Firefox, Thunderbird, pastas e integração Windows e Linux

Firefox e Thunderbird idênticos no Windows e Linux. Imagine poder usar os mesmos programas com os mesmos dados tanto no Windows como no Linux? Neste artigo vou mostrar uma forma simples de integrar os dados dos programas. Os alvos desta vez serão: Firefox, Thunderbird, Wine e pastas do usuário.

[ Hits: 20.805 ]

Por: Juliano Alves dos Santos em 29/03/2010


Agora a parte fácil



AVISO: Este tutorial está baseado numa versão Windows 7 e para o Vista. Se você usa o Windows XP deverá consultar e aplicar exatamente os caminhos nos links. As pastas não são iguais entre XP e as novas edições.

Abra a pasta do usuário Linux.

Renomeie as pastas que farão referência a outro destino, faça isso porque vamos fazer links para as pastas de mesmo conteúdo no Windows. Pode fazer isso no gerenciador de arquivos mesmo.

No meu caso mudei os nomes assim:

  • Área de Trabalho -> Área de Trabalho-2
  • Documentos -> Documentos-2
  • Downloads -> Downloads-2
  • Imagens -> Imagens-2
  • Música -> Música-2
  • Vídeos -> Vídeos-2
    Agora faremos os links simbólicos.

    AVISO: No meu caso os arquivos ficavam numa outra HD montada em /julas. Então usarei este caminho como exemplo. Mas se você manteve tudo igual e não alterou o caminho das pastas, substitua /julas pelo caminho da montagem do Windows seguido do caminho do usuário Windows.

    Ex.: /windows/Users/FULANO/

    Agora vá para o terminal e digite (para ir para a pasta principal do usuário Linux):

    cd ~

    Para criar o link simbólico apontando para o Desktop do Windows:

    ln -s /julas/Desktop/ Área\ de\ Trabalho ## aqui temos as barras invertidas porque é um nome de pasta composto, pois possui espaços no nome.

    Pode ser que ocorra uma desordem de Desktop, mais abaixo segue uma correção bem simples.

    Para criar o link simbólico apontando para a pasta com Documentos:

    ln -s /julas/Documents/ Documentos

    Para criar o link simbólico apontando para a pasta de downloads:

    ln -s /julas/Downloads/ Downloads

    Para criar o link simbólico apontando para a pasta de imagens:

    ln -s /julas/Pictures/ Imagens

    Para criar o link simbólico apontando para a pasta de música:

    ln -s /julas/Music/ Música

    Para criar o link simbólico apontando para a pasta de vídeos:

    ln -s /julas/Videos/ Vídeos

    Se caso acontecer de bagunçar sua área de trabalho, ou não funcionar adequadamente, dentro da pasta do usuário tem um arquivo de configuração que você pode definir os diretórios (.config/user-dir.dir).

    Agora é hora do VooDoo

    Magia negra pura!

    Você como muitos outros, gostaria de usar seus programas Windows no Linux não é? Fácil! Vamos fazer o Wine consultar o Windows, e não alguns pedaços que vem com o pacote.

    Vá para o terminal! Esqueça do root, ele não está disponível hoje.

    # = Zzz

    E ainda considerando meu caso (Windows montado em: /windows):

    cd .wine
    $ mv drive_c drive_c-2
    $ ln -s /windows drive_c


    Neste caso estamos informado ao wine que pode se alimentar de DLLs e VXDs nativos do Windows. Eu uso o Corel Draw, Photoshop, Dreamweaver e muitos outros programas via wine com esse recurso.

    Lembrando que isso só serve para os programas que não necessitam de aplicações que dependem de serviços rodando em tempo real antes da execução, como os dependentes do .netframework.

    E tudo pronto! Agora não importa se você está no Windows ou no Linux, poderá desfrutar dos arquivos nos mesmos lugares e usar o Firefox e Thunderbird igualmente. E ainda tirar uma casquinha do Windows dentro do Linux usando wine.

    Resumindo, o Windows foi assimilado!

    Abraço. Boa sorte!

  • Página anterior    

    Páginas do artigo
       1. Introdução
       2. Etapa Linux
       3. Agora a parte fácil
    Outros artigos deste autor

    Super Desktop com Ubuntu Linux 9.10

    Minhas experiências com GNU/Linux e o Unity no Ubuntu 13.04

    Novo driver Nvidia - Resolvendo travamento Compiz + Ubuntu 7.10

    Potencializando o elementary OS

    Leitura recomendada

    Atualizando Compiz Fusion em Sabayon Linux

    Instalar o Composer - Framework para o Ginga - NCL

    SparkleShare - Uma alternativa livre do Dropbox

    Instalando Carraro DashBoard

    Mentis - Reprograme-se

      
    Comentários
    [1] Comentário enviado por albfneto em 29/03/2010 - 21:50h

    Muito bom artigo, bem útil....!

    [2] Comentário enviado por ipi em 29/03/2010 - 23:48h

    Doido isso, muito muito bom, um dia me atrevo em experimentar, q sobrar um tempo aki. A prepósito, vc usa quais versões de Corel Draw, Photoshop, Dreamweaver? roda tudo normalmente (sem pau)?.

    Valeu e parabéns!

    [3] Comentário enviado por joaocagnoni em 30/03/2010 - 12:12h

    Um dos melhores artigos que já li no VOL. Simples, prático, objetivo, e com certeza ajudará muita gente.

    [4] Comentário enviado por Teixeira em 03/04/2010 - 23:13h

    C-r-a-a-a-z-y!
    Também irei experimentar um dia!...


    Contribuir com comentário