Instalação e configuração do J2SE

Este artigo ensina a instalar e configurar o Java 2 Standard Edition (J2SE) no Linux. Todos os processos foram descritos minuciosamente, de forma a não deixar dúvidas para o leitor, inclusive na definição e alteração da variável de ambiente CLASSPATH para cada usuário do sistema.

[ Hits: 28.929 ]

Por: José Lopes em 14/05/2006 | Blog: https://lopes.id


Configuração geral do sistema



Antes de se iniciar a configuração, é importante verificar se o sistema já possui algum kit de desenvolvimento Java ou a própria máquina virtual Java configurada nele.

Para isso, deve-se listar o conteúdo do diretório /etc/profile.d e procurar por algum arquivo que possua em seu nome algo como "Sun", "Java" ou "jre". Em caso positivo, é necessário que seja tirada a permissão de execução deste(s) arquivo(s) para que que o sistema possua configurada apenas a versão do Java que está sendo instalada (este passo é muito importante, pois no caso de uma versão mais antiga do Java estar sendo utilizada pelo sistema, erros de execução podem ocorrer):

# chmod -x <arquivoConfiguracaoJavaExistente>

Dentro do diretório /etc/profile.d deve-se criar um novo arquivo texto, chamado java.sh. Dentro deste arquivo, o seguinte conteúdo deve ser inserido:

#!/bin/sh # Arquivo de configuração do Java Standard Edition v1.5
# Copiar este arquivo para /etc/profile.d/
# Dar permissão de execução a ele
# Autor: José Lopes de Oliveira Júnior
# Baseado em: http://www.netpedia.com.br/MostraTutorial.php?TutorID=92
# Data: 27/10/2005

# O local de instalação do java

JAVA_HOME="/usr/local/jdk1.5.0_04"

# O caminho do Java Runtime Environment
JRE_HOME="/usr/local/jdk1.5.0_04/jre"

# Ajustando o ClassPath
CLASSPATH="$JAVA_HOME:$JAVA_HOME/lib:$JRE_HOME/lib:."

# O caminho das paginas de manuais do Java
MANPATH="$MANPATH:$JAVA_HOME/man"

# O caminho da documentação do Java
JAVA_DOC="$JAVA_HOME/docs"

# Ajustando a variável PATH para poder
# chamar o Java de qualquer diretório
PATH="$PATH:$JAVA_HOME/bin:$JRE_HOME/bin"

# Tornando globais as variáveis aqui ajustadas
export JAVA_HOME JRE_HOME CLASSPATH MANPATH JAVA_DOC PATH

Terminado isso, deve-se salvar o arquivo e fechar o editor de textos. Agora deve-se dar permissão de execução ao arquivo criado:

# chmod 711 /etc/profile.d/java.sh

Isto termina a configuração geral do sistema. Assim, quando algum usuário se logar, já poderá utilizar o Java.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Baixando e instalando o J2SE
   3. Configuração geral do sistema
   4. Configuração personalizada para cada usuário
   5. Um, dois, três, testando...
Outros artigos deste autor

Usando temas aleatórios no GDM

Esquemas de particionamento e sistemas de arquivos

Permissões no Linux

Qual distribuição usar

Configurando o Fortune

Leitura recomendada

Instalando MRTG + rrdtool no Slackware 12.0

Pós-instalação do Ubuntu Gnome 13.04

Otimizando seu web server com Apache2 + Lighttpd

AntiX: um Sistema Operacional para computadores antigos

GoboLinux? Que distro é essa? (Parte 2 - Instalação)

  
Comentários
[1] Comentário enviado por PCMasterPB em 14/05/2006 - 16:17h

Ótimo artigo, de leitura fácil e compreensível. Creio que isto será de grande ajuda a muita gente. Nota 10. hehehe. Continue assim. Té mais. ;D

[2] Comentário enviado por allanhc em 15/05/2006 - 09:34h

Realmente excelente artigo, até animei de instalar. Parabéns

[3] Comentário enviado por cassiobrehm em 16/05/2006 - 20:51h

ótimo artigo, ia agora mesmo postar uma pergunta sobre o assunto, mas nao é mais necessário... hehe... nota 10

[4] Comentário enviado por forkd em 17/05/2006 - 00:58h

ERRATA.
Galera, é o seguinte, onde está descrito para dar permissão 711 para o arquivo de configuração do Java, entendam como 755. É necessário que todos os usuários possam ter acesso de leitura ao arquivo, pois o mesmo é chamado pelo arquivo /etc/profile.
Desculpem pelo transtorno e obrigado pelos elogios!
;)

[5] Comentário enviado por Mr_Barreto em 17/05/2006 - 11:02h

Excelente artigo, já tinha pesquisado isso antes, e o que eu encontrava as vezes parecia muito vago para um newbie como eu...rss

Valeu


Contribuir com comentário