SongBird 1.10, via apt-get, através do repositório Livre SO

Publicado por Djane Franco Dorneles em 28/10/2010

[ Hits: 4.883 ]

 


SongBird 1.10, via apt-get, através do repositório Livre SO



Songbird é uma mistura de browser (como o Firefox) e media player (como o Amarok) num único programa. Os seus pontos fortes incluem a capacidade de tocar podcasts, streams e tudo o que seja conteúdo musical em um único lugar.

Infelizmente o desenvolvimento do SongBird para Linux foi interrompido. Como o código fonte é aberto um novo projeto, baseado no SongBird, chamado Nightingale foi criado pela comunidade. A última postagem no site foi em 09/09/2010 e ainda não há versões disponíveis para download. Caso você seja programador talvez possa contribuir com o Nightgale, ou mesmo iniciar um novo projeto que dê continuidade ao SongBird para plataforma Linux.

O pacote SongBird poderá ser instalado no Livre SO, Debian Lenny e distribuições filhas.

Saiba mais em:
Outras dicas deste autor

BrOffice.org, Chromium, Gimp e Inkscape no Livre SO

Joomla 1.5.20 e Kompozer 0.83b, ambos em português, instaláveis via apt-get - Livre SO

Leitura recomendada

Big Busca: site de busca eficiente e promissor

Entra no ar a mais nova comunidade sobre Linux e Fedora Core em língua portuguesa

Instalando o driver nVidia versão 190 no Ubuntu 9.10 - sem complicação

Erro: #1045 - Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) ao acessar PHPMyAdmin

Ubuntu leve? Que tal o U-lite

  

Comentários
[1] Comentário enviado por albfneto em 28/10/2010 - 18:49h

O songbird é excelente, mas como vc disse, está descontinuado.
existe ainda para várias distros, como sabayon, gentoo etc...
vejam aqui outros artigos sobre o songbird:

http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Songbird-Conhecam-o-mediaplayer-da-Mozilla/

http://www.vivaolinux.com.br/dica/SongBird-1.10-via-aptget-at

http://www.vivaolinux.com.br/dica/Songbird-nao-inicia-Could-not-initialize-GStreamer


[2] Comentário enviado por pinduvoz em 28/10/2010 - 23:13h

Acho que eles erraram em partir unicamente para o Windows e assim concorrer com o iTunes.

Eles deveriam ter ficado com o Linux.

[3] Comentário enviado por annakamilla em 30/10/2010 - 15:15h

acabei de instalar ele



Contribuir com comentário