Plugin Pipelight no Fedora 20

Publicado por Luís Fernando C. Cavalheiro em 24/03/2014

[ Hits: 7.758 ]

Blog: https://github.com/lcavalheiro/

 


Plugin Pipelight no Fedora 20



Seres humanos e caras da informática, aqui começa mais uma dica do Dino, especialmente planejada para deixar vocês com as mesmas perícias sociais que Ludwig Wittgenstein, que nos anos 20, espancou um aluno de seis anos, porque este não conseguia entender cálculo diferencial e álgebra booleana.

Hoje, nós vamos expandir a dica Netflix no Slackware usando wine-pipelight, do camarada Pedro Moisés, para o Fedora 20.

Para quem tem preguiça de ler o original, ele ensina como instalar o Pipelight (necessário para substituir o plugin proprietário Silverlight, da MS, e rodar algumas aplicações, como o Netflix) no Slackware.

No Fedora, a coisa é mais simples do que no Slackware, obviamente. Vamos começar com a instalação de dependências:

# yum remove msttcorefonts.noarch

* Comando acima é necessário, apenas se você instalou o pacote seguindo uma dica antiga minha: Instalando fontes da Microsoft em distribuição RPM

# yum install cabextract
# rpm -i http://sourceforge.net/projects/mscorefonts2/files/rpms/msttcore-fonts-installer-2.6-1.noarch.rpm


Agora, vamos adicionar o repositório necessário para a "brincadeira":

# wget http://download.opensuse.org/repositories/home:/DarkPlayer:/Pipelight/Fedora_20/home:DarkPlayer:Pipelight.repo -O /etc/yum.repos.d/pipelight.repo

O repositório está disponível para o Fedora 19 e 18, basta alterar ali o Fedora_20, no endereço do repositório.

Tudo pronto, é questão de instalar e ativar o plugin:

# yum install pipelight     (Serão 140 MB de dependências pra baixar!)
# pipelight-plugin --update

Ele vai reclamar de uma chave GPG que não parece confiável, mas é seguro ignorar.

# pipelight-plugin --enable silverlight

Leia o texto na tela e aperte y para ativar o plugin. Após aparecer a mensagem que o Pipelight foi ativado, rode o comando abaixo para instruir o SELinux a liberar os programas externos que o Pipelight usa:

# setsebool -P unconfined_mozilla_plugin_transition 0

Eu uso apenas o Firefox, nem a equipe do fds-team (responsável pelo Pipelight) se incomodou em postar orientações sobre, então, fica na mão de vocês ver como contornar o SELinux para usar o Pipelight em outros navegadores.

Depois disso, vamos instalar um User Agent para garantir que as páginas que usam o plugin não reportem seu navegador como incompatível. O UAControl sugerido na dica original, é excelente pro trabalho.

Configure-o como na dica original, porque eu não vou ser um canalha, pilantra, refisiefuqueiro de copiar e colar as informações que o Pedro se matou pra descobrir e tal. RTFM, boys!

Tudo isso feito, acesse: fds-team.de/pipelight, para rodar os últimos testes e, beleza!


E com isso, termina mais uma dica do Dino desejando para vocês uma vida longa e próspera para pagarem mais impostos para o Governo, enquanto eu, vou ali levar meus dois lemas de vida ("Faz o que quiseres, esse é o todo da Lei", e "Viva intensamente, morra jovem") à frente.

Divirtam-se e lembrem-se, o Grande Irmão está olhando você...

Outras dicas deste autor

Software Data Cable - Transfira arquivos de aparelho Android para computador via Wireless

Instalação do emulador mednafen no Slackware 14.2

Atualizando Fedora 21 para 22 sem usar FedUp, Yumex ou Fedy

Compilando OpenJDK e IcedTea no Slackware usando SlackBuild de AlienBOB

Xfce 4.12 no OpenSUSE 13.2

Leitura recomendada

Saiba que programa está passando na TV usando o FreeGuide no Linux

Descobrindo consumo de espaço no HD com ncdu

Instalando o aMSN no Insigne 4.0 Einsten

Puxando a sardinha para o Xubuntu

Ultamatix - O novo Automatix

  

Comentários
[1] Comentário enviado por pherde em 02/04/2014 - 23:44h

Opa, finalmente consegui rodar o Netflix no Fedora 20 usando o Chrome!!!

Após finalizar os procedimentos da dica acima instalei no navegador do Google o "User-Agent Switcher for Chrome" troquei o padrão para Firefox 15 e o Netflix toda lisinho!!!

Obrigado pela dica Luís Fernando!!

[2] Comentário enviado por lcavalheiro em 02/04/2014 - 23:49h


[1] Comentário enviado por pherde em 02/04/2014 - 23:44h:

Opa, finalmente consegui rodar o Netflix no Fedora 20 usando o Chrome!!!

Após finalizar os procedimentos da dica acima instalei no navegador do Google o "User-Agent Switcher for Chrome" troquei o padrão para Firefox 15 e o Netflix toda lisinho!!!

Obrigado pela dica Luís Fernando!!


Valeu a info! Agora quem usar o Chrome já sabe o que fazer

[3] Comentário enviado por raphaeluncp em 10/05/2014 - 23:43h

Boa noite....

parabens ótimo tutorial... me ajudou muito. sou novo no mundo linux e estava quase voltando ao windows por causa do netflix... valeu mesmo!!!

att.,
RaphaelUncp
Fedora20



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts