Bing: Medindo velocidade da conexão no Linux

O Bing é um software usado para medir a conexão de determinado link entre dois hosts. Escrito por Pierre Beyssac e licenciado pela GPL, este software é muito eficaz na hora de medir o peso de determinada conexão. Vejamos como instalar e utilizar no Linux.

[ Hits: 57.736 ]

Por: José Cleydson Ferreira da Silva em 06/09/2008


Conhecendo e instalando o Bing no Linux



Para entender melhor a função do mesmo, imagine que em sua casa ou na empresa na qual você possa ser um colaborador, umas das ferramentas de comunicação ou de transporte de arquivos pesados é uma prática de prioridade 0.

Empresas de publicidade e propaganda, que utilizam em grande escala o transporte de imagens com uma resolução de extremo tamanho, GIFs animados, arquivos de mp3 etc. Com crescente fluxo de sua rede as conexões de 100MB/s acabam não trabalhando com a mesma proporção e o que valerá é a capacidade de conexão de um ponto ao outro (Host_A <==> Host_B). Ficamos às vezes imaginando qual é o motivo de determinadas variações inexplicáveis em nossa rede na hora de uma transferência de determinado conteúdo.

O Bing utiliza o protocolo ICMP naturalmente, emitindo um pacote ICMP com pedido de resposta e analisa a mudança resultante do RTT. Variando um pouco o RTT, o Bing faz medidas de cada múltiplo que está sendo medido.O envio de pacote pelo Bing só é possível por que ele utiliza o icmp_dev, onde o sistema de exploração não é o único permitido para fazer envio de pacote, naturalmente usaria sockets primários para essa finalidade, mas o Winsock não suporta os soquetes primários (no caso do Windows).

Instalando o Bing no Linux ou em derivados de Unix

O Bing é um programa bem conhecido no mundo open source e muitos administradores de redes o utilizam para seus fins. Um dos objetivos da comunidade de software livre em geral é facilitar a vida dos usuários para que os mesmos não passem parte de seu tempo compilando pacotes, por isso as distribuições de ponta já incluem um vasto "cardápio" de programas em seu mirror.

Com o Bing não é diferente. Ele está bem enraizado em vários mirrors. Para instalar o Bing mostraremos duas formas convencionais que já sabemos. A primeira compilando o pacotes e outra através do mirror padrão.

Para fazer o download do arquivo tar.gz entre na seguinte URL:

http://www.boutell.com/lsm/lsmbyid.cgi/002078vv

A forma de instalação é simples, entre no diretório em que foi feito o download e descompacte o arquivo e de os seguintes comandos:

make
# make install


Em meras oportunidades de instalar o Bing através dos mirrors, vale lembrar a distro que está usando no momento, seja ela derivada do Debian ou Red Hat.

# apt-get install bing (para os derivados do Debian)
# urpmi bing (para os derivados do Red Hat)

Após instalado, podemos agora ver algumas de suas utilidades e seu funcionamento. Em muitos casos não são usados todos os seus parâmetros, mas isso não significa que o Bing não seja poderoso. Existem casos que administradores de redes possuem um conjunto de ferramentas específicas para realizar sua tarefas diárias, onde se aplica-se o seguinte ditado popular: "cada caso, é um caso".

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Conhecendo e instalando o Bing no Linux
   2. Medindo a conexão
Outros artigos deste autor

Compiz - Conhecendo a fundo II

Acessando desktop remotamente com noMachine

Compiz - Janelas à 360 graus no Linux

Gerência de projetos com Redmine

Bioinformática - Clustalw-MPI: Análise Filogenética utilizando computação paralela e distribuída

Leitura recomendada

Instalando o amule a partir da source

PacmanXG, excelente frontend para o Pacman

Pebrot: Um cliente MSN (modo texto) muito eficiente

Benchmark de hardware e CFLAGS usando o ubench

Monitorando processos no Linux com o Htop

  
Comentários
[1] Comentário enviado por albfneto em 06/09/2008 - 14:15h

uma verificação preliminar de velocidade de rede, pode ser feita em um velocímetro gráfico. Veja no link:

http://www.abeltronica.com/velocimetro/pt/?idioma=br&newlang=br

o melhor velocímetro online para internet é:

http://www.speedtest.net/

para instalar bing em Sabayon e Gentoo:
emerge -va bing
ou
equo install bing

[2] Comentário enviado por weldatribo em 07/09/2008 - 01:43h

No Red Hat tem um utilitário tambem legal para medir perca entre hosts que é o MTR. Ele faz um tracert monitorando as percas.

WedaTribo
Linux - Abrindo nossas mentes...

[3] Comentário enviado por grandmaster em 07/09/2008 - 19:27h

Nao conhecia

Vou testar depois na VM aqui.

Renato de Castro Henriques
CobiT Foundation 4.1 Certified ID: 90391725
http://www.renato.henriques.nom.br

[4] Comentário enviado por iarlyy em 08/09/2008 - 10:06h

No fedora 9

root# yum install bing

Legalzinho.

Vlw a dica.

[5] Comentário enviado por cleysinhonv em 08/09/2008 - 10:28h

Obrigado pessoal pela dica de como instalar em outras distribuições.

Valeu!


[6] Comentário enviado por viniciusgnu em 09/12/2009 - 15:33h

Essa foi outra ferramenta que também conheci por dica sua e que desde então me tem sido muito útil, valeu!

[7] Comentário enviado por austin432 em 29/08/2019 - 18:59h

O speedtest-cli usa os mesmos servidores (etc.) que o SpeedTest.net. Você deve considerar o speedtest-cli e o www.speedtest.net como equivalentes, apenas com um front-end diferente. Eu ficaria surpreso se você obtiver resultados significativamente diferentes de forma consistente se ambos usarem o mesmo servidor. Se eles não estiverem usando o mesmo servidor, você não terá base para comparação. Por fim, meus resultados para os dois utilitários variam de 2 a 4 de execução para execução. Sugiro que você teste 2-4 servidores e execute 3-4 execuções para cada servidor, compare as ferramentas e precise ler a discussão como https://questoes.info/questions/13191/representacao-grafica-da-temperatura-do- forno-ao-longo-do-te.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts