Não sabe onde está? - Procure!

Publicado por Francisco Ambrozio em 25/02/2008

[ Hits: 5.955 ]

Blog: http://franciscoambrozio.wordpress.com

 


Não sabe onde está? - Procure!



Muitas vezes estamos atrás daquele arquivo e/ou programa que, descuidadamente, esquecemos onde o colocamos, ou mesmo sequer sabemos onde ele se encontra.

A solução, neste caso é procurar. Segue, abaixo os principais comandos para fazer isto no Linux:

which - Serve para encontrar programas e de forma rápida. Faz isto percorrendo o seu PATH.

whereis - Similar ao which, porém este também busca por man pages e arquivos fonte.

Use os dois com o mesmo parâmetro para ver a diferença. Exemplo:

$ which gcc
/usr/bin/gcc

$ whereis gcc
gcc: /usr/bin/gcc /usr/lib/gcc /usr/X11R6/bin/gcc /usr/bin/X11/gcc
/usr/X11/bin/gcc /usr/libexec/gcc /usr/man/man1/gcc.1.gz
/usr/share/man/man1/gcc.1.gz /usr/X11/man/man1/gcc.1.gz

find - Faz uma busca mais específica. Você busca o que quer e onde quer. Um exemplo de utilização:

$ find /etc -name fstab

Aqui, você pede para que se procure (find) em um diretório específico (/etc) por um nome (-name) específico (fstab).

slocate - Este comando percorre o seu inteiro filesystem, porém de uma forma bem rápida, pois ele se baseia em uma base de dados. Para se utilizá-lo é preciso que esta base de dados esteja atualizada, faz-se isto com o comando updatedb executado como root.

Sua utilização é:

$ slocate <string à se buscar>

A vantagem do slocate é que ele é bem rápido mesmo, a desvantagem é que em uma busca genérica o resultado pode ser um pouco grande.:-)

Baseado no Slackware Linux Essentials, 2ª Edição.

É isto aí pessoal!

Um abraço.

Francisco Ambrozio.

Outras dicas deste autor

Scroll no touchpad do Dell Inspiron 1525 (Slackware)

Tar: Descompactando arquivos específicos

Placa de rede Attansic L2 100 Mbit no Slackware 12

Atualizando Slackware 12.0 para -current (pré 12.1)

Instalando IBM Lotus Symphony com corretor ortográfico pt_BR no Slackware

Leitura recomendada

Apagar somente os arquivos

KVM - Instalando e rodando a primeira VM

Convertendo vídeos para FLV (any2flv)

Como gerar uma imagem ISO incluindo os "diretórios-pai" originais na raiz

Convertendo em massa "end-of-line" de arquivos de texto entre Windows, GNU/Linux e Mac OS

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts