Recuperando arquivos deletados em partições ReiserFS

Muitas pessoas acham que não tem como recuperar arquivos deletados em partições ReiserFS. Este artigo mostra exatamente o contrário! Aprenda a recuperar seus arquivos deletados.

[ Hits: 20.300 ]

Por: Rodrigo Pitarello em 04/09/2007


Introdução



Quando aquele usuário chegar pra você e diz "os meus arquivos foram apagados e não tenho backup de nada", dá até medo... aconteceu com um micro da empresa e era em uma partição ReiserFS.

Todo processo de recuperação de arquivos é traumático, até que comecei a pesquisar sobre ReiserFS. No começo achei vários sites dizendo que não tinha como recuperar pois não existia software para tal.

Até que consultando em:
Descobri a solução e após os testes resolvi postar esse artigo, já que ninguém tinha escrito sobre o assunto.

Portanto mãos a obra!

Para exemplo vou considerar que minha partição com os arquivos é /dev/hda3 e o ponto de montagem é o diretório /home.

Lembrete: todos os comandos devem ser efetuados como root!

Será necessário que primeiramente a partição não esteja montada. Se a partição não foi utilizada na inicialização do micro, a mesma pode ser desmontada com o seguinte comando:

# umount /home

Caso prefira ou não consiga desmontar a partição, inicie um micro com um LiveCD de qualquer distro e abra o terminal para executar os comandos (lembrando de executar todos como root).

Para recuperação dos dados a partição não pode conter nenhum erro, para tanto execute o seguinte comando para checar a mesma:

# reiserfsck --check /dev/hda3

e logo após o comando para corrigir erros simples:

# reiserfsck --fix-fixable /dev/hda3

Após digite o comando para recuperar os arquivos:

# reiserfsck --rebuild-tree --scan-whole-partition /dev/hda3

O processo é bem demorado, principalmente para partições grandes, por isso não tenha pressa!

O comando irá procurar arquivos apagados e salvá-los na parta "lost+found" dentro da própria partição.

Monte novamente a partição após o processo com o comando:

# mount -t reiserfs /dev/hda3 /home

ou reinicie o micro caso esteja usando um LiveCD.

A pasta tem como dono o usuário root, então se você quiser dar acesso ao usuário, mude o dono com o seguinte comando, substituindo com o nome do usuário:

# chown -R 755 usuário /home/lost+found

Os arquivos podem vir com os nomes corrompidos, exigindo que você renomeie o arquivo encontrado. Tome cuidado, pois essa pasta pode ocupar muito espaço no disco, portanto após recuperar o que você procura, delete o restante dos arquivos para recuperar espaço em disco.

Lembrando que quanto mais rapidamente iniciada a recuperação, maior a porcentagem de recuperação, podendo chegar perto dos 100%.

Espero ter ajudado nesse meu primeiro artigo.

Até mais e VIVA O LINUX!

[]'s

   

Páginas do artigo
   1. Introdução
Outros artigos deste autor

Instalando codecs, plugins e drivers NVidia e ATI com o EasyUbuntu

Leitura recomendada

Aprendendo NFS - Network File System

Arquivos duplicados? fdupes neles!

Sistemas de arquivos no Unix - Arquivos, Diretórios e Partições

O básico sobre RAID com mdadm e raidtools

Checando seu sistema de arquivos com fsck

  
Comentários
[1] Comentário enviado por richerbarros em 04/09/2007 - 09:31h

Muito bom...artigo simples, prático e eficiente.
Parabéns!

[2] Comentário enviado por arcosta em 04/09/2007 - 11:00h

Muito bacana o artigo, realmente é uma forma bem simples de recuperar os arquivos apagados.

So não gostei da flag "rebuild-tree" pq a unica vez q precisei dela foi quando deu pau em um servidor de email. Ai ja viu o aperreio ...

Mas realmente funciona !

[3] Comentário enviado por oscarcosta em 04/09/2007 - 23:38h

Muito bom... simples e direto ao ponto!

See you...

[4] Comentário enviado por worm em 05/09/2007 - 09:50h

Hooooo.. vlz brother, estava atráz de um artigo desse a tempos!!

[5] Comentário enviado por rpitarello em 05/09/2007 - 12:13h

Fico contente por estar ajudando!

[6] Comentário enviado por csguerreiro em 06/09/2007 - 16:21h

amigo muito bom , vc sabe como recuperar arquivos deletados de partiçoes ext3. principalmente com extenções .gdb (Interbase).
grande abraço.

[7] Comentário enviado por goss em 13/09/2007 - 12:53h

Ola Rodrigo, bom artigo, gostaria de saber se é possivel fazer a recuperação de um tipo de arquivo especifico, como por exemplo .pdf, ou pelo nome do arquivo?

[8] Comentário enviado por rpitarello em 13/09/2007 - 15:22h

No caso você não tem como recuperar somente um arquivo ou um tipo de arquivo.

[9] Comentário enviado por ismavolk em 11/12/2007 - 15:21h

Vlw mesmo, salvou meu dia!
a anta aqui conseguiu dar um rm num backup!

[10] Comentário enviado por removido em 04/03/2008 - 17:20h

cara muito bom o artigo, mas tem como so recuperar 1 pasta?

hehe

abraços

[11] Comentário enviado por edupersoft em 07/05/2008 - 18:28h

Valeu, este artigo salvou a lavoura.

Li este artigo e mais alguns que diziam mais ou menos a mesma coisa. A unica coisa é que a principio eu tinha entendido que todos os arquivos recuperados ficariam em lost+found, mas não foi isso que aconteceu, diversos arquivos foram recuperados no seu diretório e com o seu nome correto, apenas parte dos arquivos ele não conseguiu recuperar no local 100% correto.

De qualquer forma valeu mesmo.

[12] Comentário enviado por mchanea em 31/07/2008 - 01:55h

Infelizmente, o que seria para mim a salvação, foi um desastre! Segui o seu artigo passo-a-passo direitinho mas, no final, ao remontar a partição, diversos arquivos haviam se corrompido. Eles aparecem nos diretórios com nome, extensão (tem xls, dwg, doc, pdf etc.), tamanho, tudo certinho, mas na hora de abrir: "o arquivo está corrompido". Acho que esse parâmetro --rebuild-tree foi quem fez o estrago... Preventivamente, fiz um backup antes de tudo, mas para má sorte minha, o backup (que estava em outro HD!) também estava corrompido. Resultado: me ferrei de verde e amarelo. E o pior é que são os dados importantíssimos do servidor de uma empresa cliente minha. Já pensei em refazer os comandos reiserfsck, mas até agora só tive coragem de fazer o --check que acusa, mentirosamente, que não há nada corrompido. Não sei mais o que fazer... :-(

[13] Comentário enviado por rpitarello em 04/08/2008 - 08:46h

Marcelo, já executei esse procedimento várias vezes e nunca aconteceu um problema como esse. Provavelmente ocorreu uma coincidência que seu hd estava com algum defeito ou a partição não era Reiserfs... O parâmetro --rebuild-tree remonta a estrutura do sistema de arquivos e não pode ser interrompido senão há risco de corromper os arquivos... por acaso vc não interrompeu o processo?
Infelizmente não tenho como te ajudar mais... Qualquer dúvida pode perguntar! Até +

[14] Comentário enviado por lucianeconte em 26/09/2008 - 08:36h

É possível recuperar a partir destes procedimentos dados de uma partição Reiserfs que foi formatada?

[15] Comentário enviado por edupersoft em 26/09/2008 - 09:02h

Eu acho que não porque ai você o sistema perde a tabela de locação de arquivos. Para fazer este tipo de recuperação, acho que o procedimento deve ser outro. Mas tenta, quem sabe, mal não vai fazer.

[16] Comentário enviado por kirabouts em 28/04/2009 - 15:21h

Comigo tah complicado amigo.. fui usar o cd do rwindows para recuperar o sistema dele e acabei perdendo tudo, do nada!
qndo eu procuro elas com o fdisck e o instalador do windows, soh me aparece uma partição de 105gb, e os outros 205 gb?..
ou seja nao consigo entrar em meu slack, nem ubuntu para dar esses comando via terminal.. tenho somente um livecd, o satux.. ele dah conta do trabalho? fica c Deus amigo


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor HostGator.
Linux banner
Linux banner
{BANNER_MODEL3}

Destaques

Artigos

Dicas

Viva o Android

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts