Instalando Slackware 11.0 em um pendrive

Vi vários artigos de como instalar Linux em um pendrive, mas eu queria instalar o Slackware que eu uso, utilizando o pendrive como se fosse um HD normal. Depois de alguns dias em tutoriais e artigos e os manpages da vida eu consegui, e resolvi compartilhar o que aprendi através deste artigo na esperança que usuários de outras distribuições possam adaptar a idéia para fazer o mesmo com suas distros.

[ Hits: 53.997 ]

Por: Arnaldo Luiz Estevao em 13/03/2007


A necessidade



Estou trabalhando num protótipo para colocar um computador dentro de ônibus urbano, com a finalidade de fazer monitoramento de imagens no interior dos mesmos. Necessitava portanto de um computador barato e que pudesse ser móvel. Uma empresa lançou no mercado um computador de baixo custo com uma case realmente muito pequeno, mas a limitação do HD mecânico permanece, em um ônibus nenhum tipo de HD sobrevive muito tempo, nem mesmo os de notebook, e os CDs ficam pulando, além do que, eu preciso armazenar imagens.

A solução foi utilizar pendrives. Como moro perto da fronteira com o Paraguay, consigo comprar pendrive 4GB por apenas $45,00 o que é mais que suficiente para armazenar um dia de filmagem no interior de um ônibus equipado com 4 câmeras, mas a grande dificuldade foi colocar o Linux no pendrive, diversos artigos ensinam como fazer isso, mas o problema era na hora de compilar os drivers para a placa de vídeo e os softwares de captura, primeiro por usar uma distro diferente da minha habitual, segundo pela falta de espaço, porque a maioria destas distros apenas se copiam na memória, não utilizando o espaço do pendrive como espaço disponível.

Como a maioria destras distros vem otimizada para trabalhar com pouco espaço, isto representou um problema na hora de instalar o binutils, kernel-source, kernel-headers e etc. Depois de uma semana sobre artigos e manpages, consegui finalmente instalar o Slackware 11.0 no pendrive e resolvi compartilhar o que aprendi.

Requisitos

  • Conhecimentos médios de Linux e da distribuição Slackware;
  • Saber instalar o Slackware;
  • Saber gravar a ISO;
  • Saber particionar usando o fdisk.

Material

1. ISO do Slackware 11.0
ftp://ftp.slackware-brasil.com.br/slackware-11.0-iso/slackware-11.0-install-d1.iso

2. Kernel 2.6.18
ftp://ftp.slackware-brasil.com.br/.../linux-2.6.18/kernel-generic-2.6.18-i486-1.tgz
ftp://ftp.slackware-brasil.com.br/.../linux-2.6.18/kernel-modules-2.6.18-i486-1.tgz

3. Pendrive de no mínimo 512MB

4. Computador com suporte a boot pela USB.

ATENÇÃO! Vamos propor um sistema com um HD tipo IDE, se o seu computador possui dispositivos SCSI ou serial ATA, você vai precisar alterar todos os sda para sd(letra do seu pendrive).

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. A necessidade
   2. Mãos a obra
Outros artigos deste autor

Autenticação mútua SSL em servidores de NF-e e CT-e

Phperl, minha gambiarra para usar Perl como se fosse PHP

XML de NF-e ou CT-e ou MDF-e - Como validar usando os pacotes de esquemas do Governo

Impressão remota via WEB

Leitura recomendada

CRON e CRONTAB: um pouco de teoria, uso e exemplos

Configurando o CACIC (parte 2)

50 toques antes de instalar o Slackware 14.1

Configurando Ubuntu Linux 8.04 para autenticar no LDAP

Habilitando e configurando Raid 1 (espelhamento) no Slackware 12

  
Comentários
[1] Comentário enviado por lord_roxton em 13/03/2007 - 05:57h

Aí Pastor. coisa fina esta dica! Tenho certeza que será de muita utilidade para várias pessoas! Inclusive pra mim!

[2] Comentário enviado por dtux em 13/03/2007 - 07:21h

NOssa q maravilha cara, estava procurando justamente issso!!!!! 10

[3] Comentário enviado por roanfranklin em 13/03/2007 - 08:09h

é shoooooooow.... Parabéns...

[4] Comentário enviado por jmucelli em 13/03/2007 - 08:38h

putz... sem comentarios... ja achei o que fazer fim de semana !!! kkk :D

muito bom.. parabéns

[5] Comentário enviado por shadowfox em 13/03/2007 - 10:34h

Massa... Mas você não poderia tentar fazer esta configuração rodar dentro do windows? Facilitaria para quem quer aprender o uso do sistema.

[6] Comentário enviado por streetlinux em 13/03/2007 - 11:14h

Bom artigo. Simples e direto. Parabéns.

Street`

[7] Comentário enviado por andretyn em 13/03/2007 - 12:34h

Bom artigo:)
Só mais uma coisa, dá para instalar em um mp3player genérico? Se der, vai "estragar", isto é, o mp3player vai deixar de tocar???

Sem mais, um abraço

[8] Comentário enviado por supradados em 13/03/2007 - 14:01h

Para rodar o Linux instalado no pen drive a partir do windows, acesse http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=6203.

[9] Comentário enviado por antonioclj em 13/03/2007 - 14:12h

Parabéns. Muito bom o artigo. Gostaria de saber qual equipamento você usa para gravar as imagens, câmeras e dvr? Outra coisa já imaginou se inventassem um sistema de arquivo que comprimisse os dados a serem gravados? Hauhauhau o pior, aliás, o melhor é que já existe usam ele no OLPC. Chama-se JFFS2. Bom agora acho que 4 GB podem até chegar a uns 6 GB já imaginou? Será que perderia no desempenho? Porque vc não testa ai ? e faz outro artigo informado o que era antes e o que mudou usando o tal JFFS2? Fico no aguardo dos equipamentos. Valeu, um grande abraço.

[10] Comentário enviado por leonardovsouza em 13/03/2007 - 18:29h

mto legal sua dica cara... vc foi bastante criativo, o q ajudou mto na conclusão do seu objetivo

[11] Comentário enviado por arnaldoestevao em 13/03/2007 - 19:43h

Na realidade, neste momento estou sobre tutoriais e man pages da vida sobre monitoramento de imagens em Linux, ja descobri que o software principal é o Zoneminder e que as placas de captura precisam ser baseadas no chipset BrookTree (bttv), quando tiver a solução completa e funcionando sem dúvida nenhuma irei dividir com a comunidade na forma de outro artigo, quanto ao Windows eu não sei como ajudar porque a última vez que usei Windows foi em 1998, alem do que eu sou windowsfóbico. As outras demais sugestões estão sendo anotadas, obrigado.


[12] Comentário enviado por lanrel em 13/03/2007 - 21:26h

São pessoas como você q merecem parabens..., seu artigo é 10!!!... Valeu...

[13] Comentário enviado por GilsonDeElt em 13/03/2007 - 21:50h

Do doido!
Parabéns! Muito boa essa idéia

[14] Comentário enviado por Iron Fist em 13/03/2007 - 22:21h

Muito bom. Legal essa idéia.

[15] Comentário enviado por bggo em 13/03/2007 - 23:28h

Show de bola cara!!!! Otimo para quem ama slack !!
Fiz uma matéria sobre linux no pen + QEMU da uma olhadinha http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=6203
Valeww

[16] Comentário enviado por komodo em 14/03/2007 - 08:30h

Showw..

Um bom divertimento para o fim de semana...

[]'s

Silésio Gabriel

[17] Comentário enviado por maurosao em 14/03/2007 - 09:44h

legal cara paragens....
vc podia compartilha com a gente o nome da empresa com esse computador de baixo custo
fiquei curioso ...
um abraço...

[18] Comentário enviado por epgielow em 14/03/2007 - 10:10h

Otima solucao de bolso! :D
parabens!

[19] Comentário enviado por arnaldoestevao em 14/03/2007 - 13:38h

A empresa que eu me referia é positivo.com com seu desktop futura mas ja descobri algo melhor ainda pra funcionar com o pendrive
http://www.linutop.com

[20] Comentário enviado por IceWasp em 18/03/2007 - 10:39h

Meus parabéns amigo! Artigo nota 10 ;)

[21] Comentário enviado por capitainkurn em 19/03/2007 - 11:50h

Grande artigo!
Como sempre mais uma prova de que o limite do nosso GNU/Linux é a nossa criatividade! Excepcional trabalho!

Mas completando com uma sugestão existem adaptadores IDE/compact flash, que facilitam e muito o trabalho, eu mesmo os uso em APs baseados em PCs e Slackware e são mais ou menos o preço dos pen drives aí no Paraguay.

[22] Comentário enviado por rbn_jesus em 23/03/2007 - 17:02h

Estou com um problema em LVM, creio que vc possa me ajudar...
tenho uma configuração lvm em apenas 1 dispositivo, da seguinte forma:
xda1 - /boot - ext3
xda2 - lvm (lvm1 - / - ext3; lvm2 - swap)

como recupero as informações da 1ª partição do lvm neste despositivo?

[23] Comentário enviado por arnaldoestevao em 25/03/2007 - 02:12h

Eu ainda não tive a oportunidade de trabalhar com volumes lógicos no Linux Jesus, desculpe

[24] Comentário enviado por phelipe em 02/04/2007 - 20:23h

Arnaldo Luiz Estevao,

De acordo com este artigo e algumas modificações eu consegui fazer uma instalação completa do slackware 11 com Kernel 2.6.17.13 em um hd externo de 80 GB e ta tudo 100% e por sinal estou nele agora... vlw mesmo por este excelente artigo.

[25] Comentário enviado por portugars em 18/05/2007 - 16:41h

Linux numa PEN USB 256Mb em 5 min, via Windows ....

Show de bola. Dêm uma Olhada em:

http://www.pplware.com/?p=4966

[26] Comentário enviado por bencid em 22/05/2007 - 22:51h

Eh um bom artigo... eh 10....

Abracos

[27] Comentário enviado por g0han em 20/06/2007 - 13:01h

arnaldoestevao,

Utilizei seu tutorial para tentar instalar o slackware 11.0 em um pendrive de 2.0GB.

Só que não obtive sucesso. Ao iniciar o boot pelo USB. Ele nao carrega nada, só aparece essa msg:

é{

Mecho com o slackware a algum tempinho, e achei estranho algumas linhas.. como por exemplo, voce usa o 'mkinitrd' no /boot do slack que esta no HD, correto?

o certo nao seria no /boot do pen? ('/dev/sda2/boot')

Bom, se puder me dar uma orientaçãozinha, eu agradeço desde já!

g0han, fernando [at] linuxold [dot] net

[28] Comentário enviado por pcnmota em 14/07/2007 - 23:59h

Boa Noite amigos, tentei instalar o slackware no pen, mas nem consegui porque quando instalo o slack12 no hd e reinicio pelo cd como indicado, ele nao acha nada nem eh /dev/sda /dev/sdb e etc. Segui um outro tutorial e consegui instalar o slax no pen dboa, so que ele nao salva nada que altero, sendo assim gostaria de deixar o slackware 12 mesmo no pen.
Obrigado e bom artigo!

[29] Comentário enviado por jnnneves em 20/08/2007 - 16:40h

Muito bom artigo, parabéns!!! Queria saber se consegue me mandar a imagem de 64 MB. Outra coisa, estou querendo fazer isso que vc menciona no artigo, mas instalando no flash card (thin client), o thin enxerga o CF (flash card) como um HD normal. Tem alguma boa dica? Jair (jair.neves@diadema.sp.gov.br)

[30] Comentário enviado por guiguix em 10/05/2008 - 09:54h

Parabéns pelo artigo, mas tenho uma dúvida: para eu rodar só Apache + PHP + MySQL, quais pacotes e/ou bibliotecas são essenciais (além destes que eu mencionei) ?

[31] Comentário enviado por masterboyx em 29/05/2009 - 20:38h

Boa noite, caso precise de espaço para por sua imagem, pode falar comigo.

[32] Comentário enviado por cytron em 20/09/2009 - 00:55h

/dev/sda2/boot ???? kkk, acho meio difícil de gravar alguma coisa nesse path!

iiiiiiiii cara!!!

Alguém já escreveu um artigo desse, ficou igualzinho... tão igual que "ficou até parecendo cópia um do outro" kkkkk.

http://under-linux.org/wiki/Tutoriais/Linux/Slack-Pen-Drive

Só não encotrei a data pra saber qual saiu primeiro.

[33] Comentário enviado por arnaldoestevao em 20/09/2009 - 11:46h

Eu ja havia publicado este artigo no dicas-l em 01/03/2007 como voce pode ver pelo
link http://www.dicas-l.com.br/pdf/20070301.pdf alem disso acredito que por voce nao ter nada publicado no vivaolinux não saiba que eles checam antes pelo google para ver se o artigo não é clonado antes de postar, quanto as datas basta voce clicar na guia história do underlinux em cima do artigo que voce linkou para ver qual artigo é mais antigo , la foi publicado pela primeira vez em 16/03/2007 e alterado em 21/03/2007 sendo que aqui no VOL ele foi publicado em 13/03/2007


/dev/sda2/boot ???? kkk, acho meio difícil de gravar alguma coisa nesse path!

não é difícil, é o padrão para a arvore de boot do initrd justamente por estar relacionado com o processo de boot, mas voce pode fazer em outro diretório se preferir

[34] Comentário enviado por CerberusBH em 21/09/2010 - 15:45h

Tentei com Slackware 12, Slackware 13 e Slackware 13.1.

Infelizmente não obtive sucesso com nenhum dos três seguindo os passos deste tutorial.

Mas ainda não desisti.

Estou fazendo agora diferentes tentativas. Se eu conseguir, pretendo mostrar pra todos.

Abraços!

[35] Comentário enviado por jarlisson em 24/07/2012 - 12:31h

/\
Força!


Contribuir com comentário