Atualizando as bibliotecas fo Basic Linux

Publicado por Sergio Teixeira - Linux User # 499126 em 20/03/2008

[ Hits: 11.708 ]

 


Atualizando as bibliotecas fo Basic Linux



A maioria das aplicações Linux se utiliza de um conjunto de bibliotecas de subrotinas compartilhadas (algo que lembra as famosas "DLL" do Windows). De tempos em tempos, esse conjunto de bibliotecas poderá necessitar de uma atualização. É isso que iremos aprender a fazer.

- O que é uma biblioteca compartilhada?

Uma biblioteca (library) é composta por um conjunto de subrotinas necessárias para executar determinadas ações. Por exemplo, ao invocarmos um editor de texto, é quase certo que desejaremos abrir o editor, digitar, editar, salvar o texto em algum tipo de mídia ou ainda imprimí-lo.

Haverá uma subrotina (ou mais) já disponibilizada pelo Linux para cada uma dessas atividades.

Vamos supor que tenhamos vários editores de texto, e vários editores gráficos. Ao invés de termos um conjunto de DLLs para cada um desses aplicativos (como no Windows), o Linux tem um conjunto padrão que serve a todos (ou à maioria deles).

Atualmente a biblioteca padrão do Linux tem o nome de glibc2.

Mas a biblioteca do Basic Linux é uma outra, bem menor, com o propósito único de propiciar um carregamento mais rápido em antigos PCs e, claro, economizar espaço nos disquetes de instalação.

A biblioteca usada pelo BL3 é a libc5 que era o padrão do Linux no final dos anos 90.

Todos os pacotes Slackware 3.x e 4.0 se utilizam da libc5, bem como os pacotes Red Hat e Debian da mesma época.

O Linux é um sistema operacional que é formado basicamente pelo kernel e em seguida pela biblioteca padrão (incluindo-se aí os drivers de dispositivo necessários). Sobre essa base rodarão os aplicativos.

- Por que atualizar?

Ora, libc5 é uma biblioteca muito boa, e a maioria dos usuários encontrará praticamente tudo o que precisa nos pacotes do Slackware 4.0 ou nos BL3 add-ons.

Mas, se desejarmos utilizar aplicativos Linux provenientes de outras fontes, muito provavelmente precisaremos atualizar essa biblioteca.

Nesse caso, precisaremos de dois pacotes:

O primeiro deles (glibc-solibs-2.3.1-i386-3.tgz) será encontrado no Slackware 9.0 no diretório /slackware/a

O segundo (misc-libs.tgz) encontraremos em:
Usaremos o comando pkg para instalá-los:

# pkg glibc-solibs-2.3.1-i386-3.tgz
# pkg misc-libs.tgz


Apenas isso será o suficiente para executarmos uma porção de aplicativos atuais.

No entanto, algumas aplicações exigirão bibliotecas adicionais, que poderão ser encontradas no Slackware 9.0 possivelmente nos diretórios a ou l.

Lembremo-nos de que máquinas 386 e 486 talvez não sejam capazes de rodar certos aplicativos mais novos (coisas como KDE, Mozilla, etc.), portanto vamos somente até onde a mão alcança.

Outras dicas deste autor

Estatísticas do Linux Counter

BASIC LINUX: Suporte a outras linguagens

"A VERDADE" sobre PC Chips e ECS

Usos reais para um velho 386

Linux é fácil de instalar

Leitura recomendada

Subversion + CentOS 5.5

Instalando o Plone 4 core-dev

Instant Client Oracle 10G + SQLDeveloper no Linux

Remover Exim4

VMWare no Debian Etch (4.0)

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts