Dominando o BrOffice.org: Tabelas no Writer; Uso do Navegador de Objetos

Neste tomo final da nossa trilogia sobre o BrOffice.org, manipularemos tabelas no Writer; aprenderemos como fazer cálculos simples com estas e como formatá-las. Veremos também o utilíssimo Navegador de Objetos.

[ Hits: 71.373 ]

Por: morvan bliasby em 17/05/2010


Tabelas no Writer - Aninhamento de Tabelas, Barra de Contexto



Na imagem exibida anteriormente, vê-se destacadamente o ícone Criar Tabela. Vê-se também que este ícone é uma mini Caixa de combinação; se se clica diretamente no ícone, aparece o diálogo de inserção de tabelas; em se clicando na setinha da Caixa de Combinação, o processador nos mostra um controle tabulado onde se pode, através de um simples Arrastar e Soltar, escolher, comodamente e em tempo real, o número de células da nossa tabela.

Este ícone é replicado na Barra Suspensa de Tabelas, pois o usuário pode aninhar tabelas dentro de outras, caso necessário e desejado. O Writer permite que se aninhem ou se embutam várias tabelas dentro de outras tabelas, limitando-se o número de tabelas aninhadas apenas pela imaginação (e pela RAM, claro) do usuário.

Exemplo de tabelas aninhadas no Writer

Planejando a sua tabela

Antes de inserir a sua tabela, é importante ter uma visão prévia do resultado desejado, bem como estimar corretamente o número de células da sua tabela. Pode-se argumentar que estes parâmetros podem ser mudados a qualquer tempo, mas se se fizer o planejamento prévio, certamente se obterá mais produtividade e menos necessidade de ajustes.

Ao abrir o diálogo de criação das tabelas o processador de texto nos pergunta o nome da tabela. Se for um trabalho pequeno, com uma ou duas tabelas, esta informação pode ser negligenciada, deixando o próprio processador de texto nominar, de modo automático e sequencial, a tabela. Porém, em um trabalho complexo, acostume-se a "dar nomes aos objetos".

Ficará muito mais fácil localizar os objetos pelo seu nome, com o uso do Navegador de Objetos, que veremos ainda neste tomo. Se você não nominou uma tabela, ou o fez e quer lhe mudar este nome, isto não é problema. A qualquer tempo pode-se clicar na tabela e acessar as suas propriedades, seja com o uso da Barra Suspensa de Tabelas ou com o botão de atalho (menu contextual), e mudar-lhe algumas propriedades, inclusive o seu nome.

Observe também que é possível sempre ver o nome e a posição em que nos encontramos em uma tabela a partir da Barra de Status. Já, falamos, em nosso primeiro artigo, sobre a importância da Barra de Status, lamentando, inclusive, a pouca atenção que lhe é dada pela maioria dos usuários, acredita-se, por desconhecerem os seus recursos.

Já se falou bastante na Barra Suspensa de Tabelas. É bom que tenhamos uma visão panorâmica desta Barra Contextual, mostrando-nos, sucintamente, o que faz cada ícone desta Barra de Atalhos.

Barra Contextual de Objetos Tabelas com Explicação dos ícones que a compõem
Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Tabelas no Writer
   2. Tabelas no Writer - Aninhamento de Tabelas, Barra de Contexto
   3. Inserindo nossa primeira tabela
   4. Criando tabelas a partir de texto plano
   5. Cálculos simples em tabelas
   6. Tabelas totalmente relocáveis no Writer; Uso do navegador de objetos
   7. Conclusão; Sugestões de Bibliografia e Aprofundamento em BrOffice.org
Outros artigos deste autor

Como Instalar Seu Adaptador WiFi RTL8821 No GNU-Linux

SL no Estado do Ceará: repensando a nossa forma de atuação e engajamento

Dominando o BrOffice.org: Pincel de Estilo, Sumários e Objetos OLE no Writer

Configurando o seu teclado sem fio (e, via de regra, sem LEDs indicadores de estado) no Linux

Introdução ao gEDA - Suíte de eletrônica

Leitura recomendada

Instalando a impressora Canon i250 no Linux

CoGrOO (Corretor Gramatical acoplável ao OpenOffice)

OpenOffice salvando arquivos no formato .doc, .xls e .ppt automaticamente

Inserindo ou alternando números de páginas no OpenOffice.org

Criando formulário e subtotais no OpenOffice.org Calc

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 17/05/2010 - 17:28h

Arghhhhhhh.....
Este trabalaho está simplesmente e-x-p-l-ê-n-d-i-d-o...
10
10
10

[2] Comentário enviado por Teixeira em 18/05/2010 - 14:07h

Muito bom!!!!
Um trabalho de excelente qualidade, que demonstra com clareza que software livre nem sempre fica a dever ao software proprietário.
É muito fácil e intuitivo implementar tabelas dessa forma.
Vai para os meus favoritos, para que possa mostrar às pessoas realmente interessadas em obter resultados.

[3] Comentário enviado por julio_hoffimann em 18/05/2010 - 18:47h

Morvan, belo artigo!

Já venho acompanhando a série e cada vez mais fico impressionado com a sua destreza no assunto. A comunidade VOL agradece e tem seu diferencial por conta de membros como você.

Parabéns!

[4] Comentário enviado por morvan em 21/05/2010 - 15:53h

Boa tarde. Agradeço a todos por todos os comentários.
É o nosso dever (contribuir, de algum modo, com o SL e em busca de uma sociedade [mais] justa) e o faço com prazer. Afinal, as flores que engalanam o nosso caminho foram engendradas por mãos calejadas...

Longa vida ao SL.

Morvan, usuário Linux #433640.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts