Terminal do root colorido

Publicado por Ronaldo Lidio em 21/12/2006

[ Hits: 16.311 ]

 


Terminal do root colorido



Os usuários do Slackware 11 já devem ter notado que quando utilizamos o "su" e damos um "ls", as pastas, executáveis e tgz estão todos com a mesma cor, isso acontece apenas com o usuário root e as letrinhas coloridas ajudam muito na visualização de pastas e arquivos.

No terminal, entre como root e crie o arquivo .bashrc (podem utilizar o comando abaixo)

# touch ~/.bashrc

Agora vamos a nossa dica. Edite e adicione no ~/.bashrc as seguintes linhas (no meu caso utilizo o mcedit ,que considero um dos melhores editores modo texto):

# mcedit ~/.bashrc

#Export adicionais se preferir pode não utilizar onde ele deixa nosso shell #em português

export HOSTNAME="`cat /etc/HOSTNAME`"
export LC_ALL=pt_BR
export LESSCHARSET=latin1

#Aqui é o Script onde se encarrega das cores:
for profile_script in /etc/profile.d/*.sh ; do
if [ -x $profile_script ]; then
. $profile_script
fi
done
unset profile_script

Abraços a todos.

Outras dicas deste autor

Evitando SQL Injection

Leitura recomendada

Configurando um servidor Samba no Ubuntu Server 8.10

Scroll no touchpad do Dell Inspiron 1525 (Slackware)

Acelerando o yum com Axel

Trocando a porta de serviços para monitoramento Nagios

Instalação da impressora Epson LX-300 no Debian

  

Comentários
[1] Comentário enviado por tenchi em 23/12/2006 - 23:24h

O jeito que eu arrumo para fazer isso é pegar um arquivo já pronto.
No slackware faço o seguinte:
# cp /etc/profile ~/.bashrc
Faço isso para todos os usuários.

Mas a sua solução também é boa. Falow.

[2] Comentário enviado por lefigo em 17/09/2007 - 15:09h

Aproveitando a dica do meu colega bad_feelings, para usuários do Debian, basta descomentar as seguintes linhas no arquivo /root/.bashrc:

# ~/.bashrc: executed by bash(1) for non-login shells.

export PS1='\h:\w\$ '
umask 022

# You may uncomment the following lines if you want `ls' to be colorized:
export LS_OPTIONS='--color=auto'
eval "`dircolors`"
alias ls='ls $LS_OPTIONS'
alias ll='ls $LS_OPTIONS -l'
alias l='ls $LS_OPTIONS -lA'
#
# Some more alias to avoid making mistakes:
# alias rm='rm -i'
# alias cp='cp -i'
# alias mv='mv -i'

Obrigado!

[3] Comentário enviado por fabioarnoni em 27/12/2007 - 16:30h

Ótima dica, funcionou certinho aqui !!! abraçoss !!!

[4] Comentário enviado por perfection em 13/07/2016 - 10:54h

Vc é o Cara! Perfeito e Original!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts