Cifra de Cesar - Cripto-Analise

A Cifra de César usa de um sistema de substituição monoalfabético, onde cada letra leva um valor (a=0,z=25) que é substituído modularmente com a soma de uma chave(0,25). C=E(k,p) = (k+p)mod26 Esta cifra é facilmente quebrada aplicando um analise de frequência nos caracteres do texto cifrado. O script abaixo recebe duas entradas uma chave(0,25) e um texto claro podendo ter espaços e letras maiúsculas e minusculas, através disso gera um texto cifrado. A criptoanálise é feita achando os caracteres de texto cifrado com maior repetições e substituindo com os caracteres que mais aparecem na linguá Portuguesa, gerando 5 possíveis textos claro. Há um problema nessa criptoanalise, apesar da cifra de César ser fácil quebrar se o texto claro for muito pequeno dificultara bons resultados imediatos.

Por: Felipe


Cifra de Vigenère

Código para gerar cifra de Vigenère em C com opção de auto-chave! Esta cifra faz soma do carácter da chave com seu correspondente no texto claro a cifra é gerada encontrando seu correspondente em uma cifra de César tendo como chave o carácter da chave de Vigenère, a chave de Vigenère é gerada através de uma palavra que se repete ate atingir o tamanho do texto claro, Vegenère também propôs uma auto-chave que seria a chave sendo preenchida com o próprio texto claro ate atingir seu tamanho, assim dificultando a cripto-analise. Equação: C = C¹ + C² = E(K,P) = E[(k¹,K² ),(P¹,P²)] = (P¹+P¹) mod 26, (P² +P² ) mod 26

Por: Felipe


Cifra de César!

Uma maneira simples e arcaica de criptografia, mas ainda assim útil. Já ouviu falar da cifra de César? provavelmente não, porque este método de é tão,mais tão antigo que era usado nos tempos de Roma pelo Imperador para enviar mensagens sem que elas pudessem ser decifradas por pessoas indesejáveis. A cifra consiste em substituir as letras de uma mensagem por seus sucessores no alfabeto de acordo com a chave. Ex: Chave=1 Se a frase a ser enviada fosse : VOL seria somado 1 a letra V = X seria somado 1 a letra O = P seria somado 1 a letra L = M Então VOL criptografado pela lógica de césar é: XPM! Divirta-se

Por: Victocha


SSH PortScan

Código bastante simplificado que verifica se um determinado IP definido pelo usuário está com a porta 22 aberta ou não. Este é o principio de um port scan. * Código para estudo.

Por: André


Criptografia rot13

Criptografa uma string usando ROT13. Acredito que seja a criptografia mais simples que existe, mas dependendo da problema já resolve. ;)

Por: Mauricio


IntensiveDoS - ferramenta de DoS para pentesting

IntensiveDos é uma ferramenta de DoS para pentesting, com ela fica muito fácil saber como o seu servidor responde e cataloga ataques do gênero. É uma ferramenta muito simples e livre de qualquer protocolo específico. http://github.com/lfamorim/IntensiveDoS O fluxo da thread é bem simples: Abre Conexão > Escreve > Fecha Conexão. Se você precisar de algo mais específico, sinta-se livre para alterar o fonte. Se você for abrir muitas threads é recomendável baixar o stack size, faça com um comando muito simples: $ ulimit -s 400 (quanto menor mais threads) Aproveito para indicar o GitHub, uma ferramenta social maravilhosa para compartilhar projetos e conhecer novos amigos programadores. Aproveito para indicar meu blog - http://lfamorim.com/

Por: Lucas Fernando Vasconcelos de Arruda Amorim






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts