Recuperar o grub de forma rápida

Tentarei com esse artigo ajudar as pessoas que tem problemas com a perda do grub sendo sobrescrito por outro boot loader de outro sistema operacional, tendo que, por esse motivo, instalar novamente ou restaurá-lo. Iremos instalar o grub no disquete e criar um script para recuperar o mesmo de forma mais rápida.

[ Hits: 22.971 ]

Por: Rodrigo Dultra Cardoso em 28/05/2008


Preparando o disquete



Precisaremos de um disquete em bom estado, de preferência novo e muita atenção na execução dos comandos.

Todos os comandos devem ser executados como "root".

Supondo que seu dispositivo esteja em /dev/fd0. Consulte o arquivo "fstab" para ter certeza, no meu Mandriva o "fstab" tem a linha assim:

/dev/fd0 /media/floppy0 auto rw,user,noauto,exec 0 0

Dê o comando em um terminal:

# vi /etc/fstab

Será aberto o arquivo "fstab" com o editor de textos "VI".

Depois de ter feito a consulta, pressione uma vez a tecla ESC, depois digite o sinal : (dois pontos) e após a letra q para sair do editor de texto "vi".

Vamos formatar o disquete com o sistema de arquivos ext2:

# mke2fs /dev/fd0

OBS: Lembre-se que o disquete deve estar desmontado caso você o tenha montado.

Terminado o processo monte o disquete para ver se correu tudo OK:

# mount -t ext2 /dev/fd0 /media/floppy

O ponto de montagem do disquete no meu Mandriva 2008 se encontra em /media/floppy, como vocês podem ver na linha do "fstab" que citei mais acima. Verifique em seu "fstab" qual é o ponto de montagem de seu dispositivo. No Mandriva 2007 por exemplo, o ponto de montagem fica em /mnt/floppy.

Desmonte o disquete para podermos instalar o grub "nele".

# umount /dev/fd0
ou
# umount /media/floppy

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Preparando o disquete
   2. Instalando o grub no disquete
   3. Criando o executável para automatizar o processo de recuperação do grub.
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

ARM, utilização de snapshot de pacotes no Arch Linux

VPN no Conectiva 8 com o PPTPD

Configurando uma pasta compartilhada para os usuários do seu Linux

Servidor de backup Bacula 7 + Webacula 5.5 no Debian Wheezy

Instalando Slackware "na marra"

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Pianista em 28/05/2008 - 14:54h

ótimo artigo!
você tem algum poder paranormal, eu estava justamente pensando nisso quando saiu seu artigo.. loucura loucura! xD! Valew!

[2] Comentário enviado por GilsonDeElt em 28/05/2008 - 16:57h

gostei desse artigo, cara!
não tá tão "confuso", mas a parte do arquivo de recuperação não entendi muito bem, pois eu achava que aquela forma de montar o arquivo (com os EOF) só era usada com o comando cat, e não sabia que nos editores de texto deveria ser a mesma coisa. Aí fiquei na dúvida...

se quiser dar continuidade ao tema, pode explicar como fazer o mesmo com o LiLo (já tem um bom tempo que não uso o Grub)
mas meus parabéns pelo artigo!
té!

[3] Comentário enviado por rodrigodultra em 28/05/2008 - 17:14h

Fala GilsonElt!

EU montei o arquivo de recuperação usando o comando touch tipo:
#touch nome_do_arquivo
Depois editei o mesmo com o "VI" Assim:
#vi nome_do_arquivo
Você pode usar o editor que preferir.
Com respeito ao "LILO" não sei se funciona mas darei uma olhada e depois eu posto.
Falo!

[4] Comentário enviado por rodrigodultra em 28/05/2008 - 17:15h

E aí Pianista!

Poste a sua experiência para podermos compartilhar com a galera.
Abraço.

[5] Comentário enviado por removido em 28/05/2008 - 18:14h

interessante mais um modo de recuperar o grub ....

[6] Comentário enviado por jeffmaurici em 28/05/2008 - 19:24h

Hi,

Frequentemente, atualizações de Kernel também provocam a perda do GRUB boot.
Considerando a não confiabilidade e o desuso da mídia FDD, seria muito bem vindo um complemento ao tutorial:

Recuperar o GRUB utilizando um LiveCD de qualquer Distro e/ou Kernel.

Ex.: Recuperar o Kurumin_NG utilizando o Slax_Frodo_2.5.8

Grato
Jeff

[7] Comentário enviado por ribafs em 28/05/2008 - 20:53h

Olá Jeff!

Parabenizo sua atitude, mas sem querer toubar a festa, mas ao contrário, trazer algo realmente prático nesse assunto:
http://supergrub.forjamari.linex.org/?section=download

Cara, o camarada criou uma iso de menos de 3MB e ando com ela a tiracolo, pois tanto recupera grub, quanto lilo e ainda mais: até o boot do windows.
Muito bom, já usei algumas vezes e valeria a pena alguém fazer um artigo sobre ele.

[8] Comentário enviado por rodrigodultra em 29/05/2008 - 12:29h

Fala galera!
Bem, meu amigo ribafs disponibilizou o endereço cujo o conteúdo contém vários isos para recuperação do grub, lilo, etc.

Trabalho em uma escola de treinamentos e tenho 154 micros que não possuem drive de cdrom ou dvdrm, por isso meu tuto é baseado no disquete e depois de todo processo ao dar boot você caira na shell do grub e depois e só executar o script.

Achei legal também sua atitude também mas eu pessoalmente prefiro fazer tudo na "mão", pois assim aprendemos mais e compartilhamos mais conhecimentos.

COm base no conteúdo do site citado e das minhas necessidades, eu fiz o seguinte:
1- Baixei o iso do disquete
2- Baixei um programa citado no próprio site "RAWRITE" para "Windows"
Os micros aqui pelo fato de ser uma escola de informática, também tem o windows instalado
3- Entrei no windows, executei o programa "RAWRITE"
4- Peguei o iso e mandei gravar no disquete.
5- Dei boot pelo disquete e o "Supero Grub" disponibilizou opções para dar boot e recuperar o grub, etc.

Aí vem a pergunta!
O que é realmente prático???

Mas valeu pela dica.
Coloque um tuto aí pra galera.

Porque quem quer fazer no seu próprio micro ou qualquer outro que tenha os dispositivos necessários (DVD, CDROM, USB) é legal.
Baixem o iso do dispositivo necessário e usem o k3b para gravar.

Valeu!!
Até!

[9] Comentário enviado por ramontcruz em 23/03/2009 - 11:53h

A dica valeu mesmo!!!

valeuzao!!

[10] Comentário enviado por Vitor Mangra em 21/06/2009 - 23:20h

Galerinha... Há um método bem mais fácil e simples que esse...

Neste link aqui

http://www.supergrubdisk.org/index.php?pid=5

há disponível para download o super grub disk, que recupera o arquivo menu.lst sem você precisar fazer nada. É um arquivo ISO, pra gravar em CD.

Dê o boot pelo CD e escolha a opção "Auto". E voilà! O seu grub tá lá, novinho em folha...

Cara... Se eu tivesse achado isso antes... Minha vida seria mais longa (eu acho que os minutos que passei nervoso, diminuíram consideravelmente a minha expectativa de vida).

Falou e boa sorte a todos!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts