Primeiras impressões após instalação do Arch Linux

Publicado por Fabiano da Rosa Gomes em 24/07/2006

[ Hits: 8.132 ]

 


Primeiras impressões após instalação do Arch Linux



Li o depoimento de alguns usuários de Slackware que haviam migrado para o Arch Linux, fiquei tentado e também resolvi instalar para tirar minhas próprias conclusões.

Em http://www.archlinux.org baixei o arquivo com a imagem do sistema, aproximadamente 530MB, tem uma opção de baixar somente a base do sistema.

Analisando melhor, acredito que para os que tem uma boa conexão web, baixar o torrent menor seja mais negócio - nas etapas seguintes tu vais entender o porque. Passadas algumas horas de espera, gravei a imagem numa mídia (evite as mídias RW, podem dar problema ;o) ) - partimos para instalação propriamente dita.

Já de cara o instalador me chamou a atenção, no melhor estilo Slack - simples e funcional:
  1. Tu define as partições (swap e ponto de montagem);
  2. Depois define o tipo de sistema de arquivos que vai ser usado (optei por ext3), confesso que alguns dos tipos da lista eu nunca tinha visto;
  3. Escolhe os pacotes que serão instalados*;
  4. Instala os pacotes;
  5. Configura o sistema;
  6. Instala o kernel;
  7. Escolhe o boot loader (lilo ou grub);
  8. Reboot.

* Observação: Segundo especifica a documentação do projeto, é interessante instalar apenas os itens do pacote base (por isso recomendei que baixasse a imagem com apenas o sistema base), os demais itens dos outros pacotes devem ser instalados via ftp, isso garante que você estará instalando a versão mais atual dos pacotes e não vai perder tempo fazendo atualizações. Então, logo depois de instalar os pacotes básicos do sistema, configure a conexão com a internet, faça as atualizações necessárias do sistema base e instale os demais pacotes "acessórios".

Considerações finais


Quem gosta de ter o sistema na mão, esse é o cara. Como disse anteriormente, segue fielmente o conceito KISS - "Keep It Simple, Stupid!" -, a documentação do web site é de fácil entendimento (gosto de tutoriais que oferecem um versão em texto puro).

Agora, a melhor parte sem dúvida alguma são os pacotes e a maneira como são organizados, essa separação dos pacotes da distribuição (extras) e pacotes dos usuários foi uma grande sacada (não sei se é uma idéia original, mas achei legal).

A instalação via ftp obviamente parte do princípio que o usuário tem uma conexão muito boa (um sistema funcional usa em torno de 100MB de pacotes). Estes pacotes sempre oferecem o que há de melhor para i686, o sistema de dependências funciona muito bem. Posso dizer que realmente é uma distribuição que tem muito a oferecer para os amantes de um sistema robusto, confiável e rápido.

Recomendo sua utilização, continuo admirando o Slack, mas vou ficar um tempo com o Arch, realmente tive uma surpresa positiva com esta distribuição.

Pretendo escrever um artigo sobre uma instalação passo-a-passo do Arch e posteriores configurações, acredito que possa ser útil para os curiosos menos "fuçadores", por enquanto fica esta dica.

Grande abraço a todos.
Fabiano.

PS. Estas linhas já foram escritas no Arch, até agora estou com a seguinte configuração:
  • Arch Linux 0.7.1
  • Fluxbox 0.9.15.1-1
  • aterm 1.0.0-2
  • rox 2.4.1-2
  • Firefox 1.5.0.2-1
  • Thunderbird 1.5-1

Leve e funcional...

Outras dicas deste autor

Musica no Android

Organizando com um PDA

Ativando a rede sem fio do Notebook usando um script

Instalei o Slackware 10.1 e o som não funciona, e agora?

Linux Mint com LXDE: Caixas de som USB

Leitura recomendada

Optimus Prime com Bumblebee no Arch Linux

Deixando o Firefox em português

Abrir apps automaticamente em áreas de trabalho ao iniciar o i3wm

rc.local na systemd - script de execução na inicialização do sistema

Instalando o LICQ sem trampo

  

Comentários
[1] Comentário enviado por hdoria em 24/07/2006 - 14:30h

Ótima dica. O ArchLinux é fantástico mesmo.

O recomendo a participar do recém-criado grupo brasileiro de usuários do Archlinux. Maiores informações: www.archlinux-br.org

[2] Comentário enviado por gomes-fdr em 24/07/2006 - 16:53h

Valeu a dica, com certeza vou andar por lá...

[3] Comentário enviado por hccelo em 25/07/2006 - 09:33h

tem o gnome nos repositórios??? =D

[4] Comentário enviado por gomes-fdr em 25/07/2006 - 09:37h

as libs estão no "Current lib" e as aplicações gnome estão no repositório "extra"...

[5] Comentário enviado por hccelo em 25/07/2006 - 10:52h

valeu fabiano...

[6] Comentário enviado por tiagoalam em 26/09/2007 - 17:05h

Tem o gnome nos repositorios sim ! Ja considero o arch como minha distro preferida

[7] Comentário enviado por elton.linux em 12/11/2007 - 19:06h

Realmente essa distribuição é excelente.
Usei debian por anos e ao experimentar o archlinux já de cara mudei de distro. Sendo que as vantagens principais são:
Repositórios muito superiores e descomplicação por parte de dependências;
Pacotes atuais; (no caso do debian isso era um piada)
Velocidade e confiabilidade. (por mais que tente não trava e olha que tentei...)




Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts