Vamos usar Slack!

Dia desses navegando aqui pelo VOL, vi muitas coisas sobre Slackware, uma distro que usei por um bom tempo a alguns anos atrás. Fiquei com saudade! Então, resolvi instalar a distro novamente. Passei a usá-la e decidi documentar, através de vídeo, todo o processo para servir a mais pessoas.

[ Hits: 8.372 ]

Por: Marcos Oliveira em 30/05/2017 | Blog: http://terminalroot.com.br/


Ambiente MATE no Slackware



MATE é um ambiente de desktop derivado do GNOME. Foi criado devido à mudança agressiva de visual do seu sucessor, GNOME 3, que não agradou todos.

Pode ser descrito como a continuação do GNOME 2, com os recursos do GNOME 3, mas com o visual intuitivo e tradicional de sua versão anterior.

Comandos utilizados:

mkdir mate-desktop
cd mate-desktop/
lftp -c "open http://slackware.org.uk/msb/14.2/1.16/; mirror x86"
cd x86/
su

# upgradepkg --install-new deps/*.t?z
# upgradepkg --install-new base/*.t?z
# upgradepkg --install-new extra/*.t?z
# exit

xwmconfig

Dica baseada no artigo do VOL: MATE Desktop 1.16.0 [GTK3] no Slackware [Artigo]

Assista ao vídeo:
Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Conectar Internet Wi-Fi por comando
   3. Ambiente MATE no Slackware
   4. Como personalizar e instalar programas no Slackware
Outros artigos deste autor

Funtoo + bspwm + Polybar + Rofi - Instalação e Configuração

Adicione vídeos como papel de parede no seu Linux

FreeBSD Release 11.1 - Introdução, instalação e customização

Como Rodar Shell Script e Python via Apache no Linux

Leitura recomendada

Sintegra e Ted via wine

Conheça o G:Mini - antigo Projeto GoblinX Mini

Criando motor de busca para o Firefox

Como criar apresentações Flash usando o vnc2swf

eViacam no Ubuntu 10.10 - Acessibilidade: Movendo o mouse com movimentos da cabeça

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Fellype em 30/05/2017 - 14:09h

Muito bom o artigo! Vai ajudar bem os iniciantes.
Acrescentando informação... Para os que desejam usar o Slackware focando em multimídia, existe o projeto Studioware - http://www.studioware.org/ - que possui uma coleção de SlackBuilds para softwares nas categorias áudio, vídeo e edição de fotos.

[2] Comentário enviado por Nissika em 01/06/2017 - 21:52h

Muito bom!
Uma dúvida, mesmo se eu estiver em um notebook sem acesso a internet a cabo irei conseguir fazer conexão a rede wireless usa esse método?

[3] Comentário enviado por xerxeslins em 08/06/2017 - 10:56h

Favoritei.

[4] Comentário enviado por edps em 08/06/2017 - 12:17h

Olá, obrigado pela citação em seu artigo.

Sobre o último vídeo, algumas coisas...

Não acho recomendável ficar mexendo na pasta de instalação do firefox, visto que ele é um pacote provido pelo próprio Slack (se não quer tê-lo basta remover via slackpkg), e tem dica aqui no VOL e acho que é do Xerxes Lins ensinando como passá-lo para pt_BR.

* ou se prefirir use uma dica como essa abaixo, de autoria do @albfneto (que o instala numa pasta em $HOME):

https://edpsblog.wordpress.com/2017/05/15/firefox-novo-em-toda-e-qualquer-distro/

Ou minha (instalação em 5 passos em /opt):

https://edpsblog.wordpress.com/2015/12/10/how-to-firefox-no-linux-em-5-passos/

Sobre o SLINT, tenho um tutorial para a versão 14.1, acho que basta alterar as versões:

https://edpsblog.wordpress.com/2015/12/25/how-to-slint-instalacao-do-slackware-em-pt_br/

Quanto ao SLIM, segue:

https://edpsblog.wordpress.com/2013/05/18/instalacao-do-slim-no-slackware/

* e acho que fora a configuração em /etc/slim.conf e no /etc/rc.d/rc.4, você também deverá adicionar o ambiente padrão em ~/.xinitrc

AInda sobre Display Managers, eu prefiro o LXDM, que também está disponível no SlackBuilds:

# sbopkg -r
# sqg -p lxdm
# sbopkg -i lxdm

Um abraço.

[5] Comentário enviado por binbash em 31/07/2017 - 17:09h


[3] Comentário enviado por xerxeslins em 08/06/2017 - 10:56h

Favoritei.


Valeu, xerxes! Ser favoritado por vc, quer dizer que estou indo bem :)!

[6] Comentário enviado por binbash em 31/07/2017 - 17:10h


[2] Comentário enviado por Nissika em 01/06/2017 - 21:52h

Muito bom!
Uma dúvida, mesmo se eu estiver em um notebook sem acesso a internet a cabo irei conseguir fazer conexão a rede wireless usa esse método?


Sim, usei o mesmo método no Gentoo e deu certo!

[7] Comentário enviado por binbash em 31/07/2017 - 17:11h


[4] Comentário enviado por edps em 08/06/2017 - 12:17h

Olá, obrigado pela citação em seu artigo.

Sobre o último vídeo, algumas coisas...

Não acho recomendável ficar mexendo na pasta de instalação do firefox, visto que ele é um pacote provido pelo próprio Slack (se não quer tê-lo basta remover via slackpkg), e tem dica aqui no VOL e acho que é do Xerxes Lins ensinando como passá-lo para pt_BR.

* ou se prefirir use uma dica como essa abaixo, de autoria do @albfneto (que o instala numa pasta em $HOME):

https://edpsblog.wordpress.com/2017/05/15/firefox-novo-em-toda-e-qualquer-distro/

Ou minha (instalação em 5 passos em /opt):

https://edpsblog.wordpress.com/2015/12/10/how-to-firefox-no-linux-em-5-passos/

Sobre o SLINT, tenho um tutorial para a versão 14.1, acho que basta alterar as versões:

https://edpsblog.wordpress.com/2015/12/25/how-to-slint-instalacao-do-slackware-em-pt_br/

Quanto ao SLIM, segue:

https://edpsblog.wordpress.com/2013/05/18/instalacao-do-slim-no-slackware/

* e acho que fora a configuração em /etc/slim.conf e no /etc/rc.d/rc.4, você também deverá adicionar o ambiente padrão em ~/.xinitrc

AInda sobre Display Managers, eu prefiro o LXDM, que também está disponível no SlackBuilds:

# sbopkg -r
# sqg -p lxdm
# sbopkg -i lxdm

Um abraço.


Valeu pelos complementos, edps!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts