Raid 1 com mdadm

Este artigo mostra detalhadamente como instalar o Linux utilizando Raid 1 em todas as partições. Utiliza o mdadm, que é utilizado no lugar do raidtools em algumas distribuições como o Fedora 4, que foi a utilizada.

[ Hits: 96.677 ]

Por: Fernando Braz em 09/06/2006


Simulando uma falha



Simularemos agora a situação de ter ocorrido um problema em dos dois HDs e você necessita restaurar a Raid.

Coloque o segundo HD como primeiro, Sata 1 ou Ide 1.

Agora pode excluir todas as partições do outro HD e quando plugá-lo e verificar o funcionamento dos dispositivos, ele informará que um dois dois foi removido:

# mdadm --detail /dev/md0
/dev/md0:
        Version : 00.90.01
  Creation Time : Mon Apr  3 13:34:22 2006
     Raid Level : raid1
     Array Size : 200704 (196.00 MiB 205.52 MB)
    Device Size : 200704 (196.00 MiB 205.52 MB)
   Raid Devices : 2
  Total Devices : 2
Preferred Minor : 0
    Persistence : Superblock is persistent

    Update Time : Tue Apr  4 14:28:42 2006
          State : clean
 Active Devices : 2
Working Devices : 2
 Failed Devices : 0
  Spare Devices : 0

           UUID : 6ae01339:fae084d5:131cb285:487d3985
         Events : 0.241

    Number   Major   Minor   RaidDevice State
       0       8       17        0      active sync  /dev/sda1
       1       8        1        1      active sync   removed

Utilizando:

# cat /proc/mdstat

poderá verificar que realmente não está funcionando o Raid.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalação
   2. Testando o Raid
   3. Simulando uma falha
   4. Substituindo o disco com falha
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Introdução ao universo dos filesystems

Montando HD, Pendrive ou Pasta de Rede para Gravações de Ligações do Elastix e Módulo de Call Center

Esquemas de particionamento e sistemas de arquivos

Linux - Sistema de arquivos

Configuração do Samba no Debian Server

  
Comentários
[1] Comentário enviado por thelinux em 09/06/2006 - 09:19h

Parabéns pelo artigo.
Muito bom mesmo sua informação.

[2] Comentário enviado por paranoid em 10/07/2006 - 15:01h

Muito bom o arquivo. Foi só seguí-lo e funcionou aqui no servidor da empresa.
Valeu a dica.

[3] Comentário enviado por vergutz em 24/07/2006 - 09:25h

Parabéns,
Implementei aqui na empresa e foi só seguir o seu artigo que funcionou tudo ok.

[4] Comentário enviado por Braz em 03/08/2006 - 08:55h

Pessoal,

fiz também um script que testa o Raid na inicialização e demonstra o log no issue.
Vale a pena implementar também:
http://www.vivaolinux.com.br/scripts/verScript.php?codigo=1917

[5] Comentário enviado por removido em 20/04/2007 - 10:41h

Excelente artigo.
Foi o tutorial mais esclarecedor que achei até agora. Consegui implementar um servidor rapidinho.
Nos testes simulei falha no segundo disco e o primeiro funcionou perfeitamente. Mas quando removi o primeiro, o segundo não entrou: cai sempre na tela do grub a despeito das configurações deste. Alguma dica?

Sugiro uma correção:
O comando abaixo
# mdadm --manage /dev/md0 -add /dev/sdb1
# mdadm --manage /dev/md0 --add /dev/sdb1 (correto)


[6] Comentário enviado por leandrobhbr em 16/10/2007 - 11:21h

Olá gostei muito do seu artigo... mas segue uma dica se for intalar pelo ubuntu server pelo cd de instalação tome cuidado para não confundir partições reserva com ativa. Utlize apenas partições ativas...... até mais...

[7] Comentário enviado por waptec em 09/11/2007 - 17:27h

Cara show de bola!!!!!!! Sou iniciante no mundo linux, e recentemente instalei um FC4, com dois discos um SATA80G e outro de 160G Seria possivel apos esta instalação ainda utilizar este recurso de raid?

[8] Comentário enviado por braz em 02/10/2008 - 08:34h

Para o funcionamento correto do Raid é necessário que as partições tenham exatamente o mesmo tamanho.

[9] Comentário enviado por manchatnt em 17/06/2009 - 17:15h

Pergunta:
Como é possível fazer raid1 depois de instalado o sistema?
Imaginemos que o raid foi instalado como descrito no artigo e um dos Hds deu pau, já substituímos este defeituoso e precisamos restaurar o Raid e resincronizá-los.
Alguém poderia dar esta dica?

[10] Comentário enviado por braz em 28/09/2009 - 15:11h

manchatnt,

dê uma olhada no item 4 deste artio e no script que postei, creio que irá ajudar:
http://www.vivaolinux.com.br/scripts/verScript.php?codigo=1917
Lembrando que os discos devem ter o mesmo tamanho.

[11] Comentário enviado por lcarlos_ctba em 09/03/2010 - 10:30h

Bom dia Braz.


Gostaria de tirar uma dúvida. Meu Raid 1 está funcionando perfeito. Consiigo verificar o sincronismo no momento em que simulo uma falha e substituo o disco. Porém, quando desligo ou reinicio a máquina, surge um alerta de falha: Stoping Array MD1 - Failed (Busy). Mesmo com o erro, ele desliga e reinicia. Isso é normal? Outra coisa é quando ligamos novamente a máquina, durante as mensagens de inicialização, eis que surge um bendito Unable to find swap-space signature - failed. Porém, a máquina liga normalmente e podemos constatar que o raid está funcionando perfeitamente. O que pode estar acontecendo?


Muito obrigado

[12] Comentário enviado por amado2vezes em 25/05/2010 - 16:55h

Braz bom artigo.

Estou precisando fazer raid 1 do diretorio raiz (/) seguindo este tuto eu não cosegui, o raid é criado, as partições são criadas, mas o /dev/md0 não existe. Eu consigo fazer raid 1 de qualquer partição que não esteja em uso mas do raiz nunca.

Estou usando o Debian Lenny para isso vc pode me ajudar?

[13] Comentário enviado por bass2001 em 09/07/2010 - 14:05h

Braz,

quando dou o comando root(hd0,0), ele dah a msg: Filesystem type unknown, partition type 0xfd. Depois se der o comando setup (hd0), ele dah a msg: Error 17: Cannot mount selected particion

A mesma coisa acontece com o (hd1,0)

Sabe me dizer oq fazer?

[14] Comentário enviado por DanielVivan em 28/02/2012 - 16:57h

Desculpem o amadorismo, mas para fazer esse processo eu preciso formatar a máquina?


Contribuir com comentário