Questão de LPIC - Manipulação de dispositivos

Este artigo tem como objetivo orientar aos mais novos Pingüins (iniciantes em GNU/LINUX), de forma simples, como manipular e acessar seus dados em disquetes, discos de CD-ROM/DVD-ROM, discos rígidos, pendrives, dispositivos USB e partições DOS, NTFS e do próprio GNU/Linux. Alguns trechos deste artigo podem ser cobrados na prova da LPIC I.

[ Hits: 29.763 ]

Por: Arlindo Martins Corrêa em 30/01/2008 | Blog: http://aprendizagemlpi.blogspot.com/


Desvendando o diretório /dev



O FHS (Filesystem Hierarchy Standard) é uma padronização que garante a qualquer distribuição GNU/LINUX baseada nestes critérios a mesma hierarquia de diretórios, então nas principais distros do mercado você encontrara o diretório /dev, que é o responsável por armazenar os arquivos utilizados para acessar aos dispositivos do seu computador. Estes arquivos são nomeados de modo a facilitar a representação na hierarquia do diretório /dev. Ao listar os arquivos do diretório /dev podemos ter um pouco de dificuldade para identificá-los, porem, com um pouco mais de prática, a nomenclatura usada fará sentido.

Alguns dispositivos como o mouse por exemplo é possível ver a interação com o arquivo que o representa. Por exemplo:

Digite no shell de comando a seguinte linha abaixo:

Para mouse USB:

# cat /dev/input/mice

Para mouse PS/2:

# cat /dev/psaux

Após digitar a linha de comando e pressionar ENTER, movimente o mouse!

Você verá na tela informações ilegíveis para humanos mas, que representam dados que o sistema operacional GNU/LINUX usa para posicionar, movimentar e controlar a seta e os cliques do mouse. Após o teste pressione as teclas Ctrl C (mantenha a tecla Ctrl pressionada e pressione a letra C) para interromper a leitura do dispositivo.

Dica: Caso a tela do shell de comando usado para este teste fique ilegível, digite reset e pressione ENTER.

Outros testes podem ser realizados da mesma forma do exemplo acima, com os seguintes comandos:

Para saída no vídeo:

# cat /dev/ttyX -> (Onde "X" é o nº do console que será utilizado)

Para o disco rígido:

# cat /dev/hda -> (Para inspecionar o conteúdo do primeiro disco rígido IDE)

OBS: É muito importante entender como são manipulados os dispositivos, pois é necessário passar os parâmetros exatos para evitar erros na hora de montá-los.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. GNU/Linux - Hardware e dispositivos
   2. Desvendando o diretório /dev
   3. Dispositivos de armazenamento
   4. Acessando os dispositivos de armazenamento
   5. Conclusão
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Rodando o macOS com Docker, qemu, e KVM

GNU e Linux: amigos para sempre

Atualização das provas LPIC-1, 304 e Essentials

diff e patch - Um guia sem hora pra acabar

TDE no openSUSE

  
Comentários
[1] Comentário enviado por hiroyuki em 30/01/2008 - 15:36h

Boa Boa... gostei da materia..apesar de não ter lido na integra. Mas vale resaltar questão de lpi, ajuda no estudo =)

[2] Comentário enviado por manser em 30/01/2008 - 20:22h

Desculpem a franqueza, mas ao sujeito que pretende a certificação LPI-I e ainda não domina o assunto aqui abordado e melhor procurar outra coisa pra fazer. Digo isso pois esse é um assunto tão básico e facilmente encontrado na internet como no própio Guia Foca (excelente por sinal) que seria melhor colocar penas o link para o Guia e não chover no molhado. Não estou desmerecendo a sua intenção de ajudar aos iniciantes apenas acho que ficou redundante pelos motivos que apresentei.

[3] Comentário enviado por brunorns em 31/01/2008 - 10:15h

"manser"
Desculpa cara, mais vc foi um iniciantes um dia né? o que está fazendo no vol? parece que vc naum gosta de passar conhecimentos, pelo que vi na sua descrição vc só tem comentários e ainda vem da uma de expert, ninguem nasceu sabendo tudo.
ok?
antes de comentar lembre-se que existem pessoas que estão querendo dominar o assunto, e é iniciante como vc foi um dia...

Parabens Arlindo Martins
ficou muito bom

[4] Comentário enviado por maran em 02/02/2008 - 22:42h

Manser, simplesmente inutiu seu comentario...
O que fazemos aqui no VOL é exatamente isso, contribuir, talvez quando se cadastrou aqui, não entendeu muito o que a comunidade oferece...
Para você nem gasto palavras....

Seu artigo esta muito bom=, cobre com perfeição o que se propos a fazer...

Te Mais...

[5] Comentário enviado por cybershark em 05/11/2009 - 15:05h

Amigo o seu artigo foi de grande importancia para mim, mas não ficou clara uma coisa...

no diretorio de armazenamento de dispositivos o /dev:

Eu não entendi a diferença do tipo de armazenamento IDE entre:

/dev/hda =
/dev/hda1 =


Você poderia me explicar direito, por favor!


Obrigado!

[6] Comentário enviado por Buri em 28/12/2015 - 15:01h

/dev/hda=

/dev= diretório onde estão armazenados os dispositivos existente no sistema
hd= Identifica o tipo de disco. Se é Sata, IDE,CDrom, disket .....
a= A letra a, identifica o 1º disco rigido, se for letra b, será o segundo disco rigido e assim vai


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts