Microsoft anuncia em sites Linux

A nova estratégia da Microsoft na briga contra o Linux é colocar anúncios justamente nos sites especializados em Linux. Neste artigo discuto quais benefícios e prejuízos essa estratégia pode trazer ao software livre.

[ Hits: 13.601 ]

Por: Marco Antonio Abreu em 06/04/2004


Introdução



A nova estratégia da Microsoft na briga contra o Linux é colocar anúncios justamente nos sites especializados em Linux.

A Microsoft está colocando ou tentando colocar anúncios em todos (ou pelo menos nos principais) sites que tratam de Linux, software livre ou afins. Os anúncios vão desde pura propaganda dos produtos até os famosos "estudos de casos" onde ela tenta mostrar que o Windows é melhor, mais barato, mais seguro ou mais rápido que o Linux.

Essa atitude é ao mesmo tempo esperta e desesperada. Sua preocupação com o avanço do Linux deve estar em níveis realmente alarmantes para ela ter que fazer coisas como essas. Ao mesmo tempo que ela é esperta o bastante para utilizar a arma do inimigo contra ele mesmo, pois quanto mais pessoas entrarem nos sites de Linux, mais pessoas verão propagandas da MS.

Eu tive a oportunidade de encontrar alguns sites onde há propaganda da MS bem no meio de matérias sobre Linux. Entre eles estão os sites Linux Planet (www.linuxplanet.com) e Tom's Hardware (www.tomshardware.com). No caso do Tom's Hardware, o anúncio foi colocado numa matéria que fala como migrar do Windows para Linux e no caso do LinuxPlanet numa matéria falando do objetivo da Sun de criar um Linux 3D.

Gostaria de deixar aqui minha decepção com os proprietários e administradores dos referidos sites e dos demais que aceitam tais anúncios. Principalmente onde são colocados. Eu sei que todos precisam de dinheiro para sobreviver, mas existem diversas alternativas para se arrecadar dinheiro.

Claro que cada caso é um caso, não existe uma fórmula única e milagrosa, mas sempre existe mais de uma possibilidade de se levantar dinheiro. Isso vais desde a venda de produtos até conseguir patrocinadores ou investir em prestação de serviços. O que não se pode fazer é esperar que alguém bata à sua porta e diga: "Eu quero anunciar no seu site!". Lembrem-se do ditado que diz que "quando a esmola é demais o santo desconfia".

O que a MS está tentando fazer é, como já mencionei, usar nossa arma contra nós mesmos. Cada vez que uma pessoa procurar informações sobre Linux, software livre ou um produto relacionado essa pessoa vai encontrar também um anúncio da MS dizendo que os produtos dela são melhores. E não pensem que ninguém liga ou que não vai fazer diferença. Claro que faz, claro que as pessoas sofrem influência. Quem nunca pediu ou viu alguém pedir uma Coca-Cola tentando se referir simplesmente a um refrigerante; ou na dúvida não acabou almoçando no McDonand's? É isso que a MS está tentado embutir na cabeça das pessoas não esclarecidas: "Na dúvida fique com a MS".

Mais uma vez que coloco aqui minha decepção com os administradores e proprietários dos sites especializados que permitem que tais anúncios sejam publicados. Espero que eles consigam ver que estão dando um tiro no próprio pé. Se você fosse o dono da Ambev (Brahma/Antartica), tomaria Kaiser ou Nova Skin? Se você fosse o o Dono do Habib's ou do Bob's almoçaria no McDonand's?

Qualquer ganho que venhamos a ter será apenas temporário. Não vamos pensar no hoje e sim no amanhã. Garanto que se algum site onde ela anuncia hoje estiver prestes a fechar as portas ela não vai colocar nem um centavo sequer para salvá-lo.

Então, não vamos continuar nessa trajetória que só vai nos levar para baixo a médio e longo prazo. Vamos ser mais espertos e maldosos, pois a MS utiliza-se de todas as armas possíveis e não tem a menor piedade de nenhum de nós. Lembrem-se que o que eles mais querem é o fim do Linux e dos softwares livres.

Espero ter conseguido alertar os colegas para o plano maquiavélico que está em andamento e vamos proteger o que é nosso.

Abraços a todos.

   

Páginas do artigo
   1. Introdução
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

A Internet torna as pessoas inteligentes?

Repensando o PID 1 - Lennart Poettering

Alexa e o ranking dos principais sites Linux da comunidade brasileira

Análise de projetos de instituições públicas que adotaram o uso do Software Livre e suas vantagens

Migrar de Windows XP para Ubuntu

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fabio em 06/04/2004 - 19:48h

Bom, concordo plenamente com o conceito abordado no artigo, mas essa atitude da Microsoft pode ser uma faca de dois gumes não acham?

Pensem comigo, a M$ investe 200 mil Reais numa campanha de 6 meses num mega site de Linux, consequentemente (vendo pelo lado bom da coisa):
* ela está patrocinando um projeto Linux, porque com certeza o site terá um ganho de qualidade visto que teremos dinheiro investido nele.
* ele estará alimentando a antipatia e ódio que muitos tem por ela por mais uma vez estar tentando se impôr usando métodos monopolistas, onde a força do dinheiro fala mais alto.
* para quem sabe ler, pingo é acento. Qualquer um com bom senso perceberá que essa atitude reflete no desespero e preocupação da empresa com relação ao software livre e não levará a sério este marketing.
* se nós, usuários de Linux, ignorarmos sua campanha, estaremos fazendo ela de palhaça, pois ela estará gastando dinheiro e nós fazendo piada de seus estudos comprados.

E agora?
Com 200 mil tenho certeza que a galera do Viva o Linux tornava esse site num dos maiores sites de auto-ajuda do mundo :)

Está aberta a votação. hehehe

[2] Comentário enviado por fabio em 06/04/2004 - 19:52h

Completando... daí botando na balança a quantidade de gente que faria adesão às soluções proprietários a partir dos banners anunciados com a quantidade de novos usuários Linux que seriam angariados por consequência da melhoria de qualidade do site, quem vocês acham que sairia ganhando?

[]'s

[3] Comentário enviado por willianrp em 06/04/2004 - 22:59h

Não apenas em sites, como em revistas também, sou assinante da PC Master, e ja é a terceira edição que vem com a propaganda do 7 Eleven, dizendo que em relação a custo beneficio, o Windows server system é uma opção melhor que o Linux, achei uma coisa meio estranha, pois a PC Master é uma revista que abrange em seu conteudo quase 99% sobre Linux....mas... fazer o que né. Pode ser mais barato, mas, mais seguro que linux???

[4] Comentário enviado por davi182 em 06/04/2004 - 23:31h

Fala Marco,

na teoria eu concordo em grau, número e gênero com você. No entanto, você deve perceber que não dá pra comparar o dono/mantenedor de um site de Linux, que geralmente trabalha nas horas vagas, com o dono de uma Ambev da vida. :)

Imagine você receber uma proposta de anúncio em torno de 30, 40 mil. Ganhar dinheiro sem ter que fazer nada, apenas "queimando" um pouco o nome do site na comunidade. Porém, passados alguns meses, ninguém mais vai lembrar disso e, provavelmente, o site vai voltar a ser o que era. E o dinheiro continua na conta do dono.

E, como o Fabio falou, o dinheiro pode ser usado em melhorias no próprio site (contratação de jornalistas, por exemplo; melhorias na tecnologia; ou até mesmo pra anunciar o site em outros sites maiores).

Enfim, é um assunto polêmico, mas acho que só quem é webmaster de um site sabe quanto é dificil administrar tudo e poucas vezes ter retorno financeiro. Anuncios caros como esses da Microsoft não caem do céu toda hora.

[5] Comentário enviado por jose_maria em 06/04/2004 - 23:47h

O plano A da MS falhou.
Aliás o plano B, C, D, E e F também.
O plano F para mim foi, a partir da SCO tentar a bizarra campanha de processar os usuários do linux. Entre nós, é muita palhaçada, não?
Palhaçada é uma suavização.
Querer limitar a minha liberdade individual de escolher o Sistema Operacional que eu quiser, limitar o meu processo de aprendizagem, o meu crescimento enquanto ser humono. Querer que eu pare de aprender a partir dos códigos fonte que eu leio. Isso é uma ofença que não tem perdão, durante anos da minha vida eu um fui réfem da MS sem saber. Sempre fuçando muito mas nunca achando nada, num sistema fechado que limita o meu aprendizado.

Esta estratégia agora, de dizer que uma licença de 1000 reais é menor do que 0 reais. Qualquer simio, com noções básicas de lógica matemática, é capaz de perceber esta fraude.

Este plano vai falhar sem dúvida. A dúvida é: qual será o próximo passo nessa história lenta da decadência da MS?
Eu acho que, num futuro não muito distance as pessoas terão abandonado aquele outro so e a MS também, ficando apenas dizendo que suas aplicações for linux são melhores que as aplicações open-source.

[6] Comentário enviado por naoexistemais em 07/04/2004 - 03:57h

Senhores,

Concordo com a opnião do Fábio, agora uma coisa que foi abordada no artigo que não acontece. Os patrocinios ou investidores não querem ajudar exemplo no caso da UNDERLINUX, recusou a proposta da Microsoft e tiveram uma ética fantástica. Mas agora eles precisam de um servidor novo, até agora ninguém tomou iniciativa em ajudar que muitos que acessam o site são SYSADMIN e normalmente entra no site a procura de ajuda.

Imagina 7 mil usuários e cada um doar R$ 5,00 será que não ajudaria e claro isso seria mais do que fantástico.

Parabens pelo Artigo,

Obs.: Pessoal garanto que muito ja acessaram a Underlinux então vamos ajuda-los, que os mesmo já ajudou muito.

William da Rocha Lima

[7] Comentário enviado por y2h4ck em 07/04/2004 - 10:20h

Concordo com o William.

Olha ... eu ainda diria mais ... pensem comigo ... quantas pessoas ja na nao ganharam $$ com ajuda da underlinux. Por exemplo fulano precisava implementar tal sistema e nao sabia como ... e por meio da underlinux teve sua duvida sanada ... gratuitamente e de total boa vontade ... e conseguiu arrancar um $$ com esse servico ?

Creio que se todo mundo colaborasse com um pouquinho ... nem que fosse 1 real de cada um ... tudo seria mais facil.

Porem ... a etica acaba onde o bolso começa nao eh assim ?

Bom abraços a todos ... e que a força do software livre nao seja abalada assim ... e que a comunidade se junte para fazer o linux se impor !!

[8] Comentário enviado por y2h4ck em 07/04/2004 - 10:23h

Concordo com o William.

Olha ... eu ainda diria mais ... pensem comigo ... quantas pessoas ja na nao ganharam $$ com ajuda da underlinux. Por exemplo fulano precisava implementar tal sistema e nao sabia como ... e por meio da underlinux teve sua duvida sanada ... gratuitamente e de total boa vontade ... e conseguiu arrancar um $$ com esse servico ?

Creio que se todo mundo colaborasse com um pouquinho ... nem que fosse 1 real de cada um ... tudo seria mais facil.

Porem ... a etica acaba onde o bolso começa nao eh assim ?

Bom abraços a todos ... e que a força do software livre nao seja abalada assim ... e que a comunidade se junte para fazer o linux se impor !!

[9] Comentário enviado por y2h4ck em 07/04/2004 - 10:23h

Concordo com o William.

Olha ... eu ainda diria mais ... pensem comigo ... quantas pessoas ja na nao ganharam $$ com ajuda da underlinux. Por exemplo fulano precisava implementar tal sistema e nao sabia como ... e por meio da underlinux teve sua duvida sanada ... gratuitamente e de total boa vontade ... e conseguiu arrancar um $$ com esse servico ?

Creio que se todo mundo colaborasse com um pouquinho ... nem que fosse 1 real de cada um ... tudo seria mais facil.

Porem ... a etica acaba onde o bolso começa nao eh assim ?

Bom abraços a todos ... e que a força do software livre nao seja abalada assim ... e que a comunidade se junte para fazer o linux se impor !!

[10] Comentário enviado por jeffestanislau em 07/04/2004 - 10:46h

Amigos

Por mais que não queiramos ver anuncios ou até para alguns que não querem ouvir falar da M$, devemos lembrar que estamos envolvidos em um comércio... um website faz parte deste comércio, mesmo o VOL que é totalmente voltado a comunidade, faz parte de um comércio de idéias, onde seus membros anunciam seu produto (artigos) e outros avaliam fazendo testes e dando comentários, e alguns compram a idéia instalando a aplicação em suas máquinas...

Mas o que faz esta idéia ser comprada...? É justamente a comparação com outras idéias, que é na verdade o que estimula o comércio. Pois você só vai saber se um produto é bom mesmo, se conseguir compará-lo com outros produtos semelhantes....

Trocando as bolas... hoje nós utilziamos o linux, porque sabemos que ele é superior ao seu rival... neste sentido, quanto mais informações que a M$ colocar no mercado falando que eles são superiores, e estas informações forem sendo derrubadas pela realidade que é o nosso sistema, eles mesmos estarão decletando o seu próprio funeral....

É claro que um usuário mais leigo pode ser confundido em um primeiro momento, mas a repercussão negativa que a M$ irá causar a ela mesma, sendo por causa de informações não válidas, ou pelo seu empenho de suplemacia monopolítica, (que realmente funcionou no passado, mas que hoje as legislações mundiais e os próprios usuário já estão acostumados a identificar... ) vai acabar jogando eles mesmos na vala!!!

Um outro ponto que temos que pensar em termos do comércio, é que ele funciona por causa de recursos, e um investimento é algo que não pode ser desprezado...

Foi citado um exemplo sobre empresas de cerveja... o que elas mais fazem é vender seu produto fazendo comparações com outros... por mais que eles não digam o nome de seu rival em suas propagandas, implicitamente, todos que assistem sabem a quem eles se referem... o jogo é esse e ninguém irá conseguir mudar isso!!!

Quem se submeter a dar espaço para propaganda da M$, conseguirá recursos para também poder fazer sua promoção... ganha mais quem tem o melhor produto, e neste caso, alguém aí tem dúvidas?


Por fim:
Parabéns pelo seu artigo!!!
Dou sempre apoio a artigos que promovem a discussão de idéias!!!

Jefferson Estanislau da Silva

[11] Comentário enviado por macroney em 07/04/2004 - 11:58h

"É melhor morrer em pé , do que viver ajoelhado"

[12] Comentário enviado por macroney em 07/04/2004 - 12:04h

"É melhor morrer em pé , do que viver ajoelhado"

[13] Comentário enviado por spyhunt3r em 07/04/2004 - 17:55h

A MicroMerda galera... ta preocupada soh isso... o Linux ta crescendo a vai continuar.. pq o melhor prevalece :)

[14] Comentário enviado por gustavo_marcon em 07/04/2004 - 20:22h

Acho que o tipo de propaganda que estava proposta ao under linux era um abuso estampado. Ela estava rebaixando o linux, na sua própria casa, então acho que o dinheiro é bom pro site, mas não podemos nos render totalmente a isso, a atitude da under linux foi correta, caso o anuncio estive somente falando sobre o windows mas não fazendo comparaçao com o linux era outra história....

Mas nesse caso o preço deve ser nós quem fazemos, não podemos nos render a qualquer tostão furado que a M$ oferecer, temos que "fincar a faca " e esperar a resposta.

Afinal, se estamos somente atráz de dinheiro, o que acham de criarmos uma comunidade sobre o M$ Window$? Pois é este o espirito deles.

No caso das propagandas de cerveja tbm é assim, eles fazem mas não citam o nome, e em outra oportunidade, retrucam mostrando o outro lado da moeda.

[15] Comentário enviado por zero em 08/04/2004 - 09:18h

Com certeza essa atitude tem a cara do Gate$... já q contra o linux não tem como fazer igual ao que eles fizeram com a commodore ou com o netscape, eles apelaram para esse tipo de anuncio...

Comprei a pcmaster em fevereiro, e lah tava o anuncio da seven eleven dizendo q o windows e melhor, mais barato e mais seguro q linux...

As atitudes da microsoft realmente demonstram seu medo em ralação ao linux... isso começou com o win2003 server... tentaram colocar na marra um sistema para competir com linux... jah q todas as grandes empresas usam servidores linux... e agora com esses anuncios idiotas...

Eu tenho uma desconfiança muito séria q esse lance da sco x linux tem o dedo da M$ no meio... por exemplo, num mes a sco anuncia q vai vender as patentes do unix pra M$, um mes depois processa o mundo linux por um motivo idiota (Ter alguns arquivos com o mesmo nome...) esse tipo de processo tem a cara do gate$...

[16] Comentário enviado por jdos em 08/04/2004 - 11:01h

Essas comparações da Microsoft divulgando que no Windows que o custo é menor, é puro papo furado. São comparações ridículas. É como se houvessem dois carros: um pago e um gratuito. No pago, são colocados todos os accessórios que equipam o veículo, sendo que são colocados os itens mais baratos. Pega-se então o gratuito e coloca tudo que há de acessório mais caro que existe, incluindo a mão de obra e o que teremos? um carro gratuito mais caro do que um pago com peças das mais baratas. Resumindo, é uma comparação desonesta, na tentativa de desestabilizar o Linux. Todo profissional bem informado sabe que são informações erradas mostrando uma enorme porocupação com sistema do pinguim que tira o sono deles.

[17] Comentário enviado por fcc em 08/04/2004 - 16:31h

Isso nos mostra o quando a micro$oft está preocpuada, já que esta perdendo o mercado para o Linux... Quando os sites conseguirem lucrar com a micro$oft daremos um pe na bunda suja deles.

Fica ae o meu recado!

[18] Comentário enviado por Copyleft em 09/04/2004 - 19:53h

O pessoal da UnderLinux precisa de dinheiro pra equipamento ou pra comprar maconha e pinga?
Vejam la nas fotos do site deles, so tem cara com baseado na mão (são eles os administradores do mesmo?)
Quem dera a MS tivesse anunciado la, dae sim eu escreveria pra dizer pra MS que eles agora estão associando a imagem deles com fumetas, me diga com quem tu andas que eu ti direi quem es, como muitos ja escutaram este ditado.
As iamgens tão mais pra Red Ligth District do que pra um local que quer passara imagem de seriedade e trabalho, acho que não é certo querer envolver aspectos da vida privada em determiandos locais...sem noção aquilo, quem me dira que esta grana não queimara ate a ultima ponta?

[19] Comentário enviado por silderado em 10/04/2004 - 01:37h

Nossa!!
Esse negócio de Linux vs Microsoft subiu na cabeça de vcs.

[20] Comentário enviado por josir em 10/04/2004 - 16:15h

Olá pessoal, deixa eu deixar aqui os meus dois centavos:

1. Não acho que existe nada de errado em deixar MS fazer propaganda em site de Linux. O problema é quando, atrelado ao anúncio, ela impõe material para a editoria do site. Seria o equivalente ao Fábio receber os 200 mil e na semana seguinte falar muito sutilmente que o Linux tem um problema aqui, tem um problema ali. Aí sim está a falta de ética!! E o pior é que eu dou um exemplo prático: o site da CNET, www.searchlinux.com depois que começou a fazer propaganda da MS, começou a escrever uma série de artigos falando dos problemas do Samba... e não deram soluções que já estão divulgadas... estranho, não é ;)

2. Em relação a contribuição, todo o ano eu dou US$10 para o SourceForge pois eles me ajudam muito no desenvolvimento. Como várias pessoas estão fazendo o mesmo, hoje eles podem dar um serviço de qualidade para a comunidade.

Saudações a todos,
Josir

[21] Comentário enviado por Jbmartins em 06/11/2004 - 10:36h

Melhor ter cuidado por que eles não tem interesse em alimentar, sem interesse, talvez para o abate no natal. é puro desespero, uma vez que o SL não tem dono ele não encontra um para se vender a ele, sempre terá a comunidade alguns se curvarão a dinheiro, mas não revolverá o problema que é o seu produto.

[22] Comentário enviado por removido em 29/04/2005 - 09:47h

Não vejo problema em o dono de um site sobre linux aceitar colocar um banner da MS. Falta de ética seria fechar o espaço evitando a comparação. E não me preocupo pelo crescimento do linux porque acredito que os usuários so site terão informções mais do que suficiente para constatar a crescente importância do linux. A comparação é saudável e se o dono do site enveredar-se pelo caminho da dissimulação em favor da MS logo a comunidade percebe e seu site perde espaço. Mas aí surgirão outros e outros até que o movimento so SL tenha consguido mudar o paradigma de distribução de software.

[23] Comentário enviado por pedro jose em 27/02/2007 - 20:01h

Ola amigos! lembro-me da decada de 80,quando o sistema era o Basic que tinha-mos um trabalho danado para criar nossos programas. tudo era livre e funcionava. Hoje o que predomina e o sistema quase fechado principalmente para os iniciantes. O linux e diferente tem os seus problemas, mas tem tambem muita gente querendo ajudar e isso e muito bom. Se todos colaborarem oLinux sera o sistema operacional do futuro. Por que o fututo pertencerá ao mundo livre.

[24] Comentário enviado por Teixeira em 15/04/2007 - 19:26h

Alô, Pedro José e amigos!
Eu também programei durante a década de 80 (na verdade fui apresentado ao primeiro computador computador em 1961, no Banco onde trabalhava).
Quero fazer uma pequena correção, com todo o respeito:
As coisas eram aparentemente livres, pois a cobrança pelo software não era ainda uma coisa organizada...
Meu primeiro computador de 8 bits foi um Apple II+ e cada um dos programas custava de 20 a 150 dólares.
Note-se que o dolar valia uma nota pretíssima!
Os produtos da Broderbund e da Beagle Bros. vinham com travas indescritíveis (para ELES), mas havia uma turminha por aqui que além de crackear ainda botou chapéus de cangaceiro na figura dos irmãos Beagle que costumava capear os programas.
Apenas, havia muitos "distribuidores" que cediam programas "a preços módicos" ou nossos próprios amigos que "gentilmente" nos forneciam cópias de todas as novidades.
Havia mais SOs para escolher, alguns até mesmo alternativos, bem funcionais e mais baratos, mas não livres!
Tanto quanto eu me lembre, programas livres eram somente aqueles que eram publicados como "dicas" nas revistas especializadas.
Para o Apple, por exemplo, tinha o seu SO nativo (fornecido em ROM) e mais uma adaptação do excelente CP/M (em disco), que viria mais tarde a inspirar integralmente o MS-DOS e o PC-DOS.
Para os micros baseados no processador Z80 da Zilog havia pelo menos quatro SOs diferentes, além do CP/M em sua versão original.
Mais uma informação: Naquele tempo, DOS significava literalmente "Disc Operation System", já que até então os computadores não dispunham de periféricos para armezenagem de dados. HD nem pensar.
E uma curiosidade: Naquela época, programava-se maciçamente em PASCAL nos demais países, enquanto no Brasil a preferência sempre foram os dialetos do BASIC.
E pelo jeito, a MS (naquela época se chamava Micro-Soft) era, sempre foi e parece que sempre será uma fervorosa defensora do basic.
O Pascal "mais legal" era o USDC da University of San Diego.
[]'s Teixeira



[25] Comentário enviado por brunoalvesw em 09/12/2009 - 16:06h

steve balmer deu um tiro no proprio pé.
ele esta,indiretamente,patrocinando as distribuições linux dos sites.

[26] Comentário enviado por c4rl0slinux em 21/02/2010 - 13:19h

Ola Pessoal,
Sou novo mas achei interessante a Discução, M$ safada.Tomando atitude espertas(Desesperadas).
Para melhorar o clima ai que tal essa:
...............................................................
Sabe qual a diferença entre o Batman e a M$?tempo...tic...tac...acabou.
É que o Batman consegue acabar com o Penguiiiiinnn.kkkkkkkkkkkkk.
Que tal outra?!
................................................................
A M$ contribui para o Aquecimento Global!Sabe Porque.
É para derreter as geleiras com os penguiiinnnnsss em cima.(Só pode querer que eles moram afogados).Essa é Boa.

Valews gente.Muito bom o Artigo.
Se unirmos as nossas forças não tem que nos Derrube.Com um único Homem(Linus Torvalds) começou; e se depender de pelo menos de mim e acredito que de vcs também isso não terá Fim.

Abraços ;-).att. C4rl0slinux


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts