Gforce e framebuffer no modo texto sem problemas

Publicado por Aldefax G. Kuhn em 03/10/2005

[ Hits: 8.905 ]

 


Gforce e framebuffer no modo texto sem problemas



Para quem possui uma placa de vídeo Gforce e ainda não conseguiu ou já tinha desistido de configurar o framebuffer no modo texto, fica aqui a minha contribuição:

O problema consiste nas fontes que ficam embaralhadas e distorcidas no modo texto depois que se inicia o modo gráfico.

Com o driver baixado da página da Nvidia devidamente instalado e configurado e com o modo texto com resolução de 800x600 com 32 bits de cor(vga=788), toda vez que alterno entre modo gráfico e modo texto (alt+fn) a tela no modo texto fica com as fontes distorcidas, ou seja, não é possível ver o que está escrito na tela.

Bem, pelo que parece é um problema de compatibilidade do driver da Nvidia, mas paciência, eles estão melhorando.

Como o problema acontecia apenas após iniciar o modo gráfico e voltar para o console, suspeitei que pudesse haver algum problema de configuração no arquivo de configuração do X, localizado em /etc/X11/XF86config-4 para quem usa o Xfree86 ou /etc/X11/xorg.conf para quem usa Xorg.

Lendo alguns readme's, pesquisando no Google e em fóruns, descobri que o problema das fontes no modo texto era relacionado a saída para TV que a maioria das placa Gforce possuem, por isso que algumas apresentaram o problema e outras não (as que não tem saída para TV geralmente não apresentam o problema).

Partindo desse princípio consegui os parâmetros para desabilitar a saída para TV da placa de vídeo:

Edite o arquivo de configuração, procure por Section Device e coloque a configuração abaixo:

Identifier "Generic Video Card"
Driver "nvidia"
Option "NoLogo" "1"
Option "NvAGP" "1"
Option "DPMS"
Option "ConnectedMonitor" "CRT"
Option "IgnoreDevice" "TV"

Agora vamos explicar cada uma delas:

Driver "nvidia"
Se refere ao driver da nvidia propriamente dito.

Option "NoLogo" "1"
Desabilita o logotipo da nvidia que aparece por padrão toda vez que se inicia o X com o driver da nvidia.

Option "NvAGP" "1"
Utiliza a interface AGP do próprio driver da nvidia. Se setado para "0" utiliza o AGP_GART e como "3" a interface AGP é selecionada automaticamente.

Option "DPMS"
Faz com que o seu monitor desligue após algum tempo sem utilização para economizar energia. Esse parâmetro também deve ser inserido em Section Monitor.

E por último as opções que deixam a sua placa Gforce funcionar corretamente com o framebuffer no modo texto:

Option "ConnectedMonitor" "CRT"
Assume o monitor como o dispositivo padrão conectado.

Option "IgnoreDevice" "TV"
Ignora a saída de TV.

OBS: Não sei qual o motivo, mas não consegui fazer funcionar em 1024x768, mas em 800x600 funcionou normal.

Outras dicas deste autor

Habilitando suporte a wins no DHCP

Configurando ZIP Drive IOMEGA Zip 100 porta paralela

Resolvendo problema com teclado ABNT2 no Debian Sarge

Desligando micros com fonte ATX no Debian

Instalando Squid 2.6 + patch ZPH no Debian Etch

Leitura recomendada

Skydome - papel de parede animado

Acelerando o boot do Slackware Linux

Instalando o RealPlayer 10 Gold no seu Linux

Mudando o Destino para Geração de Pacotes dos SlackBuild

Facilite a navegação pelo Konsole

  

Comentários
[1] Comentário enviado por iwilhelm em 11/10/2005 - 23:31h

Blz... Tava com esse problema na minha MX 4000 e resolvi usando seu artigo, só que eu to conseguindo usar a resolução de 1024x768 no frame buffer...
Setei no lilo como 0x317, vê de derrepente funciona ai tb..A
Abraço

[2] Comentário enviado por agk em 13/10/2005 - 17:15h

Que bom que tenha funcionado no seu caso, infelizmente a minha placa deve ter algum bug, pois não funciona o framebuffer em 1024x768, mas fucionando em 800x600 já resolve o meu problema.

[3] Comentário enviado por paulohsgoes em 17/06/2007 - 11:03h

Ótimo artigo. Direto ao assunto e resolveu um velho problema que vinha tendo com minha FX 5200. Valeu!!!

[4] Comentário enviado por FelipeAbella em 14/01/2008 - 14:18h

O problema é se usário quiser continuar usando a saída para TV, no meu caso
eu resolvi instalando o driver vesafb-tng, e posso continuar usando a saída para tv. Valeu a dica.

vesafb-tng: http://dev.gentoo.org/~spock/projects/vesafb-tng/



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts