Desenvolvimento de jogos com Monogame e Monodevelop

O artigo será escrito com base na comunidade do Monogame (www.monogame.net) e tem como finalidade aumentar o número de desenvolvedores.

[ Hits: 7.099 ]

Por: Nikki Kranjac em 09/12/2015


Introdução



Estamos lidando com framework, que é bem diferente do ambiente "Engine" e vamos deixar claro, não podemos comparar com Unity 3D.

Framework é um conjunto de códigos que já vem com um padrão de mostrar a tela e uma classe pronta para colocarmos qualquer coisa ali dentro.

Engine é um ambiente que integra uma interface gráfica para arrastar os conteúdos do script, shader, objeto ali dentro de forma fácil, porém exigirá um tempo maior de instalação. Na Engine vem tudo pronto para o usuário criar terrenos e assets e no Framework só existirá uma classe principal em csharp, tratando de Monogame SDK e nada mais.

Meu objetivo com esse tema é tirar o medo de usar Framework. Quando se entra no desenvolvimento de games você possui várias escolhas e oportunidades. Meu objetivo é ser pioneiro com esta ferramenta, já que poucos brasileiros a conhecem até o momento. Meu objetivo é criar algo totalmente novo no Brasil, trazendo não só outro mercado Indie, mas uma outra tecnologia.

Monogame SDK - o que realmente você quer dizer com framework concept

Antes de começar a escrever como instalar a ferramenta é preciso saber o que é Monogame.
  • Em 2009 José Antonio Leal de Farias teve a ideia de criar jogos em Xna para dispositivos móveis.
  • Em 2010 o negócio ganhou mercado na Apple Store.
  • Em 2011 o projeto entrou no github e foi renomeado para Monogame SDK, antes levava o nome de XNA. Em março ele se torna código aberto para que outros usuários ajudassem a desenvolver o framework, tendo como foco sempre solucionar problemas com portabilidade e renderizações gráficas.
  • O projeto acabou conhecendo o Opengl e permitiu que usuário de qualquer plataforma Linux, Windows e Mac usassem o SDK para desenvolver suas aplicações e interagir colocando novas atualizações.
  • Em 2011 o projeto fica por conta de Dominique Louis.
  • Em 2012 a Microsoft lança o DirectX e começar a se focar na produção de jogos com Xna, porém frustou alguns de nossos parceiros do Linux, já que atualmente o foco da ferramenta está com mais atenção no Windows Store, Windows Phone e Xbox. Isso gerou um conflito entre usuários Linux e Windows dentro da comunidade. Apesar disso, o conteúdo continua sendo de código aberto e ainda existem documentações para instalar a ferramenta no seu Ubuntu 15.10. Até agora, só existe para Ubuntu, pode ser que tenha suporte em outras versões futuramente.
  • Em 2013 a Microsoft lançou diversos jogos produzidos em Monogame para Playstation 4.
  • Em 2014 até os dias atuais o projeto é liderado por Tom Spilman e Steve Williams.

Bom, na próxima página vamos mostrar todos os passos para instalar o ambiente do Monogame SDK.

Fonte: http://www.monogame.net/about/

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Instalando Monodevelop no seu Ubuntu 15.10
   3. Configurando MonoGame SDK no seu Ubuntu 15.10
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Criando um servidor de Ultima Online

Como instalar um joystick analógico no Linux

VBA-M: "novo" emulador de Game Boy Advance para GNU/Linux

Jogos para Linux (parte 3)

Stella: Crie o seu próprio arcade ATARI 2600

  
Comentários
[1] Comentário enviado por sergeimartao em 09/12/2015 - 22:02h

Não conhecia essa ferramenta, esperando sair o segundo artigo para entender as vantagens e desvantagens de utiliza-la. Vlw pelo o artigo!

[2] Comentário enviado por NikkiKranjac em 10/12/2015 - 22:21h


[1] Comentário enviado por sergeimartao em 09/12/2015 - 22:02h

Não conhecia essa ferramenta, esperando sair o segundo artigo para entender as vantagens e desvantagens de utiliza-la. Vlw pelo o artigo!


Sim, a ferramenta ainda deixa disponivel um adicional monogame-sdk.run que configura no seu monodevelop sozinho automático poderá ser baixo no site www.monogame.net em ubuntu other derivates =)

[3] Comentário enviado por NikkiKranjac em 10/12/2015 - 22:22h


[1] Comentário enviado por sergeimartao em 09/12/2015 - 22:02h

Não conhecia essa ferramenta, esperando sair o segundo artigo para entender as vantagens e desvantagens de utiliza-la. Vlw pelo o artigo!


Eu ainda estou começando a trabalhar com o framework sou novato na área mas como o assunto é bastante extenso resolvi criar um artigo de introdução e o próximo vai ser como eu estou criando o jogo completo em 9 fases desde a classe em c# até a criação dos assets do jogo.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts