Testamos: Visual Basic 8 .NET no Linux. Vejam o resultado!

A NETi TECNOLOGIA resolveu instalar e testar a versão 1.2.3.1 do Mono, que promete executar no GNU/Linux aplicativos compilados no Visual Basic 8 .NET. O resultado atendeu as expectativas, sendo assim resolvemos publicar a experiência. O objetivo não é formar uma opinião sobre o produto, pois o suporte do Visual Basic no Mono é um recurso muito recente.

[ Hits: 93.830 ]

Por: Alessandro de Oliveira Faria (A.K.A. CABELO) em 16/03/2007 | Blog: http://assuntonerd.com.br


Os testes com o banco de dados Firebird



Antes de iniciar os testes com o Visual Basic 8 .NET, optamos por testar a conexão entre o Mono e o Firebird. Utilizamos o programa abaixo em C# para certificar que a conexão com o banco esteja funcionando corretamente.

Mais informações sobre a classe de conexão com o banco de dados Firebird em:
Para instalar a classe de conexão com o Firebird, utilizei o comando rpm como de costume na distribuição openSUSE.

# rpm -ivh mono-data-firebird-1.2.3.1-0.novell.i586.rpm
A preparar...           ################################# [100%]
   1:mono-data-firebird ################################# [100%]
Se desejar também fazer o teste, crie um arquivo chamado Test.cs com o seguinte conteúdo:

using System;
using System.Data;
using FirebirdSql.Data.Firebird;

public class Test {
   public static void Main(string[] args) {
   string connectionString =
         "Database=/opt/firebird/examples/empbuild/employee.fdb;" +
         "User=SYSDBA;" + "Password=masterkey;" +
         "Dialect=3;" + "Server=localhost";

   IDbConnection dbcon = new FbConnection(connectionString);
   dbcon.Open();
   IDbCommand dbcmd = dbcon.CreateCommand();
   string sql = "SELECT FIRST 10 * FROM employee";
   dbcmd.CommandText = sql;
   IDataReader reader = dbcmd.ExecuteReader();
   while(reader.Read()) {
      object dataValue = reader.GetValue(0);
      string sValue = dataValue.ToString();
      Console.WriteLine("Value: " + sValue);
      }

   // clean up
   reader.Close();
   reader = null;
   dbcmd.Dispose();
   dbcmd = null;
   dbcon.Close();
   dbcon = null;
   }
}

Compile o programa em C# utilizando o comando abaixo referenciando a classe System.Data.dll e FirebirdSql.Data.Firebird.dll:

$ mcs Test.cs -r:System.Data.dll -r:FirebirdSql.Data.Firebird.dll

Após a compilação, um arquivo Test.exe será criado na pasta atual. Para testá-lo, basta executar o comando como no exemplo abaixo, veja o resultado:

$ mono Test.exe
Value: 2
Value: 4
Value: 5
Value: 8
Value: 9
Value: 11
Value: 12
Value: 14
Value: 15
Value: 20

Show!!! Até aqui aqui tudo esta funcionando corretamente.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Download e instalação
   3. Os testes com o banco de dados Firebird
   4. Testando o programa em Visual Basic .NET
Outros artigos deste autor

KDE Connect: Integrando o ambiente Android com o desktop Linux

Inserindo o recurso de LIXEIRA nos compartilhamentos Samba

Transforme seu celular em terminal sem fio SSH/Telnet

Neste Natal: liberte o seu Motorola Atrix, e o transforme no desktop perfeito

Bioloid Control: Robótica virtual em Linux

Leitura recomendada

Conheça o G:Mini - antigo Projeto GoblinX Mini

Compilando PHP 5 com suporte a Oracle sem mistérios

Implementando servidor web Java com Tomcat no Linux

GRUB 2 - Monte você mesmo o menu

Canivete Suíco VRlivrestúdio

  
Comentários
[1] Comentário enviado por tiagotavares em 16/03/2007 - 08:16h

Este é o CABELO, sempre trazendo artigos mais do que úteis para nós.

Parabéns cara!

[2] Comentário enviado por removido em 16/03/2007 - 10:55h

Ótima matéria
Nota 10.

Muitas empresas utilizam a "desculpa" para a falta de vontade(aka:Preguiça) de migrar para o Linux, colocando a culpa no VB.
com o MONO, sabemos que a migração é possível.

Ótimo artigo do colega CABELO

[3] Comentário enviado por snails em 16/03/2007 - 12:58h

Eh...muito show essa noticia....

Corte de lucro no Devel da Microsoft...ahahaha.....puxa...e assim, aos poucos, o Linux vai se tornando um sistema universal, como o Windows....agora so falta os kras da Mono implementa WebServices e os pacotes Mobile pra esse Mono....vixi...ae sim num vai falta mais nada....
Kra, o Cabelo tras essas da onde ?? esse kra...sempre com noticia nova e sempre muito interessante....

[4] Comentário enviado por montanha em 16/03/2007 - 15:46h

Muito bom ver matérias sobre o MONO, nós do solivrepr juntamente com o psl-pr , iniciamos a primeira pós graduação em software livre com enfase em MONO e .Net no ano passado , em Ivaiporã , interior do Pr.

Parabéns Pela Matéria!

[5] Comentário enviado por sombriks em 16/03/2007 - 18:30h

pra variar, artigo do cabelo, :D

só uma correção:

onde tem:

O Projeto Mono é uma iniciativa da comunidade onde o principal objetivo é desenvolver uma versão open-source da plataforma Visual Studio .NET da Microsoft.

leia-se :

O Projeto Mono é uma iniciativa da comunidade onde o principal objetivo é desenvolver uma versão open-source da plataforma .NET da Microsoft.

eu só não mexi com mono profissionalmente ainda, mas já fuçei um pouquinho e pra webdeveloper vem o xsp e o xsp2, perfeito pra testar suas páginas num webserver; tem c# pra prototipar alguma coisa q futuramente vá ser php então eh show de bola.

[6] Comentário enviado por jragomes em 16/03/2007 - 18:54h

Engraçado, outro ótimo artigo do Cabelo, e me estranha é o fato do conceito do artigo estar em 6.4 (no momento deste post). Me parece que tem gente com inveja e fica dando nota baixa pra um artigo de qualidade.

Em relação ao .Net, foi uma das poucas coisas que a microsoft fez de bom. Documentou tudo que deveria para poder haver implementações de outras linguagens dentro da plataforma .Net. Já vemos trabalhos nesse sentido em Python, PHP e muitas outras.


[7] Comentário enviado por fredericco em 16/03/2007 - 20:04h

o mono n tras as vunerabilidades do framework da microsoft n?

[8] Comentário enviado por sombriks em 16/03/2007 - 22:15h

Não. Vc pode ter acesso a aPI's que também existem em ambiente win32, mas continua num sistema POSIX de responsa, :D

com realção à nota, acredito que seja normal, se levarmos em conta que .NET/Mono até hoje é uma cousa polêmica (com o Miguel de Icaza dizendo coisas como "seria bom se o GNOME fosse implementado em mono...") dentro do mundo livre. Somos reacionários, devemos adimitir. :P

[9] Comentário enviado por josir em 17/03/2007 - 10:28h

Cabelo,
muito boa a iniciativa em compartilhar os testes conosco!

1) como vc sentiu a performance? Quando eu usei algumas ferramentas feitas em Mono no OpenSuse, eu achei bem lentas. Por isso, a minha preocupação.

2) vc poderia nos dizer como é deploy dessa aplicação, ou seja, o que é preciso instalar na máquina do cliente.

[10] Comentário enviado por reimassupilami em 03/04/2007 - 12:49h

opa, faz tempo que não passo aqui pelo VOL, e logo de cara ja encontrei esse excelente artigo do mr Cabelo...

parabés, boa experiencia... :0)

[11] Comentário enviado por uprogramador em 27/04/2007 - 10:13h

Como desenvolver no mundo Windows gostaria muito de ter uma distribuição tipo LiveCD que permitisse reproduzir os testes deste artigo e desenvolver outros.
Já testei o monolivecd, mas não consegui executar aplicações .net criadas com o Visual Studio.
Parabéns ao desenvolvedores deste artigo e das ferramentas.
Acredito que essas iniciativas atrairão desenvolvedores Windows para o Linux.

[12] Comentário enviado por tula em 20/06/2007 - 00:39h

Amigos,
Fiz um aplicativo de teste com windows forms. Um formulário com vários componentes mas sem nenhum tratamento de evento. Compilei(C# Express) e levei ao fedora 5. Baixei o mono e depois executei # mono meuaplicativo.exe. Uma série de erros ligados aos windows forms apareceram. Não deveria simplesmente abrir o programa? Afinal, aplicativos windows forms funcionam ou não no linux/mono , ou eu fiz algo errado?

[13] Comentário enviado por removido em 22/06/2007 - 22:53h

Tenho minhas duvidas. Foi dito, ou foi o que eu entendi, que o mono foi criado para rodar aplicativos em VB .NET no linux, mas teoricamente ele é capaz de rodar qualquer aplicação desenvolvida e compilada no visual studio.NET, porque qualquer linguagem compilada no visual studio, seja VB C++ ou C#, será uma linguagem única que é interpretada pelo Jit(Just in Time Complier) e então executada. Isso é só uma teoria, mas vale a pena testar.

[14] Comentário enviado por NewWave em 29/12/2008 - 09:03h

Meus parabéns pela iniciativa, cara. Um dia eu espero dar uma grande contribuição, como essa, para o mundo Open Source.
Eu não entendo nada de .NET, mas eu sei que é preciso isso aí pra instalar o maldito programa da sony Ericsson "Wireless Manager" que controla o modem MD300 (claro 3g). Aí eu pergunto: tem como eu rodar esse programa no linux usando o MONO? Sou leigo nesse negócio de VB e .NET. Gostaria de uma luz.

Obrigado.

[15] Comentário enviado por ulisses_c em 12/08/2009 - 20:34h

Gente eu sei que estou meio atrasado neste post mas alguem sabe como rodar Visual C# .net 2008 com o linux ja tente tanto com o wine quanto com o mono e não me deixa nem instalar e quando eu tento abrir versão instalada ela nao abre

vlw gente e cabelo este artigo deveria ter tido maior notoriedade quando foi escrito pois concerteza ja haveriam diversas aplicações multiplatafroma.

[16] Comentário enviado por diogo soares em 21/05/2010 - 11:23h

Instalei o MonoDevelop e rodei a aplicação deu o seguinte erro:
Could not Load file or assembly 'Microsoft.VisualBasic, version=8.0.0.0, Culture=neutral, PublicKeyToken=b03f5f7f11d50a3a' or one of its dependencies. The entry point method could not be loaded.


Contribuir com comentário