Trabalhando com init no Debian

Este artigo irá tratar de scripts de inicialização e manipulação relacionados ao init, como: rcconf, update-rc.d, sysv-rc-conf, sysvconfig, invoke-rc.d, na unha, scripts service, script de um rc.local para o Debian.

[ Hits: 180.391 ]

Por: Flavio Torres em 23/06/2006


update-rc.d



Um outro mais interessante e MUITO mais eficiente é o update-rc.d.

Instalação:

# apt-get install file-rc update-rc.d

Utilização:

update-rc.d <nome> start NN runlevel . stop NN runlevel .

Nome é o mesmo nome do arquivo contido em /etc/init.d, NN significa a ordem em que eles serão iniciados/parados e runlevel especifica em quais runlevels eles serão iniciados/parados.

Exemplo com o script firewall.

NOTA: O arquivo deve estar dentro do diretório init.d.

# update-rc.d firewall start 20 2 3 4 5 . stop 20 0 1 6 .

NOTA: Se já existir uma entrada no arquivo como o nome especificado, update-rc.d não irá fazer nada.

Você também pode deixar os runlevels como padrão:

update-rc.d <nome> defaults [NN | NN-start NN-stop]

Colocando o defaults, ele irá deixar os runlevels para inicialização como: 2, 3, 4 e 5; e para finalização: 0, 1 e 6 (para saber mais, leia a manpage do init). NN indica que o arquivo terá a mesma prioridade na inicialização/finalização. Para deixar diferente, especifique NN-start para a inicialização e NN-stop para finalização.

NOTA: É recomendável sempre especificar um runlevel para os serviços serem finalizados.

Ex:

# update-rc.d firewall defaults

Já para remover um arquivo da inicialização/finalização, use:

update-rc.d [-f] <nome> remove

O -f pode ser usado para que o update-rc.d remova também links simbólicos. Este comando excluirá os links dos rcN.d, e conseqüentemente com que o serviço seja iniciado e parado manualmente, ou seja, você precisará usar o script em /etc/init.d/firewall <opção>.

Ex:

# update-rc.d -f firewall remove

Uma opção que pode ser usada em ambos os 3 comandos é -n. Ela faz com que update-rc.d simule o que aconteceria.

# update-rc.d -n firewall remove

Não se preocupe, ele irá mostrar a saída corretamente, porém, não haverá nenhuma alteração.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. rcconf
   3. update-rc.d
   4. sysv-rc-conf e sysvconfig
   5. Ferramentas para manipular os init
   6. Script Service1
   7. Service Script2
   8. Script RC.LOCAL
Outros artigos deste autor

Business Intelligence - Pentaho 3.5 com PostgreSQL

Node.js para administradores de sistema

Leitura recomendada

Entendendo o ReiserFS

Transferência Rápida de Arquivos com NFS

Configuração do Autofs

Submount - Solução de montagem automática de volumes em kernel 2.6

Utilizando quota em XFS

  
Comentários
[1] Comentário enviado por thelinux em 23/06/2006 - 16:08h

Flavio Torres - Parabéns! Seu artigo está massa!

[2] Comentário enviado por Xxoin em 25/06/2006 - 00:36h

Valeu Flávio!

Valeu pelo conteúdo e importância da informação...

[3] Comentário enviado por agk em 26/06/2006 - 15:08h

Muito bom, parabéns. Me ajudou a entender como funcionavam algumas coisas no sistemas de inicialização de services do Debian.
Para quem usa Debian é fundamental conhecer e dominar pelo menos uma dessas ferramentas para poder manipular os serviços sem problemas.
[ ]'s.

[4] Comentário enviado por dailson em 26/06/2006 - 15:16h

Realmente manipular init era uma caixa preta até ler seu artigo.
Valeu

Dailson Fernandes

[5] Comentário enviado por juliaojunior em 04/10/2006 - 16:52h

como sempre, os artigos do VOL ajudam a decifrar os segredos.

[6] Comentário enviado por rbn_jesus em 23/03/2007 - 17:11h

Estou com um problema em LVM, creio que vc possa me ajudar...
tenho uma configuração lvm em apenas 1 dispositivo, da seguinte forma:
xda1 - /boot - ext3
xda2 - lvm (lvm1 - / - ext3; lvm2 - swap)

como recupero as informações da 1ª partição do lvm neste despositivo?

[7] Comentário enviado por volcom em 14/09/2007 - 15:44h

Cara,

Muito util!!

abraço.

[8] Comentário enviado por douglas.giorgio em 20/01/2011 - 01:37h

cara, me ajudou muito, ja tava ficando louco pq meu firewall nao iniciava no boot ehehehehe


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts