Instalando Telegram a partir do arquivo tar.xz

Publicado por Edivan Santtos em 13/01/2020

[ Hits: 560 ]

Blog: http://bit.ly/2Pi7y0m

 


Instalando Telegram a partir do arquivo tar.xz



Dica rápida sobre como instalar o Telegram direto do site, pelo arquivo ".tar.xz". O procedimento foi feito no openSUSE, mas serve para todas as distribuições Linux.

Nas distribuições (quase todas que vi), o Telegram já vem nos repositórios, basta instalar com um comando no terminal ou acessar uma loja de aplicativos, quando disponível. Algumas ainda é necessário adicionar um repositório externo.

Mas, às vezes, a versão disponibilizada é muito antiga. No openSUSE, existem duas versões, uma dos repositórios da distro e outra pela empresa do mensageiro. As duas são antigas (uma nem tanto, na versão 1.8.6) a outra 1.0.4. A versão atual do site é a 1.9.3:
Linux: Instalando Telegram a partir do arquivo tar.xz
Estava utilizando a versão 1.8, mas começou a ter erros, como mostrado na imagem abaixo:
Linux: Instalando Telegram a partir do arquivo tar.xz
Então resolvi usar a versão do site. Para fazer a instalação direto do site, é só fazer o download e descompactar. Vai aparecer uma pasta com o nome "tsetup 1.9.3" e dentro, outra pasta com o nome "Telegram". Vamos copia-la para o diretório /opt:
Linux: Instalando Telegram a partir do arquivo tar.xz
Lembre de mover com permissão de root, visto que irá mover uma pasta para raiz do sistema.

Após mover o diretório, basta dar permissão de execução no arquivo "Telegram" e então executar. A tela de inserção de dados (telefone) irá aparecer logo em seguida:
Linux: Instalando Telegram a partir do arquivo tar.xz
Obs.: antes de fazer a instalação, desinstale a versão existente e algum arquivo que ainda esteja, a fim de evitar erros.
Linux: Instalando Telegram a partir do arquivo tar.xz
Bem simples, não?!
Até a próxima.

Outras dicas deste autor

Instalando Neofetch no Ubuntu 19.04

O que fazer após instalar o openSUSE Tumbleweed

VirtualBox - Erro: Kernel driver not installed (rc=-1908) [Resolvido]

Cliente de e-mail: você ainda usa?

Mudar ícone do menu na Solus

Leitura recomendada

Google Translate Desktop

Instalando Google Chrome , Skype e Spotify no Mageia 6

Cinerella - Pacote deb para edição de vídeo

Cliente gráfico SSH

Amule ao invés de Lmule

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts