Pendrive que não é reconhecido, nem formata? Truque para... RESOLVER!

Publicado por Alberto Federman Neto. em 20/08/2017

[ Hits: 13.126 ]

Blog: https://ciencialivre.blog/

 


Pendrive que não é reconhecido, nem formata? Truque para... RESOLVER!



Dica simples, mas muito útil. Por isso, resolvi publicá-la.

Descobri por tentativa e erro!

Algumas pessoas aqui no VOL conhecem meus problemas com velhos pendrives... Exemplos:
Os problemas se referem a pendrives velhos, ou não tão velhos, mas que não são mais "enxergados", nem em Linux, nem em Windows... Deste modo, ficam inúteis, pois não podem ser formatados, nem mais usados para armazenar dados.

Simplesmente, não funcionam mais, "espetados", não são reconhecidos pelos SOs, não montam com comandos, nem com interfaces gráficas, nem formatam.

Após muito mexer, descobri este TRUQUE, que, RESOLVEU!

1) Baixe e prepare, de maneira padrão (queimando como imagem) uma ISO bootável de Linux, um Live CD ou DVD...

Mesmo O "Live CD" do seu Linux padrão pode ser usado... mas eu sugiro que você empregue as versões mais novas de "Live CDs" de recuperação, especialmente o "Gparted Live CD", ou o "System Rescue CD":
Se quiser, pode usar o "RescueCD", baseado em Funtoo:
Como falei acima, baixe um desses CDs recuperadores, e queime-o, como imagem em um CD, usando K3B, ou Brasero, XfBurn etc.

2. Espete o pendrive "defeituoso" ou que não funciona, na porta USB do microcomputador, e dê boot com o CD Live...

Observação: as duas primeiras imagens abaixo, foram gravadas, já no Sabayon, após o pendrive ser "consertado". Isso confirma o "conserto" e funcionamento dele:

3. Após carregar o CD Live, chame o Gparted dele. Ele deverá "enxergar" o pendrive. Vá no menu em "Dispositivo", e regrave a tabela de alocação (em MS-DOS) do pendrive...:
4. Com a tabela de alocação nova, seu pendrive será todo "apagado", ficando limpo e sem dados. No próprio Gparted, reformate o pendrive, ou faça uma "partição" única. Se for para "uso geral", em Windows, Linux ou Conversores Digitais, faça-o em "FAT32".
5. Feche direto o Gparted, sem regravar a tabela de alocação.

6. Retire o pendrive, retire o Live CD do drive (e guarde-o, é bom para recuperar coisas), e faça boot no seu Linux (ou Windows) normal.

7. Eis o pendrive, "espetado" no meu Sabayon Linux padrão e agora "enxergado" e funcionando...
8. Explicação para funcionar em Boot Live, e não funcionava no Windows e nos Linux padrão, instalados? Aqui não tenho certeza, pois não sou profissional de TI, mas especulo que é pela ausência de PAM, Polkit, Systemd etc (aquelas "proteções" que dificultam montagem de dispositivos). Há muitos exemplos disso, na Internet:
9. Importante que funcionou! O pendrive de 16 Giga meu, recuperado, está em uso na minha casa, em um conversor digital para TV. De modo análogo, recuperei meus velhos pendrives.

10. Espero que esta dica possa ser útil. Até a próxima.

Outras dicas deste autor

Recuperação de OpenRC e SysVinit em Sabayon Linux

Forçando montagem automática de dispositivos móveis em Sabayon

Instalando e rodando múltiplas interfaces gráficas em Linux tipo Debian

Sabayon e Gentoo - Atualizar Portage em um único comando

Solucionando problema comum em Sabayon e Gentoo. Portage bloqueado por bash!

Leitura recomendada

Linux em notebook CCE Win com vídeo SIS 771/671

Resolução Antix Linux 19.4 para mais de 1024x768 em SIS 661/741/760

Como configurar 2 placas de som no Ubuntu

Adaptador de rede USB WiFi TP-LINK no Debian

CPU-G: Capturando informações de hardware no Linux

  

Comentários
[1] Comentário enviado por clodoaldops em 21/08/2017 - 10:27h

-uma duvida : essa dica funcionaria se usássemos um live-usb ou só funciona usando live-cd e live-dvd?

---------------
clodoaldops
https://dicaslinuxmint.blogspot.com.br/

[2] Comentário enviado por albfneto em 21/08/2017 - 17:30h

Deve funcionar sim. Não testei assim, mas acredito que deva funcionar sim.
Dê boot com um Live pnedrive, depois "espete" o pendrive defeituoso em uma outra porta USB.
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux, Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: [i] Sabayon, Gentoo, OpenSUSE, Mageia e OpenMandriva[/i].

[3] Comentário enviado por meinhardt_jgbr em 27/08/2022 - 12:10h

Excelente ideia Alberto. Também tenho alguns cartões microSd que usando adaptador USB funcionam como pendrive. Vou tentar recuperar usando a tua dica e depois conto o resultado. Tenho também um problema mais cabeludo, com um SSD Externo que não consegui resistir ao impulso de compra via Ali Express afinal, um SSD Externo que usa placa nvme e portanto poderia esperar boa velocidade, por R$150, é irresistível. Neste SSD Externo, já tentei de tudo e o máximo que consegui foi criar tabela de partição e criar apenas uma partição primaria de 1 TB (MsDOS) formatada para Fat32. Tentei antes com 2 TB mas simplesmente não fica gravada.
Vou tentar a tua solução e depois conto o resultado.
Valeu a dica



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts