SMART Package Manager

De vez em quando surgem novas aplicações para auxiliar na instalação de softwares no Linux, onde ele faz a checagem das dependências, instalando-as quando necessário, facilita atualizações, dentre outras coisas. O SMART surgiu dentro dessa filosofia e ao utilizá-lo durante algum tempo acabei gostando e então resolvi falar um pouco sobre ele.

[ Hits: 30.023 ]

Por: Victor Marcus de Oliveira Castro em 11/07/2006


Adicionando repositórios



De posse do link da página anterior, vamos para os finalmentes. Na janela dos 'Canais' clique 'Novo' e mantenha 'Prover informação de canal' ativado. Deliciem-se com as outras possibilidades somente nessa tela:


Ao clicar Ok aparece ainda uma lista enorme de possibilidades para você e perceba que já marquei a minha opção que, como já sabem, estou usando o Fedora Core 5 64 bits:

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Localizando repositórios
   3. Adicionando repositórios
   4. Preenchendo campos
   5. Meus repositórios
Outros artigos deste autor

Certificação Java - 2 - Literals and Ranges of All Primitive Data Types (Exam Objective 4.6)

Certificação Java - 1 - Java Programming Language Keywords (Exam Objective 4.4)

Leitura recomendada

Tutorial convertendo DVD para AVI - com mencoder

Instalação do Docker no CentOS 7

Instalando o Notify-OSD do Ubuntu 9.04 no Ubuntu 8.10 Intrepid Ibex

Instalando o Slackware sem sofrimento (parte 2)

Baixando ISOs-Linux em altíssima velocidade

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Phantom X em 13/07/2006 - 00:54h

Legal escrever sobre o Smart. Considero o melhor gerenciador que existe, inclusive melhor que o apt e o yum, inclusive ele usa repositórios de ambos.

Dica: Alguns repositórios disponibilizam um RPM que adiciona seus canais no Smart automaticamente também.

[2] Comentário enviado por Century_Child em 16/03/2007 - 13:34h

O Smart é um dos melhores, se não o melhor, gerenciador de pacotes.
Uso ele no SuSE 10.2 e não deixa nada a dever a outros gerenciadores (como o dpkg/apt-get).


Contribuir com comentário