Terminal do root colorido

Publicado por Ronaldo Lidio em 21/12/2006

[ Hits: 16.965 ]

 


Terminal do root colorido



Os usuários do Slackware 11 já devem ter notado que quando utilizamos o "su" e damos um "ls", as pastas, executáveis e tgz estão todos com a mesma cor, isso acontece apenas com o usuário root e as letrinhas coloridas ajudam muito na visualização de pastas e arquivos.

No terminal, entre como root e crie o arquivo .bashrc (podem utilizar o comando abaixo)

# touch ~/.bashrc

Agora vamos a nossa dica. Edite e adicione no ~/.bashrc as seguintes linhas (no meu caso utilizo o mcedit ,que considero um dos melhores editores modo texto):

# mcedit ~/.bashrc

#Export adicionais se preferir pode não utilizar onde ele deixa nosso shell #em português

export HOSTNAME="`cat /etc/HOSTNAME`"
export LC_ALL=pt_BR
export LESSCHARSET=latin1

#Aqui é o Script onde se encarrega das cores:
for profile_script in /etc/profile.d/*.sh ; do
if [ -x $profile_script ]; then
. $profile_script
fi
done
unset profile_script

Abraços a todos.

Outras dicas deste autor

Evitando SQL Injection

Leitura recomendada

VirtualBox no Ubuntu 8.04 funcionando USB

Convertendo PDF para EPUB ou MOBI

Meu servidor Conectiva Linux se conecta, mas não encontra sites na Internet

Configurando o teclado no Slackware e no Zenwalk

Ativando as funcionalidades do gerenciador de janelas Compiz no Linux Mint com ambiente gráfico Mate

  

Comentários
[1] Comentário enviado por tenchi em 23/12/2006 - 23:24h

O jeito que eu arrumo para fazer isso é pegar um arquivo já pronto.
No slackware faço o seguinte:
# cp /etc/profile ~/.bashrc
Faço isso para todos os usuários.

Mas a sua solução também é boa. Falow.

[2] Comentário enviado por lefigo em 17/09/2007 - 15:09h

Aproveitando a dica do meu colega bad_feelings, para usuários do Debian, basta descomentar as seguintes linhas no arquivo /root/.bashrc:

# ~/.bashrc: executed by bash(1) for non-login shells.

export PS1='\h:\w\$ '
umask 022

# You may uncomment the following lines if you want `ls' to be colorized:
export LS_OPTIONS='--color=auto'
eval "`dircolors`"
alias ls='ls $LS_OPTIONS'
alias ll='ls $LS_OPTIONS -l'
alias l='ls $LS_OPTIONS -lA'
#
# Some more alias to avoid making mistakes:
# alias rm='rm -i'
# alias cp='cp -i'
# alias mv='mv -i'

Obrigado!

[3] Comentário enviado por fabioarnoni em 27/12/2007 - 16:30h

Ótima dica, funcionou certinho aqui !!! abraçoss !!!

[4] Comentário enviado por perfection em 13/07/2016 - 10:54h

Vc é o Cara! Perfeito e Original!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts