Prevenção e rastreamento de um ataque

Esse artigo é uma cartilha de segurança que deve ser seguida pelos administradores de sistemas. Nele abordaremos desde a concepção de um ataque, sua prevenção, detecção e rastreamento de um invasor, além de aprendermos também como recuperar arquivos excluídos do sistema.

[ Hits: 60.399 ]

Por: Perfil removido em 08/01/2004


Recuperando arquivos excluídos



É possível recuperar arquivos excluídos pelo comando rm do Linux, mas esta é uma técnica que envolve um grande conhecimento do sistema por quem vai executar.

Todos os arquivos no sistema UNIX são armazenados em locais físicos do disco, denominadas ' inodes '. Lá se encontram todas as informações sobre um arquivo no sistema, como última alteração e execução.

Outro ponto importante dos inodes é que lá constam o tamanho do arquivo e uma lista de blocos de dados. Quando um arquivo é excluído no sistema, o tamanho do arquivo e sua lista de blocos de dados são definidos para zero, mas os dados nos inodes não são excluídos.

Portanto, para recuperar um arquivo excluído, você precisará das informações contidas no inode para reconstruir a estrutura do arquivo. Para encontrar o inode de um arquivo utilize o comando ls:

# ls -i /etc/arquivo
55485 /etc/arquivo

55485 é o inode do arquivo. Para visualizar este arquivo você poderá utilizar um editor simples, como pico ou vi:

# vi /etc/arquivo

Agora é possível visualizar o arquivo pelo seu numero de inode, mesmo se ele for excluído. Uma ferramenta para executar esse procedimento é o icat, disponível no pacote TCT: Para executar o icat e visualizar um arquivo pelo inode, utilize o comando abaixo:

# icat /dev/hda1 55485

Você simplesmente visualizará o arquivo /etc/arquivo, mesmo se ele tiver sido excluído! :)

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Rastreando um ataque
   3. Descobrindo como o invasor entrou no seu sistema
   4. Recuperando arquivos excluídos
   5. Rastreando o provedor do invasor
Outros artigos deste autor

Passos essenciais para configurar um servidor de impressão dedicado no Linux

Variety - Instalação e configuração

Exportando e importando confs do Putty em Windows

A internet é inocente

Criando aplicação para detectar informações do sistema em Kylix

Leitura recomendada

Implementando a segurança em servicos de acesso remoto

Metasploit Community Edition - Instalation

Bootando CDROM com o grub / lilo

Mudança de hábito: autenticando usuários em base de dados MySQL

Bloqueio de repetidas tentativas de login ao seu Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por JuNiOx em 08/01/2004 - 02:48h

ae xpapas, muito legal seu artigo! primeiro de vários né? ;-)

mas.. melhor que teu artigo tá essa foto heim? hehehe

falowz

JuNiOx

[2] Comentário enviado por removido em 08/01/2004 - 05:01h

hehehe, fiquei bem na foto ne' ?
faze o que quem mandou eu ser lindo huauhahua
Valeu, que bom que gostou do artigo, espero que este seja o primeiro de vários :)

[3] Comentário enviado por malako em 08/01/2004 - 11:07h

muito louko esse artigo . parabens

[4] Comentário enviado por tudo03 em 11/01/2004 - 19:38h

legal mesmo.

[5] Comentário enviado por faiper em 11/01/2004 - 22:24h

FICOU MASSA =]

[6] Comentário enviado por removido em 14/01/2004 - 17:45h

Muito bom esse arquivo. Mais tenho um critica a fazer.

Vc fala de olhar os logs de sistemas pra indentificar se houve invasão ou para saber o que foi alterado (no caso da invasao).. Nao acho que isso seja possivel. Se eu fosse um hacker a primeira coisa que eu faria. seria limpar meus rastros. (logs).. E acho que a marioria deles fazem isso.

Valeu.. ate +



[7] Comentário enviado por removido em 17/01/2004 - 16:47h

hehe com certeza
como dizem " os verdadeiros hacker nunca são pegos"
pq sabem ocultar seus rastros, mas o que mais temos hoje em dia são Kids/defacers que o que sabem fazer é apenas copilar um exploit ( de terceiros) e executar, e nao se lembram ou talvez nem saibam como apagar os logs :)
Mas valeu pela critica, acima de critica que vamos nos aperfeicoando e acertando cada dia mais
Thanks :)

[8] Comentário enviado por y2h4ck em 18/05/2004 - 10:35h

"Entrar em contato com as autoridades locais de seu estado. Sim, literalmente, chame a polícia informando o sobre o caso e orientando - se sobre como você poderá proceder; Se o invasor for pego, ele poderá responder a processos"

Muito dificil isso ocorrer devido a inesperiencia da pessoa que manipula a maquina alvo. O alvo comprometido pode ter as infos de provas do crime facilmente anteradas e informações as vezes de suma importancia sao perdidas.

Se todo admin soubesse como preservar a maquina que foi comprometida de maneira correta a ter uma prova lícita aceita como prova em um tribunal ai sim ... caso contrario vc vai ter apenas um boletim de ocorrencia em suas mãos e nenhum resultado realmente interessante.

Regards.


[9] Comentário enviado por lacierdias em 26/05/2004 - 23:35h

mandou bem....

[10] Comentário enviado por Grillo em 31/05/2004 - 21:21h

Imagina a policia chegando na sua casa e voce falando que ele estao la por causa que seu pc foi invadido! ahuauhauuah
infelizmente o Brasil ainda nao tem essa maturidade

[11] Comentário enviado por removido em 01/06/2004 - 13:29h

Falaê galera, tenho recebi vários comentário sobre o fato, de que não irá adiantar nada a respeito de avisar as autoridades competentes no caso de invasão de sistemas, isto com certeza, nós não temos leis especificas em vigor, mas podemos enquadrar os "invasor" em outras leis já existente.
Um site muito bom, e util sobre o assunto é o http://www.modulo.com.br/ lá você irá encontrar várias maneiras de se portar durante uma invasão. Com certeza é um site que deve ser adicionado ao favoritos de qualquer administrador de sistemas.
Não estou discordando dos amigos, sobre que o Brasil ainda é muito imaturo no caso de crimes virtuais, apesar do Brasil liderar os TOP 10 de invasões em todo mundo ( veja site www.zone-h.com ) , não existem leis em vigor para punir o invasor, mas pode muito causar uma puta dor de cabeça, para o acusado!
[]'s
Rafael Lamana

[12] Comentário enviado por pereira.celso em 15/07/2004 - 12:34h

kra muito bom seu artigo.....do kralho!
foi mal o palavreado, mas eu tava procurando algo sobre segurança e achei oq eu keria saber!!

valeu mesmo!
t+

[13] Comentário enviado por Xxoin em 16/07/2004 - 00:09h

Muito bom seu artigo!
Que tal mandar uma Parte_II, tratando de IDS, etc...????????

[14] Comentário enviado por cherokee em 18/07/2004 - 20:54h

Very good!
Agora só me falta um artigo sobre IDS, SNORT-ACID!
Vc tem ai? Obrigado!!!

[15] Comentário enviado por tr3t4 em 30/10/2004 - 09:49h

e ai rafa...Teu artigo fico massa cara, bem completo e detalhado continue assim e que os próximos sejam ainda melhores ;)

e naum esqueça... Slackware na veia!!!

[16] Comentário enviado por removido em 07/02/2006 - 22:18h

Muito bom o artigo.
Correto para administradores que já tiveram seu sistema comprometido.
Parabéns!
Rafael Lamana

[17] Comentário enviado por thorking em 08/08/2006 - 00:25h

lol cara parabens cada vez admiro mais esse site! aprendo pacas!

bem detalhado!

exceto a parte de procurar as autoridades locais, eles nunca fazem nada mesmo!

[18] Comentário enviado por Tainan em 14/08/2007 - 22:03h

De parabéns! :)

[19] Comentário enviado por diogojp em 06/11/2008 - 21:36h

Ótimo artigo
Mas a realidade e,,,,,,,,,
Em 99,99% dos casos os administradores de servidores estão mais preocupados em restabelecer o sistema que o invasor fica esquecido.
Sem contar que em grande parte dos casos o administrador quer mais e ocultar a invasão. Evitando ter que dar maiores explicações sobre o fato.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts