Problema com ALSA no Debian 5 [Resolvido]

Publicado por Stefano Fontes em 04/07/2018

[ Hits: 1.106 ]

 


Problema com ALSA no Debian 5 [Resolvido]



Tive este problema com a placa de som "on-board" VIA VT82C686 da placa-mãe ASUS CUV4X rev 1.03, que utiliza o driver alsa snd-via82xx, do kernel 2.6.26-2-486, S.O. Debian 5.0.7 "Lenny".

ATENÇÃO: pode ser que sua versão de S.O., kernel e hardware sejam diferentes das acima especificadas, portanto, se este for o caso, esta dica pode não funcionar para resolver o seu problema! Neste caso, recorra aos fóruns ou documentação de sua distribuição específica; ou ainda, da versão do ALSA que você está usando.

Após muito pesquisar na Internet, em vários fóruns, sem encontrar resposta satisfatória e até mesmo instalar um novo kernel (2.6.26-2-686) sem resolver o problema, constatei que este, no meu caso, era mais simples e banal do que poderia imaginar: a aplicação (no caso o Alsamixer) simplesmente não estava conseguindo identificar a placa de som corretamente. Como descobri isso?

Bem, primeiramente, consultando o arquivo /proc/asound/cards, com:

Comando 1:

cat /proc/asound/cards
 1 [rev20          ]: VIA686A - VIA 82C686A/B rev20
                      VIA 82C686A/B rev20 with AD1881A at 0xb800, irq 10

Esta informação é muito importante, pois significa que o ALSA está detectando a placa de som instalada. Entretanto, e aqui está o problema, por "algum motivo" a ela foi atribuído o "card number" ou número da placa "1", que se vê no início da primeira linha e não "0", como seria de se esperar, já que é a única placa de som detectada pelo sistema.

Resolvi temporariamente o problema da seguinte forma:

Comando 2:

alsamixer -c 1

O que simplesmente diz à aplicação (no caso o Alsamixer) a placa que queremos usar, através do parâmetro "-c 1". Como em, praticamente, tudo no Linux (e Unix!) existe uma outra forma de fazer isso, informando ao ALSA qual é a placa que você quer que fique como padrão, o que faz mais sentido do que ficar toda hora informando às aplicações qual é a placa que você quer usar.

Primeiramente, precisaremos saber como o ALSA identifica os nomes das placas disponíveis no sistema, através do comando:

Comando 3:

asoundconf list
Names of available sound cards:
rev20


Pela saída do comando acima, ficamos sabendo que o ALSA identifica a placa com o nome "rev20"; portanto é este o nome que iremos usar:

Comando 4:

asoundconf set-default-card "rev20"

Caso você se engane quanto ao nome da placa que deve ser a padrão, bastará dar o seguinte comando:

Comando 5:

asoundconf reset-default-card

E repetir o Comando 4 acima com o nome correto da placa.

Finalmente, existe ainda uma forma de mudar o número identificador da placa no ALSA através do UDEV, mas como é um procedimento bem mais complexo, sugiro aos interessados a leitura do seguinte tópico, em:

Conclusão

Bem, espero que esta dica ajude quem estiver precisando, mas lembre-se sempre de testar qualquer procedimento experimental em uma máquina reservada para testes, que não esteja "em produção".

Sempre fazer "backup" em um dispositivo de armazenamento à parte, de seus dados mais importantes, antes de quaisquer testes !

Por ora é só, muito grato pela atenção e até a próxima!

Outras dicas deste autor

Como gerar uma imagem ISO incluindo os "diretórios-pai" originais na raiz

Você conhece o OpenVPN?

Boot pelo disquete / root no pendrive

Leitura recomendada

Configurando scanner HP PSC 1315 no Debian Lenny

Plymouth funcionando corretamente com as placas Intel

Mouse USB não reconhece no Ubuntu? Alguns passos que podem ajudar

Conflitos com placas Nvidia na BIOS

Multifuncional HP Deskjet 2050 (antiga) não imprime no Sabayon Linux [Resolvido]

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário