai coisa são tão simples assim , talvez eu seja burro , até encontrar todos os pacotes para ver um video no globo.com deu traalho e no site do terra nem funciona...

È verdade no slackware é uma facilidade para instalar um programa é só baixar trocentos pacote e instalar nem dá trabalho , um usuario windows faz isso brincando...há e sem falar que tem o slapt-get que acha todos os pacote pra vc...me desculpa eu sou burro.

So concordo uma coisa com vc sexta feira é dia de comer agua...

[34] Comentário enviado por fabriciocscte em 10/08/2007 - 12:08h

Caro the.lion ,

falta no mudo linux pessoa como vc , que saiba enxergar de forma conciente a verdadeira posição do linux no mundo de SO's. O fanatismo toma conta dos usuarios linux e os tornam cegos a ponto de não enxergar defeitos no linux.

Volto a dizer que não estou falando mau do linux e nem exaltando o windows.
Sou usuario linux a dois anos e o acho um sistema fantástico , porem com algumas deficiencias o que impede a adoção do usuario final e em alguns setores da empresa.

[35] Comentário enviado por .frank. em 10/08/2007 - 19:38h

Eu Gosto do linux pelo seguinte motivo: O computador é seu, e não do sistema.
O problema do linux, é para qual finalidade ele se propoe, e ainda o que as pessoas acham que o sistema deve fazer. Por exemplo o kurumin e o ubuntu sao distribuiçoes que tem o foco no usuario leigo, preguiçoso, e com pouco tempo. Se voce achar o sistema difícil, voce esta totalmente no direito de critica-lo, pois ele nao esta cumprindo bem o que ele se propoe a fazer. Eu mesmo quando testei o Ubuntu 6.06 pelo que havia visto nos forum e pela internet inteira achei que seria uma coisa perfeita, facil e funcional. Dentre outras tantas, nao consegui acessar a minha partiçao, tive que meter comando. Ora bolas, onde esta a facilidade!? Um tempo depois testei, em uma ultima ressalva, o 7.04. Nao tava esperando nada, para mim o "ubulixo" seria sempre uma bosta, porem ele me surprendeu, funcionou tudo, perfeitinho, educado, cheio de avisos, muito bom.
Penso que é por ai, o sucesso do linux esta em como as pessoas o vêem, e o que esperam que ele faça por elas.
Tenho ideias parecidas das do autor deste artigo, pois tambem gosto de ter o controle(mesmo sem saber o que fazer as vezes), Saber o porque as coisas acontecem. Consigo deixar qualquer sistema complicado de tanto que mexo para aprender, e acho que todos os que tem tempo e vontade deveriam fazer.

Nao digo simplesmente que o linux o ou o windows é melhor, pois depende muito do propósito, da situação, do proprio linux em questao, e principalmente do tipo de pessoa que for trabalhar com o sistema. Porem se alguem quiser fazer comparaçao, posso montar uma tabela^_^!

[36] Comentário enviado por weslleyalves em 10/08/2007 - 20:09h

Acredito na multiplexidade de gosto das pessoas. Além de o linux oferecer isso, é acessível.

[37] Comentário enviado por marck em 11/08/2007 - 01:51h

Windows para mim só para games. Cansei de ter que reparar ou reinstalar o sistema toda vez que o anti-virus (original e atualizado)
não detectou os vírus e afins.
Como utilizo muito o office, rodo o office(win ) no wine . Já que é padrão o formato .doc..... e o openoffice não corresponde à altura .
Estou muito satiseito com o linux, especificamente o suse, não me da dor de cabeça.
*****O MINISTÉRIO DA SAÚDE AVISA: DISCUTIR COM TROLLS CAUSAM ESTRES.
abraço

[38] Comentário enviado por cheopsmalta em 11/08/2007 - 09:20h

Kra também to fascinado pelo mundo GNU/Linux que conheci a pouco tempo, ainda me prendo um pouco ao Widow$ na questão de softwares para desenvolvimento como o Dreamweaver, Photoshop, Flash e etc que ainda não encontrei a altura no GNU.

[39] Comentário enviado por kelno em 12/08/2007 - 01:32h

muito interessante.....

o q mais me chamou atenção em relação ao linux foi justamente a nescecidade de ter q buscar a informação e resolver suas broncas sozinho!!!!

é isso ai kra!!!!

[40] Comentário enviado por SMarcell em 12/08/2007 - 14:45h

A minha única razão de não utilizar o windão:

Não dou 500 "pila" (média) por um S.O que é cheio de falhas de segurança. Só isso!

=)

Ah! E pra quem quer o "windão de grátis":

>> http://www.reactos.org/pt/index.html

Falou!!!

[41] Comentário enviado por removido em 12/08/2007 - 21:35h

Gosto desses artigos, mas acho que isso não é coisa do VOL e sim algum topic de um blog e afins.

Enfim, faz alguns meses que só uso Linux no laptop. Uso Ubuntu e Gentoo e tenho o XuPeta instaldo no vmware para quando preciso dele para algo. Assim que eu gosto...

[42] Comentário enviado por Roque em 13/08/2007 - 02:32h

Bom turma estou vendo que o artigo gerou uma polêmica danada, eu posso entrar no bate papo dizendo que sou um usuário totalmente Inexperiente muito leigo mesmo em SO Linux, eu estava no meu pc com o Linux Xubuntu instalado pq meu pc é antigo e gostei muito dele mesmo, se fosse somente pra ficar fazendo as coisas bem básicas aí como disse alguns colegas aí, como navegar na internet, assistir filmes ouvir músicas o Xubuntu me atenderia muito bem mesmo, mas creio que eu como muitos usuários do Windows, na verdade não tem é condição de deixar de usa-lo, na faculdade só tem windows, estou cançado de ver usuários de Linux me dizerem que TUDO que o Win faz o Linux também faz, mas creio que a questão não seja esta. Como eu disse, usuário como eu, não tem é condição de migrar totalmente para o Linux eu gosto muito do Linux pelo Pouquíssimo que conheço sobre tal mas o fato é que se eu precisar de instalar um programa no Windows ou usar um programa como Powerpoint, Pdf ou outro qualquer no Windows eu sei fazer, sei que tem como fazer no Linux e o problema da discussão não é qual é mais fácil e sim qual eu sei usar... No Windows eu que sempre mexi acho muito fácil fazer meus trabalhos acadêmicos se meu windows "parar" e eu ter que fazer o mesmo trabalho acadêmico eu não saberia faze-lo no Linux, esse é o problema, adoro o VOL vocês sempre me ajudam muito quando preciso mas infelizmente tem muitas coisas que pra mim é muito muito difícil de fazer no Linux isso pelo costume com o Windows aí eu cito uma questão aqui: Um usuário que toda vida usou Linux este mesmo usuário saberia mexer no windows com facilidade? claro que não embora muita gente vai questionar mas pode apostar não saberia mexer no windows como eu mexo, isso acontece comigo, sou louco para fazer no Linux o que faço no Windows mas isso ainda vai demorar bastante eu acho difícil mas olha que eu já melhorei muito mas muito mesmo, hoje instalo o Linux configuro as coisas bem primárias só pra mim usar mesmo como internet, reprodutores e tals, isso a um tempinho não tinha nem idéia de como fazze-lo então meu conselho para os fissurados em Linux é o seguinte Paciência pessoal assim como eu estou tentando tem muitos outros usuários tentando migrar também mas pode apostar não é um processo tão simples assim!
Um abraço, A todos!

[43] Comentário enviado por cwars em 13/08/2007 - 11:23h

Não sabia que o artigo que escrevir seria tão polemico (na realidade sabi que era polêmico, mas queria avaliar o nível de polêmica aqui no VOL), até que aqui as pessoas não são tão fanáticas e a quantidade trolls não é tão absurda como em outros lugares.

Quando eu escrevir esse artigo foi mais para rebater um artigo que havia lido em um blog no caso com um titulo chamado "Dez coisas que me faz preferir Windows ao Linux", contudo os motivos não me pareceram lógicos, já que o que mostrava era como o autor buscava alterar uma funcionalidade do Windows de forma a ter o que o Linux (no caso Ubuntu) tinha e por esta razão resolvir escrever um artigo um pouco mais realista (como eu disse isso tudo pode ser resumido em uma única frase: "gosto não se discute") e por esta rão eu não critiquei o Windows e nem na maneira de escrever e até meu motivo de não usar Windows só é porque não tenho sorte com o sistema, pois eu fuço muito e além que não gosto de anti-* (virus e outros malwares), pois ocupam espaço no computador e sempre deixa o sistema muito carregado, e aqui em casa o sistema Windows já não me aguenta mais, pois está cheio de falhas e problemas além de virus (eu não me preocupo mais com a segurança do sistema).

Como podem ver o problema neste caso não é o sistema, mas sim o usuário (no caso eu) devido ao ser um eXtreme User de forma que até o computador tem que ser bom para eu poder usar (eu nem sequer toco no notebook do meu pai, pois também pode dar defeito na minha mão (até que dei meu toque mudando quase tudo do Windows XP do notebook do meu pai em nome da performance)), mas nada disso é culpa do sistema já que cumpre bem seu papel: ser Desktop (mas depois de ver o Ubunto 7.04 eu realmente tenho que admitir que o Ubuntu 7.04 é o sistema mais Desktop que eu já vi, já que a unica coisa que tive que mexer só foi o programa TVtimer, mas de resto ficou funcionando beleza (com exessão da Web Cam NetGate que não tem driver for Linux)).

Agora outro ponto jogos: O Windows da de 10 a 5 no Linux (digo isso pois o Linux ultimamente também tem jogos), além de o Windows ser apenas voltado para seu dia-a-dia como usuário WINDOWS, como eu disse eu não sou usuário WINDOWS mas usuário LINUX e quero ter controle e ao mesmo tempo testar novos softwares.

Uma coisa interessante é que o titulo pode até ser parecido com de outros artigos, mas se seu conteúdo foi igual ou parecido com de outros artigos ou se eu copiei e colei, gostaria de saber qual o link dessa cópia, pois isso poderia me ajudar em um artigo cientifico que estou propondo para afirma que os seres humanos assim como outros animais são seres programados e previsíveis de forma que sua base se encontra no código atômico e na combinação genética do DNA (a chamada memória Genética que é tão polêmica em artigos biológicos) e detalhe eu não sei ser irônico e muito menos mentir, pois escrevir isso justamente no gEdit para depois colocar aqui, não entrei em nenhum site para copiar seu conteúdo (já que se fosse por isso preferia colocar um link ao invéz de pegar material outros e colocar em um artigo, o que realmente seria algo injusto e também chato).

Ah sobre o Slackware acredito que os usuários não devam achar que todos os Linux são Slackware, já que o objetivo dessa Distribuição é para usuários avançados e geeks experientes, então se tiveram primeiro contato com o Slackware se lembre que é Slackware e não Ubuntu, Kurumin e entre outros que buscam facilidade.

Agora sobre a padronização de instalação: Pelo que eu saiba existem algumas formas de instalar os aplicativos no Linux, sendo estas baseadas em .rpm, .deb, .tgz e .bin (.run também conta), mas destas a mais aceita aqui no Brasil é a .deb que são da Destro Debian, desta forma você pode muito bem instalar qualquer pacote Debian entre os Debians, só se alguém aqui não usa um derivado Debian, enquanto os .run e .bin podem instalar em qualquer lugar tanto faz a distro.

Um padrão do Linux que deveria ser considerado é o bash, pois todos tem e qualquer problema pode ser resolvido por ele, sem contar o padrão utilizado para que seja considerado uma Distro Linux usável, pena que padrão de pacotes ainda não se tenha (mas cada dia mais os rpm e os tgz estão sendo cada vez mais substituidos pelo deb).

Agora uma coisa que tenho a considerar a mais: eu sou do tempo do DOS e vi muitas coisas com isso e já usei muitos Windows desde de o 3.11 ao XP, contudo ainda não usei o Vista então não posso acusar nada a respeito desse sistema e o Linux já usei várias Distros e já escrevir até como foi frustante a procurar por um Linux que se adequase aos meus padrões, já usei o Ubuntu 5.04 e foi tão traumático criticava até alma do Ubuntu de tão buguento, mas isso mudou quando o vi o Ubunto 7.04 que realmente é bom e só posso esperar melhor no Gutsy (já testei o alpha release 3 e digo que está muito buguento ainda), o Windows pode ser a mesma coisa principalmente quando tive a mudança entre o Win98 e XP, pois realmente foi quase um adeus a tela azul, mas depois não sei no que deu (cara sou azarado mesmo com Windows -_-#).

E para encerrar com este comentário resposta: eu fui o mais imparcial possível na parte técnica e só usei meu motivo na parte final e o fato de só terem 7 motivos técnicos (mentira, só são 5 motivos tecnicos, pois os dois últimos são pessoais) em relação ao titulo que titulava 10 foi para mostrar a ralidade, já que realmente Windows XP, Linux (tem distro demais para citar), Mac OS X, DOS, Windows 9X, Windows ME, Windows 2000 Professional, Windows NT, Windows Vista, OpenBSD, NetBSD, FreeBSD, BeOS, Unix e entre outros são sistema operacionais independentes tanto em compatibilidade quanto em recursos e não devem ser cobrados por suas vantagens e seus defeitos, mas serem adequados a escolha de seu usuário, pois cada sistema é um mundo e cada mundo é independente.
Coloque uma criança sempre usando Linux, para ela Windows seria apenas um outro mundo totalmente diferente e concerteza ela iria criticar e não querer usar dizendo que trava muito ou que não tem os programas que ela usa, foi a mesma coisa comigo quando mudei de Win95 para WinXP, eu não conseguia jogar XCOM e nem Stunts e realei um bocado pela versão para XP e me deixou meio frustrado assim quando usei o Kalango Linux para mim aquilo foi um outro mundo que me interessou bastante principalmente pela beleza do KDE, pena que também era buguento na época, mas não sei hoje.
E também que quando eu queria ver meus videos tinha que ir para o Kalango pois o Windows estava com uma falha e deixa o video feio pra burro (estranho, não?) como eu disse não tenho sorte com o Windows, por isso mesmo deixei de usar Windows e evito ao máximo usa-lo verdadeiramente.

[44] Comentário enviado por pink em 13/08/2007 - 12:53h

Olá!!!
Tb não tenho sorte com o Windows.... Adoro Linux, um motivo já é suficiente para eu usá-lo: a liberdade. Liberdade não tem preço.
Parabéns por ter expressado sua idéia.
Abraço.

[45] Comentário enviado por jsagara em 13/08/2007 - 13:10h

Siiimmmm!!!
Não tenho nenhuma sorte com windows. Qnto mais longe dele melhor, mas tenho problemas de jogos e programas que uso não serem compatíveis com o Wine. Ae tenho q voltar pro Windows.
Mas nada que me faça deixar o Linux d lado!
Vlw pelas idéias!
Abraço!

[46] Comentário enviado por crashin em 13/08/2007 - 14:36h

Por isso uso dual bot com a parcela menor do hd pro windows!
me livro desses problemas q metade de vcs citaram!

[47] Comentário enviado por fabriciocscte em 13/08/2007 - 22:52h

Não tinha visto esse comentário do ilustre Juliocbm , primeiro eu não uso mais o slack , uso ubuntu. Segundo , posso não conhecer 1% dos jogos de linux , mais conheco o bastante para saber que apenas um idiota compara os jogos de windows , tanto pela quantidade e qualidade , com os do linux. Um exemplo basico , quando foi lançado seconde life para WINDOWS o do linux ainda estava na fase beta e nem sei ja saiu a oficial para o linux , e ai eu quero jogar , tenho que esperar o do linux chegar e se chegar??
Na empresa em que eu trabalho temos 99% dos ternimais linux e 1 servidor windows pois os programas do banco so funcionam em windows , e ai ze mané vc vai deixar de usar o banco porque o programa dele não roda em linux. Vou te contratar para levar o pagamento de cada funcionário na casa deles e a responsabilidade é sua em caso de roubo.

Essa aqui tenho que destacar " É por usuários fechados e pré-conceituosos como você que muitas coisas não vão para frente, e " ... Tem preconceito maior que o dele , só porque eu uso linux e windows no pc eu sou preconceituso???Eu uso o que eu quizer.

A comunidade linux fica mais pobre por causa de usuários como voçê , com pensamentos retrogrados e infantis. Precisamos de cabeças pensantes e formadores de opiniões , aqui não há espaço para demagogia meu caro.

Espero que mude de opinião , ela não te levará a nada e nem ajudara a comunidade linux .

Desculpe alguns erros de ortografia , mais estou com pressa.

Fabricio.

Abaixo os comentarios infelizes do caro Juliocbm.
" 1 - Se você usa o computador só para jogos, com um Windows pirata ou tirando 500 do bolso com um original, parabéns. Aí meu caro, já é outra história.

2 - Você não conhece 1% dos jogos para Linux

3 - Mande um usuário leigo que só usou Linux instalar, atualizar e usar um anti-spyware e anti-vírus, e remover um malware. No Windows, claro.

4 - Depois eu que sou fanático.

5 - É por usuários fechados e pré-conceituosos como você que muitas coisas não vão para frente, e

6 - Por causa de usuários como você me retiro dessa discussão.

(Você usa Slackware, tá explicado. Acha que todos os Linux são como o Slack?) "

[48] Comentário enviado por cwars em 16/08/2007 - 04:14h

"Por isso uso dual bot com a parcela menor do hd pro windows!
me livro desses problemas q metade de vcs citaram! "

Olha quando eu disse que não tenho sorte é não ter sorte mesmo, não ser compátivel...

Para ter uma idéia nos dois dias em que fui a faculdade (os dois primeiros desse semestre, quer dizer recentemente) os pcs que usei deu bronca, no primeiro deu aquela famosa tela azul da morte no XP (detalhe dizendo que era problema do Windows 2000 oO, mas ora isso não é XP?), a segunda o pc simplesmente não quis funcionar mais oO, quando fui para o notebook do meu pai (que roda windows 2000) para fazer o exercício de BCO (Banco de Dados) o Word ficava escrevendo 'queue' em vez de 'que' e no dia seguinte os dois computadores simplesmente apagaram na minha frente...
-_-... estranho que quando uso Linux para fazer meus trabalhos não dão esses problemas, sei lá deve ser destino...

[49] Comentário enviado por JOurneyman em 17/08/2007 - 15:43h

Kra, o ítem 6 é perfeito!!!! Parece que acontece exatamente a mesma coisa comigo!!!
O rWindows sempre da uns problemas malucos comigo que nunca aconteceram com ninguém no planeta!!! Acho que ele não via com a minha kra mesmo, mas garanto que o sentimento é mútuo! :P

[50] Comentário enviado por luisvasquez em 28/08/2007 - 11:01h

Tb uso dual boot, e com certeza afirmo: O usuário "comum" nunca irá usar o linux pelas caracteristas descritas acima como: ser díficil...
Para a galera que gosta de dificultar, pessoal, se vcs gostam de um sistema difícil, legal compilem todos os seus softwares e façam tudo na unha: Direito de vcs.

Mas outra coisa é crescimento de um sistema. Para um sistema crescer ele precisa ser ACESSÍVEL A TODAS AS CLASSES! Afinal a questão não é LIBERDADE? Sou técnico, estudante de Eng. de Computação e Professor e a realidade que eu presencio por ai é que grande parte dos usuários de Pc's malmente sabem se cadastrar em uma conta de email Oo!!!!!

Enquanto existirem pessoas tentando dificultar o uso do Linux, ele estará restrito aos técnicos, analístas... Ou, no máximo, aos curiosos!!!!

Eu uso o Kurmin!!! E uso porque ele é fácil!!!
Vcs acham que não uso o slack porque sou incapaz?

Se acham que sim precisam ver meu histórico acadêmico. Ou vcs tb vão dizer que gradução não conta??? Como vão desenvolver um software industrial sem descrever as equações de Laplace???

Um abraço a todos!!!!

[51] Comentário enviado por cwars em 01/09/2007 - 18:06h

Calma ai camarada, eu disse que era dificil, pois existem coisas que realmente se quiser pegar e fazer funcionar é possível, mas eu nunca mensionei que era impossível, eu também uso uma Distro facil que é o Ubuntu 7.04, mas mesmo assim eu gosto de testar softwares que pego pela net e que compilo aqui no pc, coisa esta que para fazer em Windows é um pouco sacrificante (não existe bem um Makefile no Windows a não ser o Cygwin (contudo até que consiga fazer isso já teria perdido mais tempo que no GNU/Linux)).

Mas sobre acessibilidade das Distros realmente elas estão bem mais acessíveis, não há como negar, principalmente pelo fato de muitos estarem juntando esforços para trazer o kernel Linux para os Desktops (coisa está que está sendo muito bem sucessidida), mas sem isso interfir nas raízes do sistema de forma que existem meios e meios de fazer as coisas, seja elas pelo caminho mais fácil ou mais "difícil" optando assim pela necessidade, o que convém que muitos sempre buscam formas de tornar a Distro mais simples.

Mas sobre a visão de usuários, é só analisar o que eles querem realmente, já que a maioria só quer usar Word (colocam muitas barreiras no OpenOffice), acessar internet, bate papo (no msn menssager, colocando barreiras no kopete, gaim, entre outros), assistir filmes e o melhor de todos Jogar (mesmo que atualmente o nível de jogos do Linux tenha aumentado consideralmente ainda fazem motivos para dizerem que não servem, podendo ser até mesmo o mesmo jogo deles no Win).

E concluindo: a dificuldade do sistema se refere a qualquer coisa que não tenha sido preparada préviamente (podendo nós já deixarmos preparado para que seja integrado ao sistema num todo entre aspas, por exemplo disponibilizar um script em shel que instale o jogo que quer baixando os arquivos e executando os passos necessários, coisa simples de fazer ou mesmo, fazer com que seja feito como é no Kurumin usando o kommander ou Glade para fazer a parte gráfica que é requisitada pelo usuário o que tornaria mais simples para o mesmo).

Então tudo isso se resume a auto-ajuda da própria comunidade para si mesmos, e com isso que seja repassado para outras pessoas, foi nessa idéia em que se basiou muitos programas ou scripts, simples assim (se bem que isso já está sendo feito a algum tempo oO, acho que seja frescura mesmo)

WinUser != GNU/LinUser

[52] Comentário enviado por cwars em 01/09/2007 - 18:09h

Windows != Linux

Propaganda: http://apimente-br.tripod.com/LNW.htm

Peguei o link de alguém que estava divulgando lá do forum do Guia do Hardware.

[53] Comentário enviado por annakamilla em 01/10/2008 - 18:46h

ele é parecido comigo!!!!!!!
não me dou bem com o windows mesmo na escola.
Eu gosto de explorar ao máximo o sistema (2)
tb gosto de ajudar as pessoas dessa comunidade.
tb não gosto da politica da microsoft.
prefiro ir no shipit do ubuntu pedir cd's do que gastar 500 reais + 1000 reais para ter um hardware compativel com o windows vista.

[54] Comentário enviado por bawlaw em 09/03/2010 - 17:04h

Gosto do Pinguim porque nao é windows, Portanto nao estou sentenciado a ficar pagando para ter um sistema americano. Sou novato, estou aprendendo a me libertar do dominio americano


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts