Configuração: Servidor de nomes slave com Bind9 no Debian 4.0

Recentemente fui fazer a configuração de um simples servidor slave com o Bind9 em Debian 4.0. Para fazê-lo consultei vários artigos e depois de concluído, vi o quão simples é sua configuração. O problema foi que não encontrei um artigo passo a passo para fazer isso economizando tempo.

[ Hits: 68.501 ]

Por: Gustavo Hendrigo Marcon em 28/04/2008


Arquivos e configuração do servidor slave



Os diretórios e arquivos principais do servidor de nomes BIND são:
  • /etc/bind/named.conf - Arquivo principal de configuração do bind;
  • /etc/bind/named.conf.local - Arquivo onde colocamos as zonas;
  • /etc/bind/db. * - São os arquivos de zonas.

Agora vamos adicionar a zona no seu servidor slave, e indicando o seu servidor master. No seu aquivo /etc/bind/named.conf.local adicione as linhas:

zone "empresa.com.br" {
        type slave;
        file "/etc/bind/db.empresa.com.br";
        masters { ip_do_seu_servidor_master; };
        };

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalação do bind9
   2. Arquivos e configuração do servidor slave
   3. Permissões e finalização
Outros artigos deste autor

DansGuardian versões 2.9.3.0 e superiores em Debian 5.01

Adicionando baterias automotivas extras em nobreaks

PhpDansAdmin, protótipo de ferramenta web para administração do DansGuardian

Servidor proxy autenticado (Squid + DansGuardian + OpenLDAP)

Bind9 + Debian Linux 4.0: Configuração de um servidor de nomes interno

Leitura recomendada

Rsyslog - Configurando o Centralizador de Logs

Bootsplash nos kernels 2.6.17.13 e 2.6.18 no Slackware 11

Configuração universal do servidor X (modo gráfico)

Configurando um cluster com o Fedora Core 4 e MPICH-2

Entendendo o processo de boot

  
Comentários
[1] Comentário enviado por cromado em 28/04/2008 - 10:44h

Email é um serviço essencial , sempre é bom surgir artigos novos sobre o assunto. meus parabéns.
Configurei um email interno , e funciona belezinha , vc sabe de alguma forma de configurar um servidor de email pra responder pra fora da rede , na internet no geral sem pagar , por exemplo "No IP" , ou precisarei de Ip fixo , registrar um dominio e etc?

vlw

[2] Comentário enviado por removido em 28/04/2008 - 12:41h

Corrigindo

/etc/init.d/bind9 restart

e não

# /etc/init.d/bind9/restart
Ótima matéria...

[3] Comentário enviado por hendrigo em 28/04/2008 - 12:46h

Para que um serviço de e-mail funcione corretamente você vai precisar de um ip fixo e um domínio registrado. Uma boa opção para isto é: se vc tem um domínio registrado vc pode usar o serviço do google que possibilita que crie e-mails @suaempresa.com.br, este serviço gratuito é limitado até 2000 contas. Assim só haverá a necessidade de um domínio registrado e o dns de um servidor que pode estar em qualquer lugar. seria a solução mais barata.

[4] Comentário enviado por jairus em 15/07/2008 - 16:46h

Parabéns !!!

Consegui resolver o problema do meu servidor dns slave com sua dica de permissão.


Jairus Lopes

[5] Comentário enviado por comfaa em 14/10/2008 - 08:58h

Muito Bom Artigo !!!

Abraços

[6] Comentário enviado por pogo em 26/02/2009 - 15:01h

excelente artigo... me ajudou bastante aqui! =)

[]'s

pogo


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts