Cansou do Konsole e GNOME-Terminal? Existem outros terminais, escolha o seu!

Este artigo sumariza os principais terminais e tipos de terminal, alternativas aos famosos Konsole e GNOME-Terminal.

[ Hits: 51.052 ]

Por: Alberto Federman Neto. em 16/11/2010 | Blog: https://ciencialivre.blog/


Konsole e Mlterm



C) terminais "from-scratch"

Aqui terminais que não se enquadram nos tipos anteriores. Não são baseados em outros tipos, também não são emuladores.

Totalmente "From-Scratch", isto é, reescritos e não baseados em quaisquer outros terminais anteriores. Alguns também possuem sua própria Shell embutida, embora sejam compatíveis com Bash e as outras Shells.

1) MLTERM

O Mlterm (Multi-Lingual Terminal) é um terminal multilinguagem, especialmente desenvolvido para suportar UTF-8 (Unicode) e também quaisquer outras codificações de caracteres, de quaisquer partes do Mundo, inclusive asiáticas (Chinês, Japonês, Coreano etc), da Europa do Leste (Húngaro, Romeno, Polonês etc) e geral (Grego, Celtic, por ex.), Alfabeto Cirílico (Russo) etc.

Sua utilidade é óbvia, pois vai interpretar letras de alfabetos Russo, Japonês, Vietnamita, Punjabi etc para usuários que não escrevem com alfabeto arábico.

2) KONSOLE

O famoso Konsole do KDE, contrariamente ao que se poderia pensar, não é (embora possa emular, veja abaixo) um emulador de Xterm (como o GNOME-Terminal), nem de qualquer outro tipo de terminal, mas sim foi reescrito totalmente do zero, só para ser usado no KDE.

Possui sua própria Shell, chamada "Shell.3F", que curiosamente é baseada na... Shell do Windows!
Mas pode usar Bash ou qualquer outro tipo de Shell, e pode emular outros terminais, como Xterm, VT102 e VT100, VT420PC, Solaris etc.

Como o GNOME-Terminal, totalmente configurável, aceita vários perfis, todas as codificações de caracteres, fontes e tamanhos de letras diversas, diferentes cores, imagens, transparências etc.

Na figura abaixo, os conhecidíssimos Konsole e GNOME-Terminal (página 3), configurados com transparência.
Linux: Cansou do Konsole e GNOME-Terminal? Existem outros terminais, escolha o Seu!
Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução, interpretador de comando e shell
   2. Xterm, Aterm, Eterm, Mrxvt etc
   3. GNOME-Terminal, LXTerminal, Terminal-E etc
   4. Konsole e Mlterm
   5. Outros terminais e aplicativos de terminal, conclusões
Outros artigos deste autor

Sabayon Linux - O Gentoo fácil!

Como manter GNOME2 em Sabayon Linux

Instalando, gerenciando e mantendo pacotes no Gentoo Linux e derivados

Experimentos com GNOME3 em instalações contendo outros ambientes gráficos

Estudo comparativo de alguns gerenciadores e aceleradores de download

Leitura recomendada

Backup automático em Shell Script

Simples e rápido: matando todos os processos de um usuário

O que é Shell Script

Introduzindo um pouco mais a fundo o shell script

Recursos avançados do bash que você não aprende na escola

  
Comentários
[1] Comentário enviado por izaias em 16/11/2010 - 11:07h

Uma verdadeira aula.
Amplas variações e para todos os gostos.
Mais uma referência para toda a comunidade Linux.

Excelente artigo Alberto.

Isto é Linux!

[2] Comentário enviado por diegorubin em 16/11/2010 - 12:21h

Um terminal que gosto bastante e que tem sido muito útil é o Terminator. Este terminal tem possibilidade de fazer splits.

Muito bom o artigo.

Falou.

[3] Comentário enviado por stilldre em 16/11/2010 - 14:10h

sempre uso o yakuake! excelente tutorial, parabéns!

[4] Comentário enviado por aline.abreu em 16/11/2010 - 14:30h

Muito, muito interessante!!!!

[5] Comentário enviado por leovailati em 16/11/2010 - 18:43h

Faltou o Terminator, que eu uso no trabalho:

http://software.jessies.org/terminator/

[6] Comentário enviado por mcnd2 em 16/11/2010 - 19:26h

Muito bom!

É essa a diferença em usar GNU/Linux.
Muitas variedades de configurações com um detalhe, tendo o mesmo efeito.

Artigo 10.

[7] Comentário enviado por Fabio_Farias em 17/11/2010 - 13:20h

Mais um belo trabalho do albfneto.
No meu limitado conhecimento não pensei que existiam tantas diferenças entre os terminais.
Obrigado amigo pela excelente contribuição.
Abraços!

[8] Comentário enviado por trombel em 17/11/2010 - 18:28h

Artigo muito bom. Não fazia idéia da variedade de terminais.
Uma pergunta: na frase " Sua utilidade é óbvia, pois vai interpretar letras de alfabetos Russo, Japonês, Vietnamita, Punjabi etc para usuários que não escrevem com alfabeto arábico.", quando fala do mlterm, a expressão "que não escrevem com alfabeto arábico" não deveria ser "que não escrevem com alfabeto latino" ?

Abraços!

[9] Comentário enviado por albfneto em 18/11/2010 - 12:43h

ERRATA:

Concordo. lembrou bem. Não é alfabeto arábico,é alfabeto latino!

Os numerais que usamos é que são arábicos! rsrsr
Falha nossa! rsrsr

[10] Comentário enviado por mvquintella em 18/11/2010 - 13:00h

Instalei o Guake no Ubuntu. Muito bem!
Obrigado pela dica!


[12] Comentário enviado por bonilhasilvio em 03/07/2012 - 20:15h

Utilizo GNU/Linux há mais de 10 anos, como servidores e como estação de trabalho. Poucas vezes troquei a pele do bichinho. Desde as primeiras versões do Conectiva, RedHat, Mandrak, Debian, Slackware, Kurumim, (a versão 7 estava muito boa) e por fim Ubuntu. Lendo esse artigo me animei a trocar a pele do meu Gnome, vamos ver se me dou bem...

[13] Comentário enviado por albfneto em 29/10/2012 - 17:15h

COMPLEMENTO

Outros Terminais. Exemplo o Terminator

http://www.vivaolinux.com.br/dica/Terminator-Um-terminal-muito-interessante


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts