Ubuntu X Windows (virtualizado) - Compartilhando Pastas

Se você tem instalado em seu sistema o VirtualBox, já deve ter observado uma opção para o compartilhamento
de pastas entre os sistemas da Máquina Física e o da Máquina virtual. Esta opção funciona como pastas
compartilhadas numa rede.

[ Hits: 11.438 ]

Por: Jonatas Augusto em 10/03/2012 | Blog: http://hotplugdicas.blogspot.com


VirtualBox, compartilhando pastas



Introdução

Se você tem instalado em seu sistema o VirtualBox, já deve ter observado uma opção para o compartilhamento de pastas entre os sistemas da máquina física e o da máquina virtual.

Esta opção de compartilhamento, funciona como que pastas compartilhadas numa rede física e você pode mover, criar, editar arquivos e diretórios que serão 'enxergados' por ambos os sistemas, virtual e físico.

Estas opções de edições de arquivos devem ser pré estabelecidas na criação da opção da pasta compartilhada.

Neste exemplo, compartilharei uma pasta entre as máquina virtual do Windows XP (SP3) e máquina física Ubuntu 10.04 LTS.

Compartilhando Pastas

Execute o VirtualBox, mas não inicie nenhuma máquina virtual.

Selecione a máquina virtual (Ex.: WinXP) e clique em 'Pastas Compartilhadas' na coluna da direita.

Ao lado direito da janela principal, note três botões: 'Adicionar', 'Editar' e 'Remover Pasta Compartilhada'.

Clique em 'Adicionar Pasta Compartilhada', e indique o caminho de alguma pasta que quer compartilhar com a máquina virtual.

Dê um nome à esta pasta compartilhada (Ex.: sedan75).

Como pode ver no exemplo abaixo, eu compartilhei o meu diretório de usuário inteiro, e como não defini 'Apenas para Leitura', a edição e criação de arquivos e outros diretórios dentro deste diretório compartilhado, será possível.
Linux: Ubuntu X Windows (virtualizado) - Compartilhando Pastas

Confirme as opções e inicie a máquina virtual. Após o carregamento da máquina virtual e com ela em processo, selecione:

Dispositivos > Instalar Adicionais para Convidado.

Aceite a opção de download de uma imagem ISO de uma versão do VBoxGuest Additions (~30MB).

Após concluir o download, aceite a opção para a instalação do dispositivo na máquina virtual e a reinicie.

Após a nova inicialização, siga para 'Meu Computador' e clique no novo dispositivo 'VirtualBox Guest Additions', e proceda com a instalação:



Você poderá receber alguns alertas de incompatibilidade, ignore-os e clique em 'Continuar assim mesmo'.
Finalizando a instalação, opte por reiniciar o sistema virtual.
Novamente, com a máquina virtual em processamento, clique em 'Meus Locais de Rede' e selecione 'Toda a Rede'.
Siga até VBOXSVR e acesse a sua pasta compartilhada:


Como visto previamente em meu Blog:
   

Páginas do artigo
   1. VirtualBox, compartilhando pastas
Outros artigos deste autor

BluePad - Celular com Java e Bluetooth controlando apresentações remotamente

Ubuntu 10.04 - Wallpapers Animados Utilizando Vídeos

eViacam no Ubuntu 10.10 - Acessibilidade: Movendo o mouse com movimentos da cabeça

Configurando TV Digital no Ubuntu 10.04 - (PlayTV USB SBTVD)

Impressoras no Linux - Instalando mais de 2000 modelos

Leitura recomendada

Agora sim... o pingüim fala português!

Songbird - Conheçam o media-player da Mozilla

Instalação do Docker no CentOS 7

Instalando, gerenciando e mantendo pacotes no Gentoo Linux e derivados

CrossOver - Programas de Windows em seu GNU/Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Radiske em 10/03/2012 - 19:54h

Buenas,

Uma boa informação seu artigo.
Se me permite, gostaria de deixar aqui minhas experiências com máquinas virtuais nesse assunto.
A opção de pastas compartilhadas é bem interessante e facilita muito as atividades entre as máquinas virtuais mas não funciona exatamente como se fosse uma pasta da rede.
Se for uma máquina virtual com Linux, é necessário montar a unidade. Funcionará muito bem dessa forma como qualquer outra unidade.
Se for uma máquina virtual com Windows, aparecerá como uma unidade mapeada mas, se for utilizar esta unidade como ponto de dados ou de execução de programas, dependendo do programa, pode ocorrer problemas pois, determinados programas, não localizam a unidade de rede em virtude da mesma não ser uma unidade de rede.
Mesmo mapeando a unidade ou simplesmente utilizando seu caminho de "rede virtual", podem ocorrer problemas diversos, principalmente de localização de dados.

Um abraço!

[2] Comentário enviado por ch4c4r em 11/03/2012 - 10:10h

Muito bacana teu artigo, com certeza ajudará muita gente começando na virtualização!
Sobre o problema com as apstas, exatamente como o Radiske disse. Funciona bem pra trocas rápidas de arquivos, mas para ambiente de produção tive vários problemas também!
É bacana pra resolver isso quando o negócio é mais sério, utilizarmos o samba mesmo :)


[3] Comentário enviado por sedan75 em 11/03/2012 - 13:22h

Agradeço os comentários e observações.
De qualquer forma, preciso mencionar que eu não quis dizer que a virtualização com o compartilhamento de pastas substituiria uma rede ou mesmo o samba.

No artigo, quando eu disse "funciona como que pastas compartilhadas numa rede física", foi só pra dar uma "luz" do que se trataria o compartilhamento de pastas entre a máquina virtual e a física, ou seja, apenas para dar uma noção do que se seguiria no artigo.

[4] Comentário enviado por nicolo em 12/03/2012 - 08:18h

Taí , gostei. Simples, objetivo, claro e sem empulhação.
Vai pros favoritos.
Já fiz isso, mas cada vez que tenho que configurar isso é uma briga de foice no escuro.
Nota DEZ !

[5] Comentário enviado por lbneto em 17/03/2012 - 20:37h

Eu tenho uma pergunta. Pra fazer o processo inverso, ou seja, compartilhar uma pasta no sistema virtual Linux(ubuntu) com o sistema da maquina fisica no meu caso win 7. Rola de forma simples ou da mais trabalho.

Agradeço desde já.

[6] Comentário enviado por sedan75 em 17/03/2012 - 21:26h

@ibneto

Para compartilhar uma pasta Windows com uma mákina virtual Linux:
inicie o VirtualBox;
selecione a mákina Linux sem iniciá-la;
siga para configurações;
acrescente um dispositivo de discos vazio;
selecione um diretório da mákina física (ex: Desktop) para a "Pasta Compartilhada". Sugiro habilitar opção "[ ] permitir montagem automática";
inicie a mákina virtual;
após ter iniciado, selecione na aba "dispositivos" a opção "instalar add para convidado";
permita a montagem da imagem add do virtualbox;
como root, acesse o diretório de montagem, ex: /media/VBOXADDICTIONblábláblá;

como root, rode o comando:
# ./VBoxLinuxAddictions.run (ou UM_NOME_SEMELHANTE.run)
pode ser que seja necessário habilitar execução com:
# chmod +x VBoxLinuxAddictions.run

Aguarde a instalação do dispositivo na mákina virtual;
Reinicie a mákina virtual;
Sua pasta compartilhada estará montada no diretório padrão da distribuição Linux da mákina virtual, ex: /media/sf_Desktop

Se precisar de um tuto dá um toke. eu faço.
Boa sorte :)


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts