Slackpkg plus (instalação e configuração multilib)

Publicado por Xerxes em 02/07/2014

[ Hits: 9.408 ]

Blog: https://static.vivaolinux.com.br/imagens/dicas/comunidade/300.jpg

 


Slackpkg plus (instalação e configuração multilib)



Dica testada no Slackware 14.1.

Slackpkg plus (Slackpkg+) é uma extensão para o gerenciador Slackpkg, feita para dar mais poder a ele.

Mas por que instalar essa "heresia", se o gerenciador Slackpkg já é bom o suficiente?

Obs.: se você é usuário slack puro, anti-pink e odeia heresias, essa dica não é para você. Aviso logo, que sou um usuário de Slackware herege. Eu não me contento apenas com Sbopkg (SlackBuilds) e uso também slapt-get (!!!) com repositórios Salix!

O ruim do slackpkg (se é que se pode dizer isso), é que o mesmo só aceita repositórios oficiais. Não permite bagunça! Além disso, quando habilitamos o multilib no Slackware, é preciso colocar na blacklist alguns parâmetros:

[0-9]+alien
[0-9]+compat32

...para evitar problemas durante a atualização do sistema.

Com a extensão Slackpkg+, que é apenas uma extensão e não um novo gerenciador, esses "problemas" podem ser corrigidos. Torna-se possível usar repositórios não-oficiais no Slackpkg (como o do AlienBob) e configurando corretamente a extensão, não é necessário colocar parâmetros na Blacklist para sistemas multilib.

Outros detalhes do Slackpkg+, você irá perceber conforme o uso.

Para baixar o pacote acesse: Slackpkg+

Instale:

# installpkg slackpkg+-blablabla.txz

Antes de iniciar, configure-o:

# nano /etc/slackpkg/slackpkgplus.conf

O arquivo, seguindo o estilo slack de ser, é bem comentado.

Se quiser, como exemplo, por sua conta e risco, baixar pacotes 32 bits num sistema 64 bits, troque de:

ALLOW32BIT=off

Para:

ALLOW32BIT=on

Obs.: isso NÃO é necessário para permitir o multilib. Como pode ser visto no fórum, é apenas uma opção:
Caso você não curta o repositório Slacky, por exemplo, pode comentar a linha dele assim:

# Slackware 14.1 - x86_64
MIRRORPLUS['multilib']=http://taper.alienbase.nl/mirrors/people/alien/multilib/14.1/
MIRRORPLUS['alienbob']=http://taper.alienbase.nl/mirrors/people/alien/sbrepos/14.1/x86_64/
MIRRORPLUS['restricted']=http://taper.alienbase.nl/mirrors/people/alien/restricted_sbrepos/14.1/x86_64/
#MIRRORPLUS['slacky']=http://repository.slacky.eu/slackware64-14.1/

Mas se fizer isso, não esqueça de apagar o nome dele também em:

→ REPOPLUS=( slackpkgplus restricted alienbob slacky )

Deixando assim:

REPOPLUS=( slackpkgplus restricted alienbob )

Para habilitar o multilib, descomente a linha MIRRORPLUS do multilib (já mostrado acima) e defina o multilib nas prioridades, por exemplo:

PKGS_PRIORITY=(multilib:.*)

Para isso, basta descomentar a linha em questão que trata do multilib.

Há um script para habilitar ou desabilitar o multilib, descrito no corpo do arquivo, mas não cheguei a usar, porque meu sistema já foi configurado antes. É só executar o seguinte:

# /usr/doc/slackpkg+-*/setupmultilib.sh

Agora, para atualizar o Slackpkg+, use:

# slackpkg upgrade-all
Ou:
# slackpkg upgrade slakpkg+

Quando eu usei o upgrade-all, percebi que alguns pacotes instalados via SlackBuild e os do AlienBob, tinham versões diferentes. Nesse caso, é interessante olhar com calma para escolher as versões que deseja manter.
Linux: Slackpkg plus (instalação e configuração multilib)

Obteve algum erro de GNU Privacy Guard (GPG)? Não esqueça de executar:

# slackpkg update gpg

Antes do update.

Mais uma coisa: sempre use slackpkg update após modificar o arquivo de configuração do Slackpkg+.

É isso.

P.S.: se alguém encontrou algum erro na dica ou quer acrescentar algo, por favor, comente.

Outras dicas deste autor

Xfce com Dash Board (ao estilo Gnome-shell)

Confira: Ubuntu foi redesenhado!

VirtualBox no Linux Mint - Erro: No suitable module for running kernel found [Resolvido]

Primeiras impressões do Satux

Montando shares do Samba no Thunar

Leitura recomendada

Firefox 4 com os plugins java e flashplayer funcionando no Debian

Como restaurar um ambiente Xfce

Como instalar Webmin no Debian/Ubuntu e derivados

WingPanel Slim no elementary OS

Deixando Fedora 100% em português

  

Comentários
[1] Comentário enviado por izaias em 02/07/2014 - 02:21h

Fuja, Xerxes!

Estão te caçando pra um suplício em ritual secreto na Igreja dos Subgênios! :)

[2] Comentário enviado por xerxeslins em 02/07/2014 - 08:22h


[1] Comentário enviado por izaias em 02/07/2014 - 02:21h:

Fuja, Xerxes!

Estão te caçando pra um suplício em ritual secreto na Igreja dos Subgênios! :)


LOL

[3] Comentário enviado por Osterno em 06/07/2014 - 18:13h

Minha distro preferida, parabéns e favoritado!!!

[4] Comentário enviado por xerxeslins em 06/07/2014 - 21:40h


[3] Comentário enviado por Osterno em 06/07/2014 - 18:13h:

Minha distro preferida, parabéns e favoritado!!!


Valeu! :)

[5] Comentário enviado por lcavalheiro em 29/07/2014 - 17:02h

Izaías, o grande "Bob" Dobbs apenas lamenta pelos pinks, não os condena nem os persegue de nenhuma outra forma. Viver na heresia é punição o suficiente rsrsrs

[6] Comentário enviado por izaias em 29/07/2014 - 17:06h

rsrs

[7] Comentário enviado por telbatista em 25/07/2017 - 08:34h

Xerxes;

Parceiro, foi uma mão na roda sua dica! pois havia feito um scrit para baixar minhas upgrades via "wget" + "slackbuilds". Toda vez que configurava o "multlib", morria meu "slackpkg --upgrade", daí que veio a ideia de gerar o script, mas mesmo assim ficava muito manual, pois baixava e ainda tinha que fazer o upgrade de cada pacote por vez. Quanto a "GPG" não houve problema nenhum.
Mais uma vez, obrigado pela dica!

[8] Comentário enviado por xerxeslins em 25/07/2017 - 10:49h


[7] Comentário enviado por telbatista em 25/07/2017 - 08:34h

Xerxes;

Parceiro, foi uma mão na roda sua dica! pois havia feito um scrit para baixar minhas upgrades via "wget" + "slackbuilds". Toda vez que configurava o "multlib", morria meu "slackpkg --upgrade", daí que veio a ideia de gerar o script, mas mesmo assim ficava muito manual, pois baixava e ainda tinha que fazer o upgrade de cada pacote por vez. Quanto a "GPG" não houve problema nenhum.
Mais uma vez, obrigado pela dica!


Opa! Que bom que funcionou!



Contribuir com comentário