OpenSolaris - Sistema Operacional Open Source

Este artigo aborda os princípios do sistema operacional OpenSolaris e tem como objetivo proporcionar uma compreensão dos conceitos básicos e das principais questões relativas a estrutura, forma de armazenamento, compartilhamento e gerenciamento do sistema operacional open source baseado no sistema Solaris da Sun MicroSystems.

[ Hits: 151.883 ]

Por: Vítor Hugo Straube em 26/01/2007


O OpenSolaris



O OpenSolaris é a versão open source do Solaris. Um Sistema Operacional baseado em UNIX desenvolvido pela Sun Microsystems. As primeiras versões do Solaris (baseadas no código do BSD) foram chamadas SunOS, tendo o seu nome alterado para Solaris 2 quando passou a ser baseado no Unix System V.

O OpenSolaris oferece os seguintes recursos avançados:
  • DTrace: análise e resolução de problemas de performance, em tempo real;
  • Solaris Containers: consolidação de aplicações em servidores de maior porte, através da criação de ambientes isolados e independentes;
  • Predictive Self Healing: capacidade de antecipar-se à ocorrência de falhas que possam causar paradas críticas, isolando-as e auto-recuperando-se;
  • Smarter Updating: atualizações automáticas e inteligentes através do Sun Update Connection;

1. Open Source; Do inglês para código aberto. Programas que tem o código fonte disponibilizado e acessível para qualquer pessoa.

Organização do Kernel

O kernel do OpenSolaris tem a responsabilidade de gerenciar o hardware e fornecer um ambiente de execução para os processos. Para isso ele opera, basicamente, duas camadas. A camada das aplicações de usuário e a camada de sistema (ou camada de kernel). A camada de sistema intermedia o acesso ao hardware, oferecendo para isto uma interface de programação conhecida como System Call. Os processos utilizam system calls para solicitar recursos e serviços ao kernel.

A instalação do kernel é feita de maneira modular, com um conjunto de funções compiladas na imagem do kernel e, adicionalmente, uma série de módulos que são carregados no kernel durante o boot ou durante a execução do sistema. Os módulos são divididos em sete categorias que compreendem: classes de agendadores, system calls, formatos executáveis, sistemas de arquivos, fluxos, barramento e drivers e dispositivos diversos. Como podemos observar abaixo na figura 1. Além da modularidade, o kernel do Solaris é multi-thread e completamente preemptivo(2) . Diversos serviços do kernel trabalham em threads independentes, com prioridades específicas, utilizando um sistema de bloqueios para proteger os recursos.

2. Preemptivo: do Português, o que tem capacidade de dar preferência.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. O OpenSolaris
   2. Acesso ao Kernel e processos
   3. Interrupções
   4. Traps e interface de system call
   5. Comunicação entre processos e memória compartilhada
   6. Semáforos e mensagens
   7. Solaris Doors
   8. Memória do Kernel e gerenciamento de memória
   9. Sistema de Arquivos - ZFS
   10. Segurança
   11. Por que usar o Solaris e não o Linux?
   12. Conclusões
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Sweave: Interface entre R e LaTex

Macromedia Studio 8 (Dreamweaver + Flash + Fireworks) no Debian usando o WINE

Desenvolvimento web no Linux

Construa sua própria URA (IVR) no seu Asterisk

mplayer 1.0pre1 :: Instalando e configurando

  
Comentários
[1] Comentário enviado por thelinux em 26/01/2007 - 22:21h

Excelente artigo.

[2] Comentário enviado por thelinux em 26/01/2007 - 22:22h

No site da SUN é possível solicitar o CD/DVD totalmente de graça.

[3] Comentário enviado por unixgeek em 27/01/2007 - 02:05h

Parabéns pelo artigo.

Algum tempo atrás dei uma olhada em um livecd do opensolaris, o schillix, http://schillix.berlios.de/ via vmplayer.

Enfim, parabéns.

[4] Comentário enviado por timm em 28/01/2007 - 00:27h

Sou usuário Solaris e gosto muito do sistema, pena que é pesado pra caramba em x86.

[5] Comentário enviado por removido em 28/01/2007 - 12:06h

Excelente artigo!
Cobre extensa parte do funcionamento interno do sistema!

Parabéns Vitor! ;)

[6] Comentário enviado por ashmsx em 24/07/2009 - 18:55h

Esse é realmente um artigo de qualidade, está de parabéns. Já li artigo de sites muito mais famosos que o autor só escreveu "o gnome está muito bonito" e compara porcamente com o linux "não funciona o lspci, então é ruim". enfim, parabéns novamente

[7] Comentário enviado por Marcos Santos em 16/11/2009 - 19:53h

Oi, baixei o Opensolaris esta semana e estarei usando suas instruções para começar a entender o sistema, é tudo muito novo pra min, sou usuário Linux e gostaria de conhecer o Solaris e se você puder me indicar algo pra iniciantes eu agradeceria.
Grato,
Marcos João
Botucatu - SP
visite: www.watchtower.org

[8] Comentário enviado por andrezc em 28/08/2010 - 18:07h

Caramba! Seu artigo está demais. Realmente muito completo, digno de um profissional.

Parabéns, já está em meus favoritos.


Contribuir com comentário