Trabalhando com arquivos no Perl

Aqui venho mostrar de forma direta como trabalhar com arquivos e permissões no Linux usando Perl.

[ Hits: 39.976 ]

Por: C00L3R_ em 04/09/2008 | Blog: https://github.com/CoolerVoid


Mais algumas funções e conclusão



Como posso mover para uma árvore de diretórios diferente

Você pode usar o comando "chdir" para fazer este feito, por exemplo:

chdir("/etc") || die "você não pode dar cd /etc ($!)";

Como posso abrir um diretório

Simples, usando o comando "opendir". Exemplo:

opendir(ETC,"/etc") || die "no etc?: $!";
while ($name = readdir(ETC)) {
    print "$name\n";
}
closedir(ETC);

Note o comando "readdir", que seria para ler o que está no "/etc".

Como posso deletar um documento ou um diretório no Perl

Para isso temos o comando "unlink". Digamos que queremos deletar dois documentos ou diretórios, por exemplo:

unlink ("seila","index.html"); # Mata dois pássaros de uma vez
unlink <*.txt>; # mesma coisa de "rm *.txt" em shell

Você pode usar um "foreach" para deletar os documentos de um diretório:

foreach $file (<*.txt>) {
    unlink($file) || warn "Não foi possível deletar docs de $file: $!";
}

Muito simples. Para diretórios pode se usar "rmdir":

rmdir("cemiterio") || die "Não foi possível remover cemitério: $!";

Agora, chegando ao fim

Renomeando arquivos ou documentos, criando diretórios e permissões:

rename("teste","bobo") || die "Não foi possível renomear pedidos: $!";

Para criar um diretório basta:

mkdir("teste",0777) || die "Não foi possível dar mkdir: $!";

O que seria "0777" seria "rwx" em octal, isto é, permissão para alterar, ler e executar no padrão Unix.

Falando em permissões, em Perl você pode usar, para definir permissões o comando "chmod". Exemplo:

chmod(0666,"arquivo","ola");

Em Perl pode até usar o comando "chown", como exemplo:

chown(1234, 35, "slate", "granite");

Explicando, "1234" seria o "UID" e 35 seria o "GID".

Vou acabar por aqui com o artigo. Já dá para fazer muitas brincadeiras com isso já. ;-)

Dúvidas? Comentários?
Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Direto ao ponto
   2. Escrever num documento com Perl
   3. Mais algumas funções e conclusão
Outros artigos deste autor

Usando OpenBSD como desktop

Apache + PHP + MySQL + ftpd no OpenBSD

Usando o NetBSD como desktop

BSD Sockets em linguagem C

Ponteiros - Saindo de Pesadelos

Leitura recomendada

Decodificando filmes do programa "3w player"

Decodificando filmes do programa "3w player"

Script Perl para consultas em base LDAP e/ou Active Directory

Configurando OTRS com PSGI/Plack e executando com Starman

Programando em Perl (parte 1)

  
Comentários
[1] Comentário enviado por grandmaster em 04/09/2008 - 21:54h

Legal. Mas quanto mais eu leio coisas em Perl mais eu não entendo :D

Renato de Castro Henriques
CobiT Foundation 4.1 Certified ID: 90391725
http://www.renato.henriques.nom.br

[2] Comentário enviado por albertguedes em 05/09/2008 - 13:40h

opa opa opa, impressão minha ou PERL está voltando a tona ?
Espero que sim porque PERL é uma excelente linguagem, não vejo motivos para alguém não usá-la.
Valeu Tony.

[3] Comentário enviado por cesar em 08/09/2008 - 13:39h

Bacana, mas como o amigo aí de cima disse, hauha não entendo nada de Perl, complicaadoo, hauha

[]'s

[4] Comentário enviado por SMarcell em 15/09/2008 - 01:58h

POGers de todo o mundo, uni-vos!

-------
Bacana, mas como o amigo aí de cima disse, hauha não entendo nada de Perl, complicaadoo, hauha
-------

Comeceie a conhecer Perl a poucas semanas e como não sou programador profissional (apenas um entusiasta meia-boca!), acho ele bastante parecido com shell script, o que facilita bastante as coisas já que tenho um conhecimento mediano em shell.

=)


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts