Velocidade real da conexão

Publicado por Xerxes Lins em 29/07/2016

[ Hits: 2.594 ]

Blog: https://voidlinux.org/

 


Velocidade real da conexão



Vamos pensar um pouco...

Uma pessoa contrata um serviço de Internet com velocidade de "25 mega", como diz o anúncio:
Linux: Velocidade real da conexo
Com esse serviço, um download de 300MB acabou levando 100 segundos.

Pergunta: qual é a velocidade real da conexão?

Consegue responder? Pense um pouco.

Conseguiu? Não conseguiu? Bem, vou explicar e depois darei a resposta.

Primeiramente, a velocidade anunciada pelas operadoras se refere à velocidade de pico, ou seja, a velocidade máxima. Não significa que você vai ter essa velocidade real. E, segundo, que esse "mega", da propaganda, não significa megabytes e sim megabits.

Isso faz diferença porque é preciso ter 8 megabits para se ter 1 megabyte. Sacou? 1 megabit é 8 vezes menor que 1 megabyte. Mais uma vez: a propaganda não está anunciando megabytes e sim megabits! É pegadinha? Não necessariamente. Pois conexão se mede em bits mesmo e não em bytes. O usuário é que imagina que aquilo é megabyte.

Na prática, o que a propaganda está dizendo é: "adquira uma velocidade DE PICO (e não real) de 25 megabits (e não megabytes) por segundo".

Então, respondendo, se o download de um arquivo de 300MB (esse sim, em megabytes) foi baixado em 100 segundos, qual é a velocidade real?

Basta transformar os 300MB em megabits e como 1 megabyte vale 8 megabits, é só multiplicar 300 por 8. Vai dar 2400. Ou seja, quando a pessoa baixou 300 megabytes, ela baixou 2400 megabits. Isso em 100 segundos!

Então, para descobrir a velocidade por segundo, basta dividir 2400 por 100 que resulta em 24. Agora, 24 o quê? Megabits por segundo! Essa é a resposta, a velocidade real nesse exemplo.

Abraço!

Outras dicas deste autor

Habilitando plugin do BB no Redhat 7

Comandos para obter informação de hardware

sudo: incapaz de resolver máquina mint [Resolvido]

Harmonizando Compton com Xfce4-screenshooter

Backports no Devuan

Leitura recomendada

Bloquear Portas USB no Ubuntu

Acessando uma partição NTFS (leitura) como usuário comum no Debian Linux

Instalando MySQL 5.1 no Debian 5 x86_64 pelo apt-get

Configurando teclado ABNT (Português) Debian Lenny

Trinity Desktop - Tenha o fork do KDE 3 no nosso mundo atual!

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts