Cryptkeeper - Transportando arquivos com segurança no pendrive

Cryptkeeper é uma maneira bastante prática de criar uma pasta criptografada em um pendrive ou HD externo para transportar com segurança seus arquivos importantes, caso você utilize estas mídias frequentemente em lugares diferentes, sem correr o risco de danificar a mesma.

[ Hits: 6.797 ]

Por: Fernando T. Da Silva em 14/07/2015 | Blog: http://meumundotux.blogspot.com.br/


Transportando arquivos com segurança no pendrive com Cryptkeeper



Se você costuma levar o seu pendrive de um lugar para outro e costuma levar arquivos importantes que não devem ser vistos por qualquer um, ou não tão importantes assim, mas não que outras pessoas fiquem bisbilhotando o mesmo caso você perca, esqueça ou o mesmo seja roubado, é importante que os arquivos dentro dele estejam criptografados para que não sejam acessados.

Uma maneira prática é criar uma pasta criptografada no pendrive para esta finalidade podendo utilizar o restante do pendrive normalmente para copiar e reproduzir arquivos em qualquer sistema operacional, já que o diretório raiz do pendrive não está criptografado e o filesystem não foi alterado, não correndo o risco de danificar o mesmo.

O procedimento da criação da pasta criptografada, montagem e desmontagem da mesma foi realizando em computadores com GNU/Linux em diferentes distros.

Para isto precisamos instalar o pacote encfs, o rlog ou librlog, dependendo da distro (contém a lib librlog) e o Cryptkeeper (GUI de fácil uso do encfs) podendo ser necessário instalar algumas outras dependências.

Após instalados todos os pacotes necessários e dependências (caso tenha havido dependendo da origem que foram obtidos os pacotes), vamos começar então.

1. Conecte o pendrive desejado na porta USB do seu computador e monte o mesmo normalmente.

2. Dentro do pendrive crie a pasta "transporte" ou use outro nome de sua preferência, ou também, se preferir, utilize a raiz do pendrive para armazenar a pasta criptografada não sendo então necessário criar a pasta transporte e desconsiderar as partes que falam dela neste caso, já que o procedimento é exatamente igual.

3. Execute o comando:

cryptkeeper &

Em uma janela de terminal para enviar para o segundo plano, onde aparecerá um ícone de chaves no system tray próximo ao relógio, clique nele com o botão direito do mouse e escolha "Preferências", em "Navegador de Arquivos", coloque o nome do seu gerenciador de arquivos preferido, como thunar, nautilus, xfe etc.

4. Agora clique com o botão esquerdo no ícone de chaves e escolha "Nova pasta criptografada".

5. Na janela de diretório do Cryptkeeper acesse o ponto de montagem do pendrive e entre na pasta transporte que foi criada anteriormente através do mesmo.

6. Em "Nome" digite o nome da pasta que conterá os arquivos não criptografados (não precisa clicar no botão "Criar"), como exemplo: "confidencial", onde esta pasta será usada como ponto de montagem para os arquivos que não estão criptografados, após clique em avançar, digite a senha de acesso aos arquivos desta pasta e clique novamente em avançar. Pronto, está concluído e a pasta confidencial já estará montada pronta para receber arquivos a serem criptografados. A pasta confidencial será criada dentro da pasta transporte do pendrive.
Linux: Cryptkeeper - Transportando arquivos com segurança no pendrive
Notas:

Para criptografar arquivos você deve copiar para dentro da pasta confidencial do pendrive.

Enquanto a pasta confidencial estiver montada (como se fosse uma unidade de disco) você pode copiar, deletar e editar arquivos no pendrive normalmente, sendo que ao desmontar a pasta confidencial, você não mais conseguirá acessar os arquivos dela e a pasta confidencial desaparecerá do pendrive, pois a mesma é sempre recriada a cada montagem (salvo se você não modificou isto nas preferências).

Para desmontar a pasta confidencial, impedido assim a abertura de qualquer arquivo, clique no ícone de chaves com o botão esquerdo do mouse e desmarque o nome da mesma que contém o caminho completo dela e para montar é o contrário, marque a mesma e digite a senha.

df
Sist. Arq. 1K-blocks  Usado  Disponível Uso% Montado em
/dev/sdb    123644    28706  94938      24%  /run/media/nando/4A72-314A
encfs       123644    28706  94938      24%  /run/media/nando/4A72-314A/transporte/confidencial
    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Transportando arquivos com segurança no pendrive com Cryptkeeper
   2. Acessando os arquivos da pasta criptografada em outro computador com GNU/Linux
Outros artigos deste autor

Chromecast - Upgrade de sua TV LED sem Wi-Fi

Instalação do Linux em dual boot com Windows 10 em notebook Samsung

Multifuncional HP Deskjet Ink Advantage 2546 no GNU/Linux

Aprendendo a utilizar o Window Maker

Instalando o MEO Cloud em qualquer distro GNU/Linux

Leitura recomendada

Virtualização - VirtualBox em modo texto e acesso remoto

Uma breve introdução ao Audacity

OneOrZero Helpdesk

Image2mpeg - Prepare suas imagens para apresentação em DVD

Compilando e instalando o recordMyDesktop no Linux Slackware

  
Comentários
[1] Comentário enviado por digitalx em 14/07/2015 - 13:58h

Boa dica, esse eu não conhecia. Uma alternativa bastante poderosa e muito simples de usar é o ZuluCrypt, vale a pena conferir.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts