Clone do RHEL 6.4 já disponível

Publicado por Andre (pinduvoz) em 12/03/2013

[ Hits: 4.521 ]

Blog: http://casadopinduvoz.wordpress.com/

 


Clone do RHEL 6.4 já disponível



O RHEL, ou Red Hat Enterprise Linux, é uma das distribuições GNU/Linux de maior tradição, mas tem um porém: ele é pago (e bem pago), até porque é feito para grandes empresas.

Ocorre que temos vários clones do RHEL, sendo os mais conhecidos o CentOS, criado também para o mercado empresarial (uso em médias e pequenas empresas, e no comércio em geral), e o Scientific Linux, que, como o próprio nome sugere, tem vocação científica (uso em laboratórios e centros de pesquisa).

Tínhamos também o PUIAS Linux, clone do RHEL com vocação educacional (uso em universidades, por professores e universitários) que é desenvolvido junto a uma famosa universidade americana.

Tínhamos (passado) porque o PUIAS Linux mudou seu nome para Springdale Linux ao lançar a versão 6.4, em 4 de março. Com isso, ganhou o título de "clone mais rápido", já que o RHEL 6.4 foi lançado em 21 de fevereiro último.

Para quem não sabe, o nome PUIAS fazia referência ao "berço" desse clone, ou seja, ao Institute for Advanced Study (IAS, 2ª parte do nome) da Princeton University (PU, 1ª parte).

Resumindo, o "novo" Springdale Linux é uma distribuição GNU/Linux que proporciona um excelente desktop GNOME 2, a ser suportado por vários anos ainda (os RHEL e seus clones são suportados por 8 anos, no mínimo, e a série 6 é de 2010).

Informações adicionais:
Até a próxima dica.

Outras dicas deste autor

Dash-To-Dock do Ubuntu

Scroll Horizontal no Ubuntu 13.04/13.10

Links úteis para o Precise Pangolin - Ubuntu 12.04

Bug: Elementary + Totem [Resolvido]

LXDE - Ícone da Lixeira na Área de Trabalho

Leitura recomendada

Alterando o ícone do Kmenu no KDE 4.1

Ambiance Blue no Ubuntu 12.04

Recuperar o lilo no Slackware Linux, de forma diferente

KSmoothDock - Painel para KDE estilo MAC

Lançamento da Gentoo Wiki

  

Comentários
[1] Comentário enviado por pinduvoz em 12/03/2013 - 18:00h

Esta dica tem uma semana, e, entre tê-la escrito e vê-la publicada, o CentOS 6.4 foi lançado.

Resumindo, já temos dois clones do RHEL 6.4 disponíveis.

[2] Comentário enviado por pinduvoz em 13/03/2013 - 22:43h

Na verdade, o Springdale Linux. ao lançar a versão 6.4, em 4 de março, ganha o título de "clone livre mais rápido", pois, tal como já corrigido no meu blog, o clone mais rápido foi o Oracle Linux, que aparenta ser livre, mas não é.

E não é livre porque, para ter atualizações, é preciso uma conta de manutenção da Oracle, que custa tanto quanto uma da própria Red Hat.

O Oracle Linux 6.4 foi lançado em 28 de fevereiro, como anunciado em:

http://va.mu/cRHD

[3] Comentário enviado por pinduvoz em 30/03/2013 - 09:57h

Dia 28 deste mês de março saiu o último clone: Scientific Linux 6.4.

O CentOS e o Springdale, ambos em versão 6.4, já haviam sido lançados.

[4] Comentário enviado por andrels_87 em 13/02/2014 - 10:39h


[2] Comentário enviado por pinduvoz em 13/03/2013 - 22:43h:

Na verdade, o Springdale Linux. ao lançar a versão 6.4, em 4 de março, ganha o título de "clone livre mais rápido", pois, tal como já corrigido no meu blog, o clone mais rápido foi o Oracle Linux, que aparenta ser livre, mas não é.

E não é livre porque, para ter atualizações, é preciso uma conta de manutenção da Oracle, que custa tanto quanto uma da própria Red Hat.

O Oracle Linux 6.4 foi lançado em 28 de fevereiro, como anunciado em:

http://va.mu/cRHD


pinduvoz,

só para esclarecer algumas coisas.

Existem dois repositórios para o Oracle Linux, o public-yum (http://public-yum.oracle.com/) e a ULN (linux.oracle.com). A diferença é que na ULN (que é similiar ao RHN da Red Hat) você tem toda a parte de gerenciamento dos canais, alertas, pacotes, etc e a ULN só pode ser acessada por clientes da Oracle que pagam subscrições. Mas uma coisa importante que vale comentar é que a Oracle disponibilzar os pacotes ao mesmo tempo no public-yum e na ULN, ou seja, para clientes e não-clientes ao mesmo tempo.

Quanto ao custo, acredito que haja diferença sim, veja: https://shop.oracle.com/pls/ostore/f?p=dstore:2:0::NO:RIR,RP,2:PROD_HIER_ID:4510272175861805728468

O suporte mais simples da Oracle custa pouco mais de R$ 1.000,00 para servidores até dois sockets e já é 24x7, dá direito ao Oracle Clusterware para HA, ao gerenciamente via Oracle Enterprise Manager, suporte ao OCFS2, ASMlib, etc.



Contribuir com comentário