Criando um mirror LVM nível 1

Criando um mirror LVM nível 1 (m1).

[ Hits: 11.459 ]

Por: Rodrigo Carvalho em 03/01/2012


Preparando o mirror LVM



Após particionarmos o novo disco para ser atendido para o Mirror LVM vamos iniciar o processo de criação:

1 - Crie os PVs (Physical Volumes) com o comando abaixo:

# pvcreate /dev/sdb5 /dev/sdb6

Após o termino de criação dos PVs, execute o comando 'pvs' para visualizar todos os PVs existentes:

# pvs

  PV         VG     Fmt  Attr PSize  PFree   /dev/sda2  rootvg lvm2 a-   19.73g  5.20g   /dev/sdb5  rootvg lvm2 a-    1.00g  1.00g   /dev/sdb6  rootvg lvm2 a-   18.72g 18.72g
2 - Adicione os novos PVs ao VG do sistema como abaixo:

Obs.: Neste momento devemos adicionar primeiro o PV de tamanho maior para não termos problemas de PE. Irei explicar mais sobre isto no futuro.

# vgextend rootvg /dev/sdb6 /dev/sdb5

3 - Após o término de adição dos novos PVs ao VG do sistema, vamos verificar que agora existe 3 PV e 7 LV, como abaixo:

# vgs

A saída seria:
  VG     #PV #LV #SN Attr   VSize  VFree   rootvg   3   7   0 wz--n- 39.45g 24.92g

Iniciando e configurando o mirror LVM

Agora estamos aptos a criar um mirror LVM de nível 1.

1 - Vamos verificar as informações de cada LV pertencentes ao VG rootvg como abaixo:

# lvs

A saída seria:
  LV      VG     Attr   LSize   Origin Snap%  Move Log Copy%  Convert
  jbosslv rootvg -wi-ao   5.00g
  locallv rootvg -wi-ao   2.00g
  rootlv  rootvg -wi-ao   1.00g
  swaplv  rootvg -wi-ao   1.00g
  tmplv   rootvg -wi-ao 512.00m
  usrlv   rootvg -wi-ao   3.03g
  varlv   rootvg -wi-ao   2.00g

2 - Vamos criar o Mirror neste momento, para isto execute os passos abaixo:

# lvconvert -m 1 rootvg/jbosslv

Saída do comando:
  rootvg/jbosslv: Converted: 0.0%
  rootvg/jbosslv: Converted: 12.5%
  rootvg/jbosslv: Converted: 26.2%
  rootvg/jbosslv: Converted: 40.3%
  rootvg/jbosslv: Converted: 46.6%
  rootvg/jbosslv: Converted: 49.7%
  rootvg/jbosslv: Converted: 57.5%
  rootvg/jbosslv: Converted: 70.6%
  rootvg/jbosslv: Converted: 84.7%
  rootvg/jbosslv: Converted: 97.8%
  rootvg/jbosslv: Converted: 100.0%

3 - Repita para cada LV que você deseje adicionar ao mirror, ao término sua estrutura deverá estar como abaixo:

# lvs

Saída do comando:
  LV      VG     Attr   LSize   Origin Snap%  Move Log          Copy%  Convert   jbosslv rootvg mwi-ao   5.00g                    jbosslv_mlog 100.00   locallv rootvg mwi-ao   2.00g                    locallv_mlog 100.00   rootlv  rootvg mwi-ao   1.00g                    rootlv_mlog  100.00   swaplv  rootvg mwi-ao   1.00g                    swaplv_mlog  100.00   tmplv   rootvg mwi-ao 512.00m                    tmplv_mlog   100.00   usrlv   rootvg mwi-ao   3.03g                    usrlv_mlog   100.00   varlv   rootvg mwi-ao   2.00g                    varlv_mlog   100.00

Terminamos o nosso mirror LVM nível 1.

Dúvidas e sugestões, estou à disposição.

Um grande abraço a todos e espero ter ajudado.
Página anterior    

Páginas do artigo
   1. O que é LVM?
   2. Preparando o mirror LVM
Outros artigos deste autor

Adicionando ou removendo discos do Storage

Recuperando sistema em mirror LVM 1

Leitura recomendada

Instalando um servidor LAMP no OpenSuSE

Apache + Virtual Host + DNS no Debian Lenny

Aprimoramento de Desempenho da Instalação Debian (parte 2)

Instalação do sidux

Instalação e configuração do gdesklets no Slackware 10

  
Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts