Dual boot com Gobolinux

Publicado por Juliao Junior em 17/06/2008

[ Hits: 5.318 ]

 


Dual boot com Gobolinux



Recentemente, um artigo (GoboLinux? Que distro é essa? (Parte 2 - Instalação)) me chamou a atenção para uma distribuição que nunca havia usado: Gobolinux. Fiquei impressionado em encontrar algo que já estava pensando, mas não sabia que já haviam feito: "reprojetar" o sistema de diretórios.

Só há um problema: o Gobolinux não se dá muito bem com dual boot. Parece o Windows: ele some com as outras distros do grub. Sofri muito com isso, pois uso quatro sistemas em minha máquina. Parece loucura, mas no meu caso é útil.

Enfim, como colocar o Gobolinux em multi boot? Ele parece escapar de todas as tentativas automáticas. E nem a sugestão dada pelo Bruno de Jesus Barreira Pereira em seu artigo funcionou comigo. Então segue a dica, uma mistura de automação com mão na massa!

Primeiro, a parte "automática". De dentro do GoboLinux LiveCD, como root, faça como abaixo:

# grub

Vai iniciar o 'ambiente' grub:

grub> root (hdX,Y)
grub> setup (hdX,Y)
grub> quit

Nos comandos acima, X e Y vêm da partição onde você instalou seu GoboLinux. No meu caso, embora pareça maluco, a partição estava num hd sata (único) em sda8. Portanto, no meu caso ficou:

(hd0,7)

O zero vem do fato de ser o primeiro hd. Se for o segundo, o X passa a ter valor igual a 1, e assim por diante. O sete vem de sda8. Isso ocorre pois o grub começa a contar a partir do zero, lembre-se.

Agora copie o setor de boot para o começo da partição. Vou usar o meu caso como exemplo:

# dd if=/dev/sda8 of=gobo.lnx bs=512 count=1

Está quase tudo pronto. Quase, pois se parar por aí seu grub nem sequer nota a presença do GoboLinux.

Lembre-se que estamos supondo uma máquina com outra distribuição já instalada. Assim, logue-se na outra distribuição onde o grub está sendo usado, e vamos alterar o grub na mão mesmo!! É isso aí.

Como root, abra com qualquer editor de texto simples o artigo /boot/grub/menu.lst e acrescente as linhas abaixo (após as outras distros):

# Adicionado por mim para Gobolinux
title Gobolinux
root=(hdX,Y)
kernel /System/Kernel/Boot/kernel root=/dev/sdaW vt.default_utf8=0 vga=791

Nas linhas acima, lembre que em (hdX,Y) vem da sua partição onde o Gobolinux está instalado. Segue a notação padrão do Grub, ou seja, se sua partição está no primeiro hd na partição 8, então deve colocar (hd0,7).

Já em 'root=/dev/sdaW' você coloca a partição com o GoboLinux na notação normal, sem seguir a notação do Grub. No exemplo dado no parágrafo anterior, se o hd é tipo sata devemos colocar 'root=/dev/sda8'.

Pronto!!! Agora é só salvar o arquivo e está pronto! Da próxima vez que iniciar a máquina, o GoboLinux aparece no menu de boot. E o mais incrível: funciona!!!!

Outras dicas deste autor

Monitor "apagado" e leds piscando

KeePassX - Proteção para suas senhas

Baixando do MegaUpload na linha de comando

Jogando Tibia no Linux

LaTeX para música / músicos

Leitura recomendada

Disquete no Ubuntu 8.10

Restaurando o Grub no Ubuntu (Marverik) pelo Live CD

Vim - Backup de arquivos editados

Ubuntu + Nvidia - Monitor perdendo sinal ao dar boot após instalação

Ambiente PHP no Debian e derivados - Instalação em 5 minutos

  

Comentários
[1] Comentário enviado por prado em 18/06/2008 - 07:44h

?comentario=Juliaojunior, eu também uso quatro distros no meu hd, e realmente a gobolinux é antisocial, quando instalo distribuições com estas carcteristícas, eu parto logo para uma solução radical, no meu caso primeiro instalei a gobolinux e posteriormente uma distro buntu qualquer(ubuntu, kubuntu, edubuntu, xubuntu, etc), ocorre tudo certinho desde que você não instale a gobolinux na mbr. Voltando a gobolinux verifiquei a ausencia de documentação principalmente em português para a distro, caso tenha alguma dica repasse para o vol.

[2] Comentário enviado por juliaojunior em 18/06/2008 - 09:37h

A documentação é realmente escassa. Não faço idéia do pq. Sei q é uma distro recente, mas isso normalmente não acontece.

Estou preparando um material meu mesmo, mas talvez demore um pouco. Isso pq é quase um trabalho pioneiro, pois não encontro documentação. Ás vezes é por tentativa e erro.

Se você está testando o Gobolinux, podemos preparar material em conjunto, se você desejar.

[3] Comentário enviado por brunojbpereira em 18/06/2008 - 20:46h

Estou muito feliz em saber que a comunidade está testando e analisando a distribuição para que ela fique cada vez melhor.
Também achei a documentação um pouco escassa, juliaojunior. Foi isso que me motivou a escrever alguns artigos a respeito.
Há um pouco mais de material neste site aqui, não sei se é de conhecimento da comunidade ainda:

gobo.kundor.org/wiki

[4] Comentário enviado por juliaojunior em 18/06/2008 - 21:00h

kara, vou repetir a sugestão acima: o q vc acha de preparar documentação em português?

Eu gostei muito da distro, e só testei pq vc escreveu o artigo!!! Portanto, muito obrigado. E então? vamos documentar a distro?

[5] Comentário enviado por prado em 27/06/2008 - 14:57h

Juliaojunior, desculpe por não responder antes, não tinha visto os seus comentários. Acho uma boa idéia em preparar documentação, quanto mais quando juntamos força para atingir um objetivo, mas confesso que estou um pouco desanimado quanto a distro pois já pensei até em substitui-la da partição, vou aguardar um pouco, se tiver novidades pode postar aqui nesta dica.



Contribuir com comentário