openSUSE 13.1 em UEFI

Publicado por rafael oliveira em 13/10/2014

[ Hits: 5.391 ]

 


openSUSE 13.1 em UEFI



Pessoal, uma rápida dica para quem está usando openSUSE 13.1 em UEFI.

Após atualizar meu sistema e dá reboot, recebi uma mensagem informando que não havia dispositivo de boot. Depois de bater muito a cabeça, descobri uma forma de resolver e também vi que a entrada referente ao meu bootloader (opensuseHDD500) no firmware UEFI, havia sido apagada (motivo pelo qual ainda não sei).

Toda distro GNU/Linux que suporte UEFI em sua instalação ou após, deve ser criada uma partição com file system em FAT e com ponto de montagem em /boot/efi, para que o sistema coloque o GRUB/LILO que termina com .efi (ex.: no openSUSE = /boot/efi/EFI/opensuse/grubx64.efi), assim como arquivos relacionados ao security boot, se habilitado (ex.: shim.efi).

* Importante fazer backup com o comando: dd

Exemplo:

# dd if=/dev/sdXY of=backup_efi.img

Onde:
  • x :: HDD que está a partição com o /boot/efi.
  • Y :: número da partição com ponto de montagem em /boot/efi.

Passos

1. Para resolver o problema citado acima, dê boot com o CD/DVD do openSUSE e escolha a opção de rescue.

2. Monte a partição que tem file system FAT e verifique se os arquivos do grubx64.efi e os demais constam no diretório, caso não esteja, use a imagem de backup e restaure sua partição:

# dd if=backup_efi.img of=/dev/sdXY

3. Após isso, vamos criar a entrada do nosso boot EFI que foi removido do UEFI firmware:

# efibootmgr -c -d /dev/sdX -p Y -L "opensuse" -l "\EFI\opensuse\grubx64.efi"

Onde:
  • -c :: cria nova VAR bootnum;
  • -d :: disco com partição FAT para EFI;
  • -p :: partição que tem como ponto de montagem /boot/efi;
  • -l :: caminho de seu GRUB EFI. Obs.: as barras são para o lado contrário mesmo, não está errado!

4. Execute:

# efibootmgr -v

E verifique se a entrada foi criada e consta no bootloader.

5. Altere a ordem de boot:

# efibootmgr -o 0005,0003 ....

Obs.: os valores de -o são hexadecimais e você deve colocar a entrada referente ao bootnum criado de nome opensuse como 1º na ordem de boot, e após isso, execute mais uma vez efibootmgr -v e observe o BOOTORDER.

Logo depois, reinicie o sistema e tudo estará resolvido.

Outras dicas deste autor

Script de backup + envio de e-mail

Auditando acesso de usuários no Linux

Configurando parâmetros ajustáveis do sistema de arquivos ext*

Visão geral do Nmap

Leitura recomendada

Recuperar Arch Linux quebrado

Samba 3.0.7 - Resolvendo problema de montagem

Servidor NFS no OpenBSD

Daemon Tools no Linux?

Ubuntu 10.10 - Recebendo arquivos via Bluetooth

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts