Configurando o Fortune

Este artigo ensina a configurar o Fortune, o programa que exibe mensagens aleatórias no Linux. O leitor aprenderá a executar chamadas personalizadas para ele, além de aprender a criar seus próprios arquivos de mensagens para exibição.

[ Hits: 38.313 ]

Por: José Lopes de Oliveira Jr. em 29/05/2006 | Blog: http://hakspek.blogspot.com


Conclusão



O Fortune é um programa muito interessante e pode ser utilizado em várias ocasiões dentro do sistema, além de poder ser configurado para que exiba somente as mensagens cadastradas pelo usuário. O que mostra que, além de simples, é bastante flexível.

Como foi mostrado, a configuração do Fortune não é complicada, bastando que o usuário tenha atenção neste processo. Além disso, há a possibilidade de que os usuários se unam e criem arquivos de mensagens específicos para usuários brasileiros, que, de repente, poderiam ser inseridos em versões nacionais de muitas distribuições Linux.

Referências


Linux.com (2006) How-to do Fortune
http://www.linux.com/howtos/Portuguese-HOWTO-6.shtml, março.

Página de manuais (2006) Manual do Fortune, Acessível no sistema pelo comando:

$ man fortune

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Chamando o Fortune
   3. Criando um arquivo de mensagens
   4. Conclusão
Outros artigos deste autor

Instalação e configuração do J2SE

Compilação comentada do kernel

Qual distribuição usar

Instalação e configuração do MySQL 4.0.26, Apache 2.0.54, PHP 5.0.4 e PHP-Nuke 7.8 no Slackware 10.1

Esquemas de particionamento e sistemas de arquivos

Leitura recomendada

Configurando placa de som CMI8738

Configurando o CACIC (parte 5)

Um pouco sobre otimização

OpenLDAP com suporte ao MySQL

Porque o Linux é difícil

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 29/05/2006 - 10:34h

?

[2] Comentário enviado por FelipeAbella em 02/06/2006 - 09:55h

Eu não conhecia esses comandos.

Parabéns pelo artigo.

[3] Comentário enviado por tenchi em 15/09/2006 - 11:02h

Ah, excelente mesmo essas mensagens... No slackware elas são executadas sempre quando logamos. Isso deixa o terminal mais 'amigável'...
E existem vários modos de se converter um arquivo criado no DOS para o linux.
Um meio, disponível no slackware, eh o seguinte:
$fromdos < arquivoDOS > arquivoLinux

Ou há também um 'programa' (script, que não deixa de ser um programa) chamado funcoeszz (http://funcoeszz.net/) , que tem uma funcão que pode ser chamada pelo comando:

$zzdos2linux arquivoDOS.txt # que irá gerar um arquivo arquivoDOS.linux

E eh claro, o processo contrário também é possível, com o comando

$zzlinux2dos arquivoLinux # que vai gerar um arquivo arquivoLinux.dos

Eh isso... Sei que não tem muito a ver com a dica, mas isso prova que arquivos editados no windows funcionam normalmente no linux, com um pouco de esforço... rsrrs.

Falow.

[4] Comentário enviado por gpr.ppg.br em 03/10/2008 - 16:06h

eu adoro esse programa.

[5] Comentário enviado por yetlinux em 20/05/2009 - 02:48h

"zzlinux2dos" e "zzdos2linux" não são das funçõeszz do Aurélio? Precisam ser baixadas do site dele.
Existem comandos para converter os arquivos: unix2dos e dos2unix.


Contribuir com comentário