Resolução de problemas com teclados em terminais LTSP

Publicado por Jeferson da Luz em 05/10/2007

[ Hits: 8.969 ]

 


Resolução de problemas com teclados em terminais LTSP



Os teclados em terminais LTSP apresentam alguns problemas, como acentuação em teclados do tipo us internacional, e em algumas máquinas pode haver uma taxa de repetição das teclas muito altas. Neste pequeno texto estou trazendo uma solução para resolver estes problemas.

Durante a configuração dos terminais no servidor LTSP da instituição onde trabalho, tive problemas, pois os terminais LTSP tinham alguns problemas com a taxa de repetição do teclado, que impossibilitava as pessoas de digitar o login e senha para acesso ao mesmo, e também havia o problema com os teclados modelo us_int (US Internacional), pois a acentuação também não funcionava. Procurei por milhares de soluções, mas nenhuma estava dando certo, até que pesquisando pelos arquivos de configuração do LTSP e através de testes, encontrei a solução para os problemas.

Este sistema foi implementado no Debian Etch ,com o LTSP 4.2.

Primeiramente, vamos procurar pelo arquivo build_x4_cfg, que normalmente fica em /opt/ltsp/i386/etc/build_x4_cfg.

Para editar o arquivo vamos usar o seguinte comando:

# pico /opt/ltsp/i386/etc/build_x4_cfg

Para realizar as alterações, vamos procurar pelas seguintes linhas:
Section "InputDevice"
       Identifier  "Keyboard0"
       Driver      "keyboard"
       Option      "XkbLayout" "${XKBLAYOUT:-"us"}"
EndSection

Nesta seção vemos que o teclado padrão para os terminais LTSP é o us. Vamos adicionar estas linhas em substituição as linhas que estão ali.

Section "InputDevice"
        Identifier      "Keyboard0"
        Driver           "keyboard"
        Option          "XkbRules" "xorg"
        Option          "XkbModel" "${XKBMODEL:-"pc105"}"
        Option          "XkbLayout" "${XKBLAYOUT:-"us"}"
        Option          "XkbVariant" "intl"
        Option          "AutoRepeat" "${AUTOREPEAT:-"660 25"}"
EndSection

Vejamos, definimos como teclado padrão do LTSP o us_int, e criamos uma nova variável, o AUTOREPEAT, que define por default, uma taxa de repetição "660 25".

Agora já temos definido um teclado padrão e uma taxa de repetição padrão para os terminais. Agora no lts.conf vamos adicionar um host como exemplo de configuração.

# pico /opt/ltsp/i386/etc/lts.conf

[terminal]
        XSERVER                 = vesa
        X_MOUSE_PROTOCOL        = "Microsoft"
        X_MOUSE_DEVICE          = "/dev/ttyS0"
        X_MOUSE_RESOLUTION      = 400
        X_MOUSE_BUTTONS         = 2
        X_MOUSE_EMULATE3BTN     = Y
        XkbModel                = abnt2
        XkbLayout               = br
        AUTOREPEAT              = 1000 25

O campo XkbModel pode ser adicionado na configuração para incluir um novo modelo de teclado, como por exemplo o ABNT2, e no campo XkbLayout estaremos colocando o valor br. Assim o teclado ABNT2 já estará em funcionamento.

Caso o teclado do terminal esteja com problemas na taxa de repetição, podemos definir a taxa de repetição. O valor default é "660 25", caso precise aumentar a velocidade, basta alterar o primeiro campo, para valores mais altos.

Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

Como estudar melhor e aprender mais

Bentoo Linux (distro brasileira)

Instalando o BURG no Ubuntu 10.04 LTS

Configurando e trocando IP na platafoma Solaris

Pssh - Compartilhando o shell de forma fácil

  

Comentários
[1] Comentário enviado por eversoncaratti em 13/02/2008 - 11:20h

muito boa a dica, resolvi o problema de 2 clientes ! coloquei com taxa de repeticao 250 25

valeu



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts